Em Curitiba, Urbs faz mapeamento do uso do transporte coletivo por setor

segunda-feira, 15 de junho de 2020

A Urbanização de Curitiba (Urbs) está fazendo um mapeamento do uso do transporte coletivo de Curitiba por setor. O estudo servirá para elaborar, com entidades representativas dos três segmentos, um escalonamento de horários, evitando aglomerações nos ônibus da capital para conter a propagação da covid-19.

"Estamos cruzando os dados do CNPJ das empresas e os cadastros por segmento com a utilização do vale- transporte pelos funcionários. Isso vai nos dar um panorama de que segmentos estão concentrando o fluxo de passageiros nos horários de pico", explica o presidente da Urbs, Ogeny Pedro Maia Neto.

"A partir desse diagnóstico, poderemos traçar uma estratégia conjunta para evitar a lotação nos ônibus e garantir segurança ao usuário", diz.

O assunto será discutido na próxima sexta-feira (12/6) em reunião da Urbs com a Federação das Indústrias do Paraná (Fiep), Associação Comercial do Paraná (ACP) e Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Paraná (Fecomércio PR) e a Coordenação da Região Metropolitana (Comec). Na última sexta-feira (5/6) foi realizada uma reunião com a ACP para reforçar a necessidade de o comércio respeitar os horários alternativos de funcionamento – das 10h às 17h para as lojas de rua e de 12h às 20h para os shopping centers.

Apesar de funcionar com folga – a frota de ônibus está em 80% e o movimento de passageiros em 35% do normal – os horários de pico da manhã e da noite passaram a registrar forte movimento com a reabertura do comércio.

"Temos que discutir de maneira ampla, com os diversos setores, medidas flexibilizar os horários de funcionamento e por consequência de entrada e saída dos funcionários. A reabertura é essencial para a economia, mas evitar a propagação da doença, especialmente agora com as temperaturas mais baixas, é uma responsabilidade que precisa ser partilhada também pelos empresários", afirma Maia Neto.

Região Metropolitana
De acordo com o presidente da Comec, Gilson Santos, o pico no número de usuários no transporte metropolitano é no início da manhã, com o movimento das pessoas que usam o ônibus para trabalhar em Curitiba. Mas depois das 8h esse fluxo reduz para menos da metade.

"Com um pequeno esforço, flexibilizando horários, o usuário vai encontrar um sistema totalmente diferente dos horários de pico e é essa compreensão que precisamos que todos tenham. Mas, infelizmente, não é o que estamos observando. Os patrões não estão olhando com a devida atenção neste momento de pandemia para estas pessoas", disse Santos.

Nesta semana, a Urbs fez mais um reforço de frota do transporte coletivo de Curitiba. Desde segunda-feira (8/6) foram colocados mais cinco ônibus biarticulados na linha Pinheirinho-Rui Barbosa, a partir das 17h, além de mais veículos nas linhas Rio Bonito, Rio Bonito-CIC e Dalagassa. Somente na linha Pinheirinho-Rui Barbosa, a frota será ampliada em 33%.

Com a reabertura dos shoppings, no último dia 25/5, a Urbs já havia ampliado de 65% para 80% o uso da frota de 1,5 mil veículos. A linha Inter 2 passou a funcionar com 100% da frota nos dias úteis. As linhas expressas Pinheirinho-Rui Barbosa, Santa Cândida-Capão Raso e Circular Sul operam com 90% da capacidade nos horários de maior movimento e as linhas alimentadoras, que atuam na região Sul da cidade, trabalham com 100% no horário de pico. Também foi feito o reforço na linha Boqueirão-Centro Cívico nos picos da manhã e da noite.

Outras medidas
Para evitar aglomeração, a Urbs já tomou uma série de medidas. Os ônibus das principais linhas só podem sair dos terminais com lotação máxima de 50%.

Todos os terminais têm marcações para que os passageiros mantenham uma distância de, no mínimo, 1,5 metro entre si e há distribuição de folders com orientações sobre a obrigatoriedade do uso de máscaras, necessidade de manter o distanciamento e as janelas abertas nos veículos.

A recomendação é que os passageiros utilizem álcool gel. Grupos de risco também só devem utilizar o sistema de transporte em caso de necessidade e de preferência fora do horário de pico.

Cartazes, faixas e painéis eletrônicos nos ônibus também trazem informações sobre a prevenção da covid-19.

Fiscais e agentes da Guarda Municipal fazem o trabalho de orientação, que ganhou também o apoio do Exército desde 14 de maio.

A força-tarefa, que conta com a participação de 80 soldados, está concentrada – entre 5h30 e 8h30 – nos principais terminais (Pinheirinho, Santa Cândida, Cabral, Centenário de Boqueirão). No fim do dia, entre 16h30 e 19h30, a cooperação entre Prefeitura e Exército é nas estações-tubo nas praças Carlos Gomes, Rui Barbosa e na estação Central.

Informações: URBS
READ MORE - Em Curitiba, Urbs faz mapeamento do uso do transporte coletivo por setor

Com ativação de novos setores da economia, 60% da frota de ônibus estará em operação na Grande Recife

Com a retomada de novos setores da economia em Pernambuco, a partir da próxima segunda-feira (15), o Grande Recife Consórcio amplia para 60% a frota de ônibus da Região Metropolitana. Com isso, 201 veículos a mais estarão nas ruas em comparação à quantidade de coletivos em circulação atualmente. Técnicos do órgão permanecem fiscalizando o serviço para realizar os devidos ajustes com o objetivo de minimizar o impacto no transporte público, principalmente nos horários de pico.

O reforço será realizado em linhas de maior demanda e foi programado com base nas particularidades de cada setor econômico que volta a atuar. Além destes, veículos extras continuarão estocados nos terminais integrados Joana Bezerra, Tancredo Neves, PE-15, Xambá, Afogados, Igarassu, Pelópidas Silveira, Macaxeira, Barro, Jaboatão, Camaragibe, Cajueiro Seco e Cabo. Estes coletivos entram em operação de acordo com o aumento da demanda dos usuários.

Para tirar dúvidas ou enviar sugestões e reclamações, o usuário pode entrar em contato com a Central de Atendimento ao Cliente (0800 081 0158) ou WhatsApp (99488.3999), exclusivo para reclamações.

Informações: Blog Meu Transporte e GRCT
READ MORE - Com ativação de novos setores da economia, 60% da frota de ônibus estará em operação na Grande Recife

Em João Pessoa, Trens voltam a circular em horário especial nesta segunda feira

A CBTU João Pessoa informa que retornará as viagens de trens para transporte de passageiros, na próxima segunda-feira, 15/06. Garantiremos o transporte para os profissionais que deverão exercer suas atividades de acordo com o plano retomada gradual e segura das atividades econômicas, apresentado pelo Governo do Estado.

Esclarecemos que, devido à execução de obras de drenagem, excepcionalmente nesta segunda-feira a circulação dos trens será feita de Santa Rita até Jacaré. Na terça-feira, 16, retornaremos com as viagens de Santa Rita a Cabedelo e Cabedelo a Santa Rita, obedecendo à grade reduzida de nove viagens diárias.

Informações: CBTU
READ MORE - Em João Pessoa, Trens voltam a circular em horário especial nesta segunda feira

Marcopolo corre para ajustar ônibus ao ‘novo normal’

Na esteira da paralisia na economia provocada pela pandemia do coronavírus, a Marcopolo correu contra o tempo para desenvolver ferramentas de segurança e tentar dar um respiro ao setor de transporte. O grupo está levando ao mercado uma série de adaptações que pode ser feita nos ônibus para mitigar o risco de contaminação e preparar o setor para o “novo normal” das viagens. O ajuste promete ser uma fonte nova de receita para o grupo, que viu as demandas por novos ônibus recuar de forma significativa.

Segundo o presidente da empresa, James Bellini, as ferramentas e serviços chegaram em um momento de grande apreensão para os clientes.

“Podemos dizer que 80% da frota dos nossos clientes pararam. Eles não vão ter a menor condição de comprar ônibus novos. A preocupação hoje é como colocar os carros que eles têm para trabalhar. A única forma de conseguir isso é retomar a confiança do passageiro”, disse Bellini.

Entre as inovações estão um novo desenho de posicionamento de poltronas, com dois corredores, cortinas de proteção antimicrobianas, desinfecção dos veículos por névoa e uso de raios ultravioletas nos sanitários.
Fretados.

Enquanto o segmento de fretados consegue manter alguma demanda, Bellini traçou um cenário desafiador para o turismo.

Na visão do executivo, a pandemia levará a uma mudança no comportamento dos passageiros no transporte rodoviário tal qual 11 de setembro representou para o setor aéreo.

O kit faz parte do programa BioSafe, que consiste em uma série de soluções para tornar o transporte coletivo mais seguro contra contaminações de vírus. Os equipamentos podem ser adaptados também nos ônibus mais antigos.

O custo da mudança representa entre 18% e 20% do valor de um ônibus. “A gente precisa faturar. Precisamos ajudar a movimentar o mercado. Não temos possibilidade de uma empresa desse tamanho ficar de braço cruzado esperando as coisas acontecer”, defendeu.

O lançamento oficial do BioSafe será no próximo dia 16, em evento online.

As soluções foram desenvolvidas em apenas 60 dias. Segundo Bellini, o sistema foi o primeiro resultado do Marcopolo Next, uma divisão de inovação voltada para soluções em mobilidade.

A divisão começou a ser estruturada no ano passado, quando a área de inovação deixou de ser subordinada ao segmento de estratégias e passou a responder à presidência.

Há desafios e incertezas ainda, sobretudo no Brasil. Enquanto a Europa começa a se preparar para sair da quarentena, o Brasil hoje ocupa a segunda posição no número de casos.

“Estamos acompanhando o cenário no Brasil com muita preocupação. Não só a questão da saúde, mas também a crise política. Isso atrapalha muito os investidores. Mas está havendo uma retomada controlada. Graças a Deus temos bons governadores que estão levando a sério o assunto”, disse o presidente da Marcopolo. 

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.
READ MORE - Marcopolo corre para ajustar ônibus ao ‘novo normal’

Como recarregar e solicitar cartão do transporte coletivo, em Florianópolis

Marcado para a próxima quarta-feira (17), o retorno dos ônibus em Florianópolis ocorrerá com regras diferenciadas. Os coletivos funcionarão em horário alterado, e as passagens serão adquiridas com cartão pré-pago, que poderá ser solicitado online e entregue via delivery.

Compra de créditos
Para quem utiliza o Cartão Cidadão e o Cartão do Vale Transporte convencional, a compra de créditos já pode ser feita de forma online. Basta acessar o site do Consórcio Fênix. Segundo a prefeitura da Capital, o pagamento deve ser feito via boleto e os créditos são disponibilizados em dois dias úteis devido à compensação.

Delivery e atendimento presencial
O serviço de delivery de novos cartões poderá ser solicitado a partir desta segunda-feira (15). Para isso, basta seguir o passo a passo disponível no site, gerar o boleto e realizar o pagamento. De acordo com a prefeitura, a entrega é feita em 48 horas após a confirmação do pagamento.

Também a partir de segunda-feira, todos os serviços de Passe Rápido como emissão de novos cartões, novos créditos e segunda via, por exemplo, estarão disponíveis nos terminais de ônibus das 9 h às 17 h.

O guichê de atendimento da Secretaria de Mobilidade e Planejamento Urbano também retorna aos atendimentos presenciais no Ticen (Terminal de Integração do Centro). O horário de funcionamento é das 8 h às 12 h e das 13 h às 18 h. O atendimento também pode ser por telefone pelo número (48) 3324 – 1517.

Bilheterias
Já na próxima quarta-feira (17), quando o transporte coletivo volta a operar na Capital, reabrem também todas as bilheterias dos terminais de ônibus. Quem quiser adquirir o Cartão Cidadão já poderá realizar a solicitação nesses locais, das 11 h às 17 h. No Ticen, esse tipo de serviço também estará disponível das 11 h às 17 h.

Novos horários e app Floripa no Ponto
O novo quadro de horários do transporte coletivo estará disponível no site do Consórcio Fênix a partir desta segunda-feira (15). O aplicativo e site Floripa no Ponto será atualizado até terça-feira (16).

A Prefeitura de Florianópolis orienta que a população planeje seus horários e deslocamentos com antecedência para evitar aglomerações e filas.

Estudantes e residentes de áreas da saúde
Os cartões estudantis estão bloqueados em virtude da proibição de funcionamento das unidades de ensino como medida de controle da pandemia do coronavírus.

Entretanto, os estudantes que realizam algum tipo de estágio obrigatório e residentes da área da saúde, por exemplo, deverão fazer a troca por um outro cartão pré-pago específico.

Para realizar a troca e receber uma nova via do cartão pré-pago, o usuário deve ir ao guichê de atendimento da Secretaria de Mobilidade e Planejamento Urbano, no Ticen, a partir de segunda-feira (15), das 8 h às 12 h e 13 h às 18 h.

É preciso levar documento de identidade, original e cópia; comprovante de residência, original e cópia; comprovante da atividade em exercício, original, carimbado e assinado pela instituição de trabalho; contrato da atividade em exercício, cópia carimbada e assinada pela instituição de trabalho, pela instituição de ensino e pelo usuário; declaração da instituição de trabalho de que o usuário não exerce atividade de forma remota, em via original, carimbada e assinada.

Usuários do Cartão Estudante Social devem apresentar também, uma via original e uma via do comprovante do CAD Único atualizado.

Essa solicitação também poderá ser feita de forma online, por meio da submissão da documentação por uma plataforma disponibilizada. Dessa forma, o estudante receberá uma guia e em seguida, com a documentação original em mãos, poderá retirar o novo cartão nos serviços de Passe Rápido do Ticen.

Informações: ND Mais
READ MORE - Como recarregar e solicitar cartão do transporte coletivo, em Florianópolis

Rodoviária de Campo Grande reabre neste sábado

Após apresentar o plano de contenção de risco, aprovado pela Comissão Municipal de Enfrentamento da Covid-19, o Terminal Rodoviário de Campo Grande volta a funcionar a partir deste sábado (13). O terminal apena irá operar viagens intermunicipais.

Assim como outros locais já reabertos, o terminal deve seguir medidas rigorosas de prevenção ao contágio do coronavírus, e conforme o decreto, continua vedado o ingresso de veículos de transporte coletivo interestadual e internacional de passageiros, público e privado, no território do município de Campo Grande.

Para reabrir os portões, as viações e a administração terão que cumprir várias regras de biossegurança como o distanciamento social, uso de máscaras e de álcool em gel. Deverá ser reduzido pela metade o número de passageiros em cada veículo, respeitando distanciamento dentro dos ônibus, pulando fileira de poltrona e permitindo apenas que parentes fiquem próximos.

O Terminal Rodoviário deve instalar barreiras sanitárias, a fim de que todos os passageiros que desembarquem no local passem por uma triagem com aferição da temperatura corporal, e observar todas as medidas previstas no Plano de Contenção de Riscos (Biossegurança).

Na hipótese de identificação de passageiro com febre ou outros sintomas da Covid-19, deve ser realizado o seu encaminhamento para o setor de triagem da Secretaria Municipal de Saúde (Sesau), onde serão realizados os demais procedimentos recomendados pelas autoridades sanitárias.

A Agência Municipal de Regulação dos Serviços Públicos (Agereg), em ato conjunto com o Gabinete do Prefeito, poderá expedir normas complementares relativas à execução das medidas deste Decreto.

A rodoviária foi fechada dia 24 de março como parte da estratégia para evitar a disseminação do Covid-19, principalmente de passageiros vindo de São Paulo e do Rio de Janeiro, os principais epicentros da pandemia no Brasil. Foi reaberta dia 28 de abril e novamente fechada dia 5 de junho diante do aumento do número de casos confirmados de Covid-19 em municípios do interior do Estado.

Informações: Enfoque MS
READ MORE - Rodoviária de Campo Grande reabre neste sábado

SPTrans inicia agendamento para serviços relacionados ao Bilhete Único

A partir da próxima segunda-feira, dia 15 de junho, a SPTrans dará início ao agendamento por meio do site http://www.sptrans.com.br/atendimento para que os usuários que precisem do atendimento para seis serviços específicos no Posto Central.

O atendimento seguirá as normas para o funcionamento do comércio e serviços estabelecidos pela Prefeitura por meio do Decreto 59.473 de 29 de maio, que regulamenta o procedimento, condições e diretrizes para a retomada de atividades, em conformidade com a determinação do Governo Estadual.

O agendamento prévio será indispensável para o atendimento no Posto Central. Devido a isso, a estimativa é de que sejam realizados 30% dos atendimentos nas especialidades “PCD e Idoso” em relação ao período anterior à pandemia, ou seja, serão atendidos por volta de 250 munícipes por dia.

Os serviços disponibilizados neste momento são aqueles essenciais, cujo comparecimento é indispensável; visam  atender os munícipes que precisem retirar pessoalmente o cartão do Bilhete Único ou  formulário e ficha avaliação médica, por exemplo.

Segue a relação de serviços disponíveis para agendamento:

Retirada de Bilhete Único Especial - PCD/Idoso, excepcionalmente para quem não recebeu o cartão pelo Correio ou em caso de extravio.
Retirada de Formulário Médico PCD (para quem não conseguiu imprimir após se cadastrar no site http://www.sptrans.com.br/deficiente/deficiente/)
Retirada de Ficha de Avaliação Médica - Serviço Atende+ (para quem não conseguiu imprimir o arquivo disponível no link http://www.sptrans.com.br/media/1391/fam.pdf)
Alteração de Programação de Viagem
               4-a. Justificativa de falta de Serviço Atende+ (outras opções: carta, e-mail, fax e site http://www.sptrans.com.br/atende/)

Inscrição do Serviço Atende+ 
Devolução dos créditos temporais (mensais) mediante emissão de novo cartão devido à suspensão da utilização dos créditos durante a pandemia.
Os munícipes com atendimento agendado devem comparecer ao Posto Central com 10 minutos de antecedência e utilizando, obrigatoriamente, máscaras de proteção. Vale ressaltar que a SPTrans mantém os canais de atendimento on-line e os serviços realizados remotamente por meio dos canais www.sptrans.com.br/atendimento e pelo e-mail: atendimento.idoso@sptrans.com.br (exclusivo para idoso).

Os usuários do Bilhete Único podem utilizar aplicativos credenciados pela SPTrans para realizar  recargas  nos cartões e, assim, evitar o deslocamento a um dos postos que ficam  nos terminais de ônibus, já que este é um dos serviços mais procurados nestes locais.

A lista com os aplicativos credenciados para a venda de crédito do Bilhete Único está disponível no site http://www.sptrans.com.br/app/. As recargas dos Bilhete Único também podem ser feitas através da página "Bipay" do Facebook, diretamente pelo Messenger, sem a necessidade de baixar o app.

Serviço

Posto Central, Rua Boa Vista, 274, Centro.

Agendamento: por meio do canal www.sptrans.com.br/atendimento a partir do dia 15 de junho.

Assessoria de Imprensa - SPTrans
READ MORE - SPTrans inicia agendamento para serviços relacionados ao Bilhete Único

Horário de funcionamento do Metrô do Recife é ampliado

A partir da segunda, dia 15/06, o Metrô terá seu horário de operação ampliado. As Linhas Centro e Sul funcionarão das 05h30 às 09h30 e das 15h30 às 20h. A operação da Linha Diesel (VLT) continuará suspensa. A Companhia destaca que vem acompanhando de perto a demanda de passageiros, a qual teve um aumento de 8,17% desde o início da implantação do Plano de Monitoramento e Convivência com a Covid-19 do Governo de Pernambuco, no dia 01 de junho. Atualmente, o Metrô transporta cerca de 30% da demanda anterior ao início da pandemia do coronavírus. Cerca de 50% dos empregados da operação e manutenção estão afastados por pertencerem ao grupo de risco em relação ao Covid-19, o que impossibilita e dificulta, no momento, uma ampliação maior dos horários de funcionamento.

A CBTU destaca que, como medida de prevenção ao coronavírus, a limpeza e higienização das estações e dos trens foram reforçadas desde o mês de março. Os trens recebem limpeza nos períodos de recolhimento, entre viagens e ao término da operação comercial. Nos intervalos sem operação comercial, as composições recebem também desinfecção profunda com quaternário de amônia 5ª geração, um produto aprovado pela ANVISA que ajuda a prevenir o Covid-19. Nas estações e trens, campanhas educativas da Companhia contra o Coronavírus orientam os passageiros. Com cartazes, banners, avisos sonoros e artes para redes socais, a campanha contém orientações de prevenção contra o Covid-19.

Informações: CBTU
READ MORE - Horário de funcionamento do Metrô do Recife é ampliado

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960