Prefeitura de Salvador adia o lançamento de edital do transporte coletivo

segunda-feira, 21 de abril de 2014

A prefeitura decidiu adiar a liberação do acesso ao edital de concessão do Sistema de Transporte Coletivo de Salvador (STCO), que seria divulgado ontem, para a próxima quarta-feira (23), por conta da greve da Polícia Militar. Um dia antes, na terça, o ex-secretário nacional de Turismo, Fábio Mota (PMDB), assume a Secretaria de Urbanismo e Transporte (Semut).

Ele foi convidado pelo prefeito ACM Neto (DEM) para o cargo na segunda e, ontem, confirmou sua ida para a pasta, cinco dias após a desistência do ex-deputado Leur Lomanto (PMDB), que assumiria o posto ocupado até março por José Carlos Aleluia (DEM), que vai disputar as eleições.

De acordo com a assessoria da Semut, para ter acesso ao edital de licitação, os interessados deverão comparecer à sede da Semut, no bairro da Federação. Lá, irão preencher um cadastro e receberão o documento com as exigências digitalizado – são cerca de 300 páginas. A abertura dos envelopes ocorrerá no dia 10 de junho, 48 dias após o lançamento do edital.

A expectativa da prefeitura é que, até dezembro deste ano, o novo sistema já esteja em operação. Podem participar da concorrência empresas ou consórcios, que irão disputar três zonas: Subúrbio/Península (setor A), Miolo (B) e Orla/Centro (C).

Serão declarados vencedores aqueles que ofertarem as maiores outorgas financeiras.O prazo do contrato de concessão para os interessados em atuar no STCO vai durar 25 anos. A partir da licitação, a média de idade da frota de coletivos, que chegou a ser de 10 anos, irá diminuir para 3,5 anos, até 2016.

Além disso, todos os novos ônibus incorporados à frota (380 estão previstos para agosto) devem possuir sistema de ventilação e acesso adaptado para pessoas com mobilidade reduzida. Outro destaque da proposta é que as concessionárias devem prestar informações, por meio dos painéis de mensagens, sobre os horários em tempo real nos terminais, estações e pontos de parada.

READ MORE - Prefeitura de Salvador adia o lançamento de edital do transporte coletivo

Tarifa do transporte coletivo de Goiânia será R$ 2,80 a partir do dia 03 de maio

Reunião realizada na noite desta quarta-feira (16) com membros da Câmara Deliberativa do Transporte Coletivo (CDTC) no Paço Municipal, em Goiânia, definiu o reajuste que será aplicado na tarifa do transporte coletivo. A partir do dia 03 de maio, o valor da passagem passa de R$ 2,70 para R$ 2,80 na capital e Região Metropolitana.

O reajuste no valor da tarifa contou com o crivo de prefeitos de cidades da Região Metropolitana, secretário de Infraestrutura, Cidades e Assuntos Metropolitanos (Sicam), João Balestra, e a presidente da Companhia Metropolitana de Transportes Coletivos (CMTC), Patrícia Veras. 

Melhorias

Além do reajuste, a reunião definiu dez pontos que serão melhorados no transporte público, entre eles, a volta do Ganha Tempo, instalação de câmeras dentro dos ônibus para coibir assaltos e assédios, retorno dos organizadores de filas e aumento de 151 veículos na frota.

Protestos

Nos últimos dias vários ônibus do transporte coletivo foram apedrejados e incinerados em Goiânia. Usuários protestaram contra atrasos, superlotação e o possível aumento da passagem. Confirmado o reajuste de R$ 0,10 centavos , mais protestos são cogitados nas redes sociais.

READ MORE - Tarifa do transporte coletivo de Goiânia será R$ 2,80 a partir do dia 03 de maio

Com novas linhas, BRT Move passará pelo Mineirão

Um total de 23 mil novos usuários passaram a fazer parte do sistema de transporte BRT Move em Belo Horizonte desde o último fim de semana. Três linhas passaram a ter ponto de embarque e desembarque dentro da Estação São Gabriel nesta etapa de implantação: as linhas 503 (Santa Rosa/Aparecida/São Luis), 504 (Santa Rosa/Aparecida/São Luis) e 702 (Xodó – Marise/Estação Minas Shopping).
Foto: Jair Amaral/EM/D.A.Press
Assim, a linha 503 passa a se chamar “Estação São Gabriel/Aparecida/Santa Rosa” e a 504 “Estação São Gabriel/Santa Rosa/Aparecida”.

Além disso, a linha 5508 (Aarão Reis via Minaslândia) será transformada na alimentadora 734 (Estação São Gabriel/Aarão Reis Via Minaslândia), e a 5523A (Conjunto Paulo VI) na alimentadora 815 (Estação São Gabriel/Conjunto Paulo VI).  Haverá, ainda, a criação de uma nova linha, a 9850, ligando a Estação São Gabriel à Estação José Cândido. Com isso, os usuários terão, na Estação São Gabriel, novos acessos a diferentes bairros das regiões Norte, Nordeste e Pampulha, ao centro de forma direta, à Região Hospitalar e à Savassi.

Também a partir do último fim de semana, os usuários que chegam à Estação São Gabriel por linhas alimentadoras podem, por exemplo, fazer a integração com as linhas 503 e 504, que levam ao estádio Mineirão, ao Shopping Del Rey ou à UFMG (acesso pela Carlos Luz), sem o custo adicional de passagem.

Balanço
Desde que entrou em operação, em 8 de março, estava previsto que o Move Cristiano Machado transportasse cerca de 30 mil pessoas/dia. Porém, no dia 2 de abril (pico máximo), mais de 47 mil usuários foram transportados, com o incremento de novas viagens para atender à demanda adicional.

Em média, estão sendo feitas 70 viagens/dia na linha 83 D (Estação São Gabriel/Centro Direta); 60 viagens/dia na linha 83P(Estação São Gabriel/Centro, Paradora) e 62 viagens/dia na linha 82 (Estação São Gabriel/Região Hospitalar e Savassi).

READ MORE - Com novas linhas, BRT Move passará pelo Mineirão

Propostas para o metrô de Porto Alegre serão recebidas na terça-feira

Uma sessão pública será realizada na terça-feira (22) para que a prefeitura de Porto Alegre e o governo do estado do Rio Grande do Sul recebam os estudos da Manifestação de Interesse da Iniciativa Privada para o Metrô da capital. Os documentos poderão ser entregues das 14h às 16h, no Escritório do MetrôPoa, na Avenida Padre Cacique, 290.

Entre os critérios que serão considerados na seleção dos projetos estão maior disponibilidade de serviço, menor tempo de viagem e etapas do processo de deslocamento, acessibilidade, infraestrutura de atendimento, estrutura física e equipamentos para interface e informação ao usuário, conforto para os passageiros e planos e dispositivos de segurança. Os projetos serão avaliados pela Comissão Técnica do MetrôPoa, composta por funcionários da prefeitura e do estado, para subsidiar o futuro edital de licitação e a minuta de contrato da Parceria Público-Privada (PPP).

O edital vai definir o vencedor da PPP, responsável pelo projeto executivo e obra, estimada em cinco anos, e operação e manutenção da linha do metrô por 25 anos. O projeto MetrôPoa tem investimento total orçado em R$ 4,84 bilhões para execução das obras. Deste valor, o governo federal destinará R$ 1,77 bilhão, o governo do estado R$ 1,08 bilhão, a prefeitura R$ 690 milhões e o parceiro privado R$ 1,3 bilhão.

READ MORE - Propostas para o metrô de Porto Alegre serão recebidas na terça-feira

Fetranspor garante mais ônibus e previsibilidade na duração das viagens

Avanços de infraestrutura e previsibilidade nas viagens estão entre as melhorias previstas para o transporte público do Rio de Janeiro, apontadas no seminário “O Rio Não Pode Parar". O evento foi realizado na terça-feira (15), na Associação Comercial do Rio de Janeiro. A diretora de mobilidade urbana da Fetranspor, Richele Cabral, apresentou os recentes avanços nos projetos dos corredores BRT e BRS, que são implantados por toda a cidade.

Richele informou que as melhorias estão sendo viabilizadas devido a uma conscientização da necessidade de priorização da questão do transporte. “A gente hoje sabe que uma melhor qualidade do transporte está muito relacionada com o tempo de viagem. O BRS é um primeiro caminho para isso, onde a gente consegue diminuir o tempo de viagem das pessoas”, pontuou.

Foram abordados também também os benefícios do sistema BRT. A diretora da Fetranspor lembrou que o sistema oferece melhorias de acessibilidade, informações nos pontos e veículos, ar-condicionado em todos os veículos e estações alimentadoras, além de exclusividade da via. 

“É a ‘metronização’ do sistema rodoviário, onde teremos qualidade total e a previsibilidade. O usuário vai poder saber que horas vai entrar no ônibus e que horas ele chega ao destino. Ou seja, a pessoa vai poder prever a viagem dela”, assegurou.

O ônibus da TransCarioca vai poder ser utilizado pelo sistema TransOeste, ampliando a oferta nos horários de pico, que são diferentes nos dois sistemas. Assim, vai haver uma oferta maior nos locais e horários nos quais existir maior necessidade.

Novos veículos também já começaram a ser introduzidos na frota. Dez outros carros da TransCarioca estão sendo implantados. A intenção, segundo Richele, é alcançar a diminuição do fluxo, organizando melhor todo o sistema de transporte e melhorar a qualidade do serviço prestado para todos os usuários.

Problemas ligados à informação visual também estão sendo trabalhados. A perspectiva é distribuir por toda a cidade informações sobre horários e trajetos dos ônibus em papel e garantir o acesso tecnológico a essas informações em smartphones e tablets. “Com o aplicativo ‘Vai de ônibus’, as pessoas poderão ter todas as informações para planejar suas viagens, mesmo sem saber os endereços com precisão, indicando só pontos de referência. A partir de pontos de interesse, a pessoa poderá ter todas as opções de transporte que estão disponíveis para utilizar”, explicou Richele.

READ MORE - Fetranspor garante mais ônibus e previsibilidade na duração das viagens

Multinacional lança ‘Google transit’ para ajudar usuários de transporte coletivo de Manaus

A partir desta quarta-feira (16) os usuários do transporte público em Manaus poderão contar com uma ferramenta estratégica do Google que oferece informações sobre o sistema de acordo com a localização e destino do usuário.

Segundo o diretor de novos negócios do Google Brasil, Alessandro Germano, o “google transit” funciona junto ao aplicativo “google maps” e para utilizar basta inserir o local de saída e o destino para que, além dos trajetos sugeridos de carro e a pé, as opções de itinerários dos ônibus também apareçam na tela de quem estiver fazendo a consulta no aplicativo, desenvolvido pensando também nos turistas que virão a Manaus para assistir os jogos da Copa do Mundo de Futebol, em junho.

De acordo com Alessandro Germano, em Manaus o google transit vai disponibilizar informações sobre 2.550 mil pontos e 224 rotas de ônibus da cidade. Além de Manaus a ferramenta também será lançada em mais cinco cidades: Brasília, Cuiabá, Recife, Natal e Salvador, todas sedes de jogos da Copa do Mundo. “Com esses lançamentos, o google transit estará disponível em todas as 12 cidades brasileiras que irão sediar jogos da Copa do Mundo”, acrescentou Alessandro Germano.

A ferramenta estava presente anteriormente em São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre e Fortaleza, onde foram instalados há algum tempo.

Locomoção

Para Alessandro Germano a ferramenta vai ajudar na locomoção dos manauaras, mas também dos turistas que irão visitar a cidade durante o evento. “Os turistas vão encontrar a melhor maneira para chegar aos estádios usando transporte público ou para visitar outros lugares de interesse”, acrescentou o diretor de novos negócios.

O diretor de negócios do Google explica ainda que todas as informações são baseadas numa tabela de horários fornecida pelos órgãos de transporte público da cidade, mas também no trabalho da empresa que buscou catalogar o maior número de dados sobre os pontos de ônibus e os horários. A ferramenta google transit não prevê integração em tempo real, como possíveis atrasos provocados por um acidente de trânsito ou um temporal, eventos que poderão atrapalhar o cumprimento dos horários dos ônibus.

Como diferenciais da ferramenta, o diretor de negócios, Alessandro Germano destaca a facilidade de uso e a qualidade das informações, pois como funciona numa grande variedade de plataformas o usuário não precisa baixar um novo aplicativo para utilizar o google transit.

Outra vantagem de acordo com Alessandro Germano é que as pessoas podem reportar possíveis necessidades de correção na própria plataforma, além disso os turistas que buscarem informação vão poder encontrar no próprio idioma.

READ MORE - Multinacional lança ‘Google transit’ para ajudar usuários de transporte coletivo de Manaus

CBTU treina funcionários para receber Copa do Mundo

A Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU) vem promovendo curso em que transmitirá a parte dos funcionários o planejamento elaborado pela empresa para a Copa do Mundo. No evento, a CBTU orientará supervisores das gerências de estações, movimento e controle operacional e da coordenadoria de segurança operacional a atender público no período da competição esportiva. Representantes da gerência de comunicação e marketing e coordenadoria de atendimento ao usuário também estarão presentes.

O conteúdo será ministrado em dois horários (9h e 15h), em auditório da CBTU em Belo Horizonte. Os planos de ação serão apresentados pelo representante da companhia nos debates do Plano Operacional de Mobilidade e Segurança – Masterplan FIFA, Maurício Florentino Cordeiro, e pela integrante do grupo de trabalho interno da CBTU, Ludmylla Souza.

De acordo com Mauricio Fiorentino, o curso busca divulgar como o metrô estará envolvido na programação da Copa do Mundo. "É fundamental que os supervisores conheçam o planejamento para que possam multiplicar a informação aos demais empregados das áreas, a fim garantir um atendimento de excelência durante o mundial".

Os empregados terão acesso a detalhes sobre as unidades escolhidas como Estações Copa, que estarão integradas diretamente ao transporte de torcedores para os jogos. As unidades Minas Shopping, Santa Efigênia e Gameleira terão esse importante papel. Para orientar o público do mundial, 36 voluntários estarão à disposição nestas estações e também em Vilarinho e Central.

A estação Gameleira será a porta de entrada para a Fan Fest, evento que espera receber 21 mil pessoas no Centro de Convenções e Exposições Expominas. O treinamento ainda irá detalhar os portões e permissões de acesso para cada público do evento. Os supervisores também vão conhecer, em primeira mão, as datas e horários das atrações da Fan Fest. Entre os artistas confirmados estão: Daniela Mercury, Tiaguinho, Paula Fernandes, entre outros.

O treinamento ainda irá especificar as ações presentes nos planos de Segurança, das Estações, de Comunicação, Atendimento ao Usuário e Controle Operacional da CBTU.

Informações: CBTU
READ MORE - CBTU treina funcionários para receber Copa do Mundo

Em Cuiabá, Agentes vão intensificar fiscalização na Faixa Exclusiva para ônibus

Os veículos que forem flagrados estacionados na Faixa Exclusiva para ônibus, recém-implantada na Avenida Getúlio Vargas, em Cuiabá, a partir de terça-feira (22), já serão multados e, em caso do motorista não ser localizado para retirar o veículo, o mesmo será guinchado para o pátio da Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte Urbano (SMTU).

Os Agentes de Trânsito vão intensificar a fiscalização durante o feriado da Semana Santa, e estarão de plantão em vários pontos da avenida para evitar que os motoristas estacionem do lado direito da via. 

A implantação do corredor exclusivo causou polêmica no último final de semana quando, ao iniciar a sinalização, o trajeto que deveria ser reto, foi alargado no trecho próximo ao Hotel Amazon e virou piada nas redes sociais, sendo apelidado de 'barriga de sucuri".

Por causa da situação, o prefeito Mauro Mendes determinou que a SMTU refizesse a faixa como ela foi implantada na Avenida Isaac Póvoas, no ano passado.

Antenor alegou que a inovação de colocar a alça de fuga, próximo do Hotel Amazon, seria para fazer uma espécie de contorno aos ônibus que estivessem parados no ponto. “Tudo é feito através de estudo, nós não fazemos nada de forma aleatória", comentou. 

A faixa está sendo sinalizada pela empresa Tecnovia, que venceu a licitação de pouco mais de R$2,2 milhões para demarcar algumas ruas da Capital. Em alguns trechos, o estacionamento continuará liberado, mas apenas no lado esquerdo. Em  outros, como o que compreende o início da Getúlio Vargas e o prédio do INSS, o estacionamento continuará proibido.

 ISAAC PÓVOAS

A primeira faixa faixa de ônibus foi implantada  em setembro de 2013 e reduziu o tempo dos usuários dentro do transporte coletivo, pois aumentou a velocidade do tráfego na via.  Um ônibus trafegava em média a 13 km/h e, com a implantação da faixa exclusiva, a velocidade média passou a ser de 24 km/h.

Por Aline Francisco
READ MORE - Em Cuiabá, Agentes vão intensificar fiscalização na Faixa Exclusiva para ônibus

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960