Seminário vai discutir Transporte e Mobilidade Urbana em Maceió

quarta-feira, 15 de agosto de 2012

Candidatos a prefeito e a vereador, assessores e técnicos, lideranças políticas e comunitárias, interessados nos problemas de transporte e da mobilidade urbana nas cidades participam nesta sexta-feira (17/8), pela manhã, no auditório do SEST-SENAT Maceió, do Seminário Mobilidade Urbana: Política de Transporte X Política com Transporte.
 O encontro será realizado pela Federação das Empresas de Transporte do Nordeste (Fetronor), em parceria com o Sindicato das Empresas de Transporte Urbano do Município de Maceió (SINTURB MAC), e reunirá dois especialistas de renome nacional para discutir temas como o impacto da nova Lei da Mobilidade Urbana na vida das cidades e a delicada relação entre Política e gestão do Transporte Público.
 O ex-prefeito e ex-deputado Carlos Batinga é um dos técnicos mais consultados do país quando o assunto é Transporte Urbano. Engenheiro e ex-secretário de Transportes e Trânsito de Salvador, Natal e João Pessoa, ele analisará com sua visão privilegiada de técnico e de político o tema “Política de Transporte X Política com Transporte”.
O outro nome nacional convidado do seminário será o presidente do Conselho Diretor da Associação Nacional das Empresas de Transporte Urbano (NTU), o empresário carioca Eurico Divon Galhardi, que analisará o impacto das mudanças introduzidas na gestão do transporte e na vida das cidades com a aprovação da Lei nº 12.587/12, que instituiu a Política Nacional de Mobilidade Urbana.
 Para Eudo Laranjeiras, presidente da Fetronor, “esse seminário chega numa boa hora para oferecer a oportunidade para que todos os interessados na questão do transporte e da mobilidade urbana reflitam, troquem idéias e para que se conheça um pouco mais sobre esse setor que, além de sua importância econômica e social, está presente na vida das cidades e do cidadão como nenhuma outra atividade”.

0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960