Fortaleza tem nova linha de ônibus a partir desta segunda

domingo, 26 de agosto de 2012


Uma nova linha de ônibus expressa vai interligar os terminais dos bairros Antônio Bezerra e Papicu a partir desta segunda-feira (27), em Fortaleza, nos horário de pico. Segundo a Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor), a estimativa é de que o tempo de viagem seja reduzido em 20 minutos. Parte do percurso da nova linha não tem paradas.

A linha 98 Expresso Antônio Bezerra-Papicu vai circular de segunda-feira a sexta-feira nos horários nos períodos da manhã, de 5h às 8h, e da tarde, de 15h30 às 19h50. Oito ônibus vão fazer o percurso. A medida beneficiará em torno de 17 mil passageiros.

Durante operação pela manhã, no sentido Antônio Bezerra-Papicu, a nova linha terá percurso
expresso até o cruzamento da Avenida Heráclito Graça com Dom Manuel, quando passa a parar somente para desembarque. Na volta, a linha será totalmente expressa, sem paradas.

À tarde, no sentido Papicu-Antônio Bezerra, os coletivos farão paradas para embarque e desembarque até o cruzamento da Avenida Heráclito Graça com Dom Manuel, de onde passam a fazer o percurso expresso até o terminal do Antônio Bezerra. No sentido Antônio Bezerra-Papicu, a linha será totalmente expressa.

Fonte: G1 Ceará

Siga o Blog Meu Transporte pelo Facebook
READ MORE - Fortaleza tem nova linha de ônibus a partir desta segunda

No Recife, Expresso Vera Cruz continua renovando sua frota, este ano serão 62 novos ônibus

Em breve novos e modernos ônibus da Expresso Vera Cruz vão ganhar as ruas do Recife, desta vez, a empresa adquiriu 02 ônibus Comil para analisar seu desempenho, visto que sua carroceria preferida é a marcopolo, mais estes comil que chegaram já ganharam elogios dos diretores da empresa por seu designer e também por um novo acabamento interno.

Dentre as novidades maior, foi que um destes ônibus é de três eixos direcionados em curvas, tanto chamou a atenção o tamanho do ônibus, muito grande mesmo, além de ter 53 assentos, o mesmo número de assentos dos ônibus articulados.

Este novo ônibus possui bancos alcochoados para dá mais conforto a seus usuários, e uma novidade na empresa é o banco do motorista e do cobrador, com fios de elástico, visando dá mais conforto durante o trabalho.

O novo conceito de design harmoniza as linhas modernas e suaves à funcionalidade e desempenho. Remete bem estar, qualidade, durabilidade e leveza, sempre percebidos pelos passageiros.

Sinalerias em LED, montada sobre máscara plástica injetada, deixando a traseira mais moderna, atraente e iluminada, além de proporcionar facilidade de manutenção.

Este ônibus alongado pode transportar cerca de 100 usuários de maneira confortável, o que daria para contornar e muito esses ônibus tradicionais que circulam em muitos terminais sem as minímas condições.

Além destes 02 novos ônibus adaptados da Comil, a grande novidade é a aquisição de mais 20 novos ônibus da Marcopolo com a cor SEI alimentadora, o que vai totalizar numa renovação de 62 novos ônibus somente este ano.

A meta da empresa é atingir uma idade média de 04 anos nos proximos anos, o que vai fazer com que seus usuários possam usufruir de ônibus mais confortáveis.

Até 2014, todos os ônibus da Expresso Vera Cruz vão estar 100% adaptados para pessoas com deficiência.

Blog Meu Transporte

Siga o Blog Meu Transporte pelo Facebook

Mais Fotos:






READ MORE - No Recife, Expresso Vera Cruz continua renovando sua frota, este ano serão 62 novos ônibus

Metrô de Salvador continua sem previsão de inauguração

A população de Salvador poderia estar a uma semana da inauguração do tão esperado metrô. Mas a promessa, feita pela prefeito João Henrique (PP) em dezembro do ano passado, não será cumprida. É que todas as seis empresas que analisaram em julho o edital de licitação para revitalizar e testar o sistema rejeitaram o contrato.

“Estou sendo boicotado para o metrô não funcionar. Não querem que o governo João Henrique inaugure o metrô. Está claro?! Não está claro?!”, afirmou ontem o prefeito, ao CORREIO, durante homenagem a escolas municipais, na Boca do Rio.

João Henrique não disse de onde ou quem  estaria boicotando, mas ao ser lembrado da promessa do metrô funcionando até 1º de setembro, rebateu: “Estão com medo de João Henrique em 2014”. O prefeito afirmou, em entrevista ao CORREIO, em abril, que vai disputar  o Palácio de Ondina nas eleições de 2014.

O secretário de Transportes e Infraestrutura do Município, José Luiz Costa, afirmou que abrirá nova licitação ainda este mês para revitalizar e testar o metrô e que, caso ninguém apareça novamente, pedirá dispensa de licitação. “Vamos pedir dispensa de licitação e fazer uma contratação direta, conforme previsto na Lei de Licitações”, disse.

Caixa-preta 
Enquanto o prefeito reclama dos imbróglios que envolvem a largada do metrô, a professora Denise Ribeiro, do Departamento de Transporte da Universidade Federal da Bahia (Ufba), mostra outro caminho. “Se não há interesse (no contrato do metrô) é porque as empresas não conseguem ver como um bom negócio. Há a incerteza sobre a demanda para alimentar o setor, ainda não há um estudo. É uma caixa-preta”, avalia.

A especialista acrescenta que o fato de as empresas não saberem o custo real da operação do metrô e da receita pode ter gerado a insegurança que resultou na rejeição dos contratos. Já a Setin acredita que o receio dos empresários - que alegaram dificuldade de montar um escritório em Salvador e o excesso de contratos com outras instituições no país - é a dúvida da continuação da exploração após o fim da gestão de João Henrique. “Não vejo outro motivo”, afirmou o secretário José Luiz Costa.

Linha 2
No Centro Cultural da Câmara de Vereadores, ontem, representantes do governo estadual, vereadores, a prefeita de Lauro de Freitas, Moema Gramacho (PT), e representantes da sociedade civil participaram da última audiência da Parceria Público-Privada (PPP) para discutir ajuste no projeto da linha 2 (Bonocô-Lauro de Freitas) e ampliação da linha 1 (Lapa- Pirajá).

Na audiência, houve propostas para que a linha 2 atendesse Cajazeiras, que o sistema chegasse à Cidade Baixa e que seja lembrada a acessibilidade para portadores de deficiência. Até 20 de setembro, outras propostas podem ser sugeridas através do site da consulta pública (www.sedur.
ba.gov.br/metro).

Fonte: Correio 24 Horas

READ MORE - Metrô de Salvador continua sem previsão de inauguração

Em Natal: Após Decretar falência, empresa riograndense venderá seus ônibus para pagar aos trabalhadores

Até amanhã a Viação Riograndense deve homologar as rescisões dos cerca de 200 funcionários que trabalhavam na empresa. A documentação está sendo encaminhada para análise do Sindicato dos Trabalhadores em Transporte Rodoviário do Rio Grande do Norte (Sintro/RN). A empresa decretou falência no último dia 12. Com a homologação das rescisões serão liberados os pagamentos do FGTS e seguro desemprego aos trabalhadores.
Empresa busca venda direta para aumentar ganhos com venda de veículos. Foto: Ana Amaral/DN/D.A Press

Como anunciou falência, a Riograndense terá que vender bens como ônibus, móveis e imóveis para arcar com o pagamento das rescisões trabalhistas. Em reunião realizada semana passada na Procuradoria Regional do Trabalho ficou acertado que os bens da empresa seriam levados a leilão e os recursos destinados ao pagamento das dívidas trabalhistas. "A Riograndense reconhece o débito, por isso serão leiloados os bens", disse Augusto Maranhão Valle, advogado da empresa.

O débito da empresa com os funcionários (motoristas, cobradores e pessoal de manutenção) deve chegar aR$ 4 milhões, segundo o advogado da empresa, já que o último levantamento parcial feito há alguns dias apontava uma dívida superior a R$ 3,7 milhões. O advogado disse que a empresa estuda fazer uma venda direta com o objetivo de arrecadar mais dinheiro para quitar os débitos. Nessa modalidade os bens são vendidos a um comprador mesmo antes do leilão.

De acordo com o advogado da Riograndense serão leiloados bens como máquinas e utensílios da empresa, além de um imóvel situado no município de Nova Cruz, onde atualmente funciona o mercado público da cidade, avaliado em mais de R$ 1 milhão. Os cerca de 25 ônibus da empresa também serão vendidos como forma de arrecadar fundos para quitar o débito com os funcionários.

A venda direta deve ser realizada no prazo de 30 dias, porém, o restante dos bens e utensílios será leiloado nos próximos cinco meses, antes do término do pagamento do seguro desemprego aos funcionários que atuavam na Riograndense. Os ônibus que estavam sob custódia do Sintro foram levados para a garagem da Riograndense localizada no bairro Cidade da Esperança, desde o último sábado. "Tudo foi acordado e o Sintro tem livre acesso à garagem", afirmou o advogado. 



READ MORE - Em Natal: Após Decretar falência, empresa riograndense venderá seus ônibus para pagar aos trabalhadores

No Rio, Novo trem mudou apelido de ‘dragão chinês’ virou ‘geladão chinês’

Passageiros, cuidado com o vão entre o trem e a plataforma. Na estreia nesta sexta-feira do "geladão chinês" do metrô, na Linha 2, o tradicional alerta nunca valeu tanto: há desnível de pelo menos dez centímetros entre o vagão e a plataforma, criando um degrau, obstáculo para cadeirantes e risco para idosos. O próximo metrô chinês entra em circulação daqui a um mês.

Já a temperatura, tradicional motivo de queixa por causa do calor, foi razão de elogio dessa vez. Assim, o ‘dragão chinês’ virou ‘geladão chinês’. “É clima de montanha. Está bem geladinho”, elogiou o operador de estoque Carlos Henrique de Sousa Pinto, 32, que circulou ontem nas duas únicas viagens do trem. “Me preocupei com o desnível do vagão para a plataforma. É perigoso”, completou.
Visual moderno e painel eletrônico das estações agradaram aos passageiros | Foto: Fábio Gonçalves / Agência O Dia

O novo metrô partiu da Estação Estácio e foi até a Pavuna, e depois seguiu para Botafogo. Quem quiser fazer um ‘test-drive’ no geladão chinês da Linha 2 é só embarcar hoje, de 5h à meia-noite. Amanhã, vai circular de 7h a 23h. A partir de segunda-feira, nos dias úteis, será das 10h às 15h e depois de 21h a meia-noite.

O presidente da concessionária MetrôRio, Flávio Almada, minimizou o "degrau" e disse que o peso dos passageiros fará o vagão ficar nivelado: “Há um sistema eletrônico nos trens que permite que, ao chegarem às estações, não haja o desnível. O próprio peso dos passageiros faria os trens ‘cederem’ e atingirem o nível da plataforma”, justificou.

A assessoria da empresa, no entanto, afirmou que o trem está em fase de ajustes ainda. Em julho, O DIA noticiou que havia o desnível, percebido durante teste do trem chinês aberto à imprensa.

Na época, a concessionária afirmou que a diferença seria ajustada até o início da operação, o que não aconteceu. O promotor Carlos Andresano, da Promotoria de Defesa do Consumidor do Ministério Público, vai cobrar explicação da MetrôRio.

Com a entrada em circulação do novo trem, Almada afirma que já haverá redução no tempo de espera pelo metrô: “A população vai começar a não sentir a lotação”.

O visual futurista, a limpeza, e o espaço mais amplo na composição — agora os vagões são interligados — mereceram elogios dos passageiros. Para os baixinhos, o mimo do pega-mão projetado para usuários de 1,65 metro fez sucesso.

“Viajava com desconforto, pois as barras eram altas. Agora não preciso mais fazer esforço”, comemorou o auxiliar administrativo Roberval Marinho, de 1,60 metro e 39 anos.

Viagem, só de casaco

Acostumados a derreter sob o calor do metrô lotado da Linha 2, os passageiros se assustaram com ar-condicionado novo: o vagão ficou gelado, ‘clima de Sibéria’, cidade russa famosa pelo frio de até 50 graus negativos. A promessa é que, no verão, não importa a temperatura lá fora, dentro do metrô fará 23 graus.

“Logo ao embarcar na Estação Pavuna, senti a diferença. O novo trem é mais bonito e confortável, mas o nome geladão pode ser levado à risca, pois aqui dentro faz muito frio. Viajar aqui, só de casaco”, destacou a esteticista Monique Santos, 25 anos.

O painel eletrônico sobre as portas, que indica qual a próxima estação e de qual lado a porta vai se abrir, fez sucesso. Ponto negativo foi a redução de 46 para 38 assentos por vagão, dispostos de forma a criar um corredor maior.

“Gostei dos painéis, mas há espaços vazios para pessoas em pé. Poderiam colocar assentos. Não vai adiantar mais sair da Pavuna e seguir até Engenheiro Rubens Paiva para voltar e viajar sentado”, lamentou Mário Silveira, 40.

Mais 60 trens à vista

Vêm aí mais trens novos para os passageiros da SuperVia. Durante a inauguração do novo metrô, o governador Sérgio Cabral anunciou que dia 5 vai assinar empréstimo de 600 milhões de dólares do Banco Mundial para comprar 60 novos trens.

Cabral ressaltou que, com as novas composições do metrô, a meta é saltar de 600 mil passageiros por dia para um milhão. Até março, haverá 19 dessas nos trilhos.

Ele lembrou que as obras da Linha 3 (Niterói-São Gonçalo) começam em janeiro e que a meta é ter 70% da população da Região Metropolitana se deslocando em transporte de massa.

Por Diego Valdevino / O Dia Online

Siga o Blog Meu Transporte pelo Facebook
READ MORE - No Rio, Novo trem mudou apelido de ‘dragão chinês’ virou ‘geladão chinês’

Petrolina ganhará aproximadamente 30 novos micro-ônibus adaptados para pessoas com deficiência

No início de setembro, o município de Petrolina, no Sertão do Estado, ganhará aproximadamente 30 novos micro-ônibus adaptados para pessoas com deficiência, todos equipados com tecnologias de bilhetagem eletrônica e elevadores para cadeirantes. O anúncio foi feito pelo secretário de Acessibilidade do município, Marcos de Souza Conceição. De acordo com o secretário, hoje a cidade conta com 200 vans que fazem o transporte na zona urbana e rural. Essa frota será substituída mensalmente.

“O smartcard é um sistema que favorece a pessoa com deficiência, porque dispensa a conferência de pagamento e troco. Além disso, também estará disponível em forma de botton para os que tenha alguma deficiência nos membros superiores. Cada micro-ônibus terá dois espaços para cadeiras de rodas e um banco para obesos”, informou o secretário. 

A estimativa é que em seis meses toda a frota de vans seja substituída pelos veículos adaptados. “A nossa cidade tem cerca de 57 mil pessoas com algum tipo de deficiência. Essas pessoas não podiam resolver suas próprias coisas com autonomia, pois para se locomover na cidade era preciso da ajuda de alguém. Com a aquisição desses veículos, elas poderão exercer seu direito que todo cidadão tem, o de ir e vir”, enfatizou o secretário.

Fonte: Folha PE

Siga o Blog Meu Transporte pelo Facebook
READ MORE - Petrolina ganhará aproximadamente 30 novos micro-ônibus adaptados para pessoas com deficiência

Sorocaba terá duas novas vias com faixas exclusivas para a circulação de ônibus

Em Sorocaba, a Urbes estabeleceu que duas vias da cidade terão faixas exclusivas para a circulação de ônibus e outros tipos de transportes coletivos.

As faixas entram em operação na segunda-feira (27) e deverão agilizar a velocidade do transporte coletivo. Inicialmente, serão inseridas no binário formado pelas ruas Hermelino Matarazzo e Comendador Oeterer na região Além Linha.

As faixas exclusivas poderão ser utilizadas das 6h às 8h e das 17h às 19h pelo transporte coletivo urbano, transporte especial, fretamento com passageiros, taxis com passageiros, transporte escolar com passageiros, transporte intermunicipal e suburbano e veículos em operações emergenciais como ambulâncias, bombeiros e viaturas de polícia.

As bicicletas com aro 20 ou acima também utilizarão estas faixas para circulação, em compartilhamento com o transporte coletivo.

A Urbes entende que a circulação pela direita desses modais torna-se mais segura já que bicicletas compartilharão espaço com motoristas profissionais treinados em direção preventiva. 

Nos períodos de pico entre 6h e 8h e entre 17h e 19h não é permitida a circulação de motocicletas, veículos de passeio, utilitários e caminhões na faixa exclusiva. O estacionamento do lado esquerdo da via também será proibido nesses horários.

Fora deles, tanto a circulação na faixa da direita quanto o estacionamento na faixa da esquerda do binário serão permitidos. Durante os primeiros dias os agentes de trânsito irão orientar os condutores sobre as novas regras implantadas.

Vale destacar que transitar na faixa exclusiva de ônibus é uma infração grave, que resulta em cinco pontos na carteira de habilitação e multa de R$ 127,69.

Sinalização diferenciada

Equipes da Urbes trabalharam para instalar placas de sinalização e pintura de solo em toda a extensão dos corredores, que ganharam também uma faixa azul para demarcar onde o transporte coletivo poderá circular exclusivamente nos horários estabelecidos. 

Foram implantadas 150 placas de regulamentação e advertência e 2.500 metros quadrados de sinalização horizontal (de solo). Tanto a rua Hermelino Matarazzo como a rua Comendador Oeterer tem aproximadamente 1,4 quilômetro de extensão.

As faixas de rolagem foram divididas em duas, cada uma com cerca de 3,5 metros de largura. O binário possui câmeras de monitoramento e a movimentação será acompanhada em tempo real pelo Centro de Controle Operacional (CCO) da Urbes.

A Urbes considerou também a experiência de São Paulo, no projeto de Sorocaba, e destaca que não haverá confinamento na faixa, que permitirá ultrapassagens entre os ônibus nos casos de imprevistos. Também foram considerados intervalos médios entre as linhas para evitar o acúmulo de ônibus no mesmo horário, evitando assim filas no corredor. 

Linhas do transporte coletivo

Ao todo, 24 linhas utilizarão os corredores exclusivos. Destas, 71%, ou seja, 16 linhas irão transitar por toda a extensão dos corredores da rua Hermelino Matarazzo e Comendador Oeterer.

São elas: 5 - Vila Carvalho / Vila Fiori; 20 - Carol (apenas em um horário); 21 - Lopes de Oliveira; 25 - Itavuvu; 26 - Ipanema / Bom Jesus; 28 - Mineirão; 39 - Aldeia dos Laranjais; 39/1 - Santa Esmeralda; 42 - Laranjeiras; 46 - Paineiras; 54 - Paes de Linhares; 57 - Guaíba; 59- Maria Eugênia; 62 - São Bento; 69 - Caguaçu; 70 - Novo Horizonte / Nova Sorocaba e 76 - São Guilherme.

Já as linhas 02 - Brasilândia; 19 - Progresso; 23 - Industrial / Dois Corações; 36 - Porcel; 38 - Aparecidinha / Éden e 61 - Iporanga, que atendem a Vila Santana, e a linha 45 - Retiro São João, que atende o Jd. Marco António e região do Mercado Distrital, irão transitar por trechos destes corredores.

Fonte: VIVAcidade

Siga o Blog Meu Transporte pelo Facebook
READ MORE - Sorocaba terá duas novas vias com faixas exclusivas para a circulação de ônibus

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960