Prefeitura do Recife revitaliza placas de concretos nas Avenidas Norte e Conde da Boa Vista

sexta-feira, 2 de setembro de 2011

A Prefeitura do Recife promove, na noite desta quinta-feira (1º), nova troca de placas de concreto na pista da Avenida Norte e Avenida Conde da Boa Vista. As intervenções acontecerão em três pontos do corredor no sentido subúrbio-cidade(Avenida Norte). No primeiro trecho, em frente ao Banco Santander (quatro placas), na altura do Banco do Brasil (três unidades), e por fim, próximo à concessionária Kia Motors (quatro peças). Para executar a ação, serão investidos cerca de R$ 44 mil. O prazo de conclusão das obras é de cinco dias.

A troca de mais quatro placas de concreto que compõem a pista da Avenida Conde da Boa Vista, no Centro do Recife. A intervenção foi cancelada na semana passada e é a segunda manutenção na via nos últimos dias. Para executar a ação, que tem por meta melhorar as condições para a direção dos motoristas, a PCR investirá R$ 36 mil.

Para realizar a recuperação do pavimento, serão mobilizados dez servidores e seis equipamentos da Empresa de Manutenção e Limpeza Urbana (Emlurb). As obras começarão às 22h, em frente à primeira parada de ônibus, no sentido Subúrbio/Cidade, entre as ruas Dom Bosco e Gonçalves Maia. Nesta etapa, a parada B estará interditada, repassando as linhas de ônibus para a parada A. A previsão de conclusão das obras é na segunda-feira (05), às 6h.

De acordo com o diretor de Manutenção Urbana da Emlurb, Fernando Melo, o trabalho tem seguido um planejamento que leva em conta os dias com menos fluxo de veículos para minimizar o transtorno. “Estamos fazendo as obras sempre entre as quintas e segundas para aproveitar os dias com menos movimentação. São obras importantes e que precisavam ser realizadas, então, planejamos dessa maneira para diminuir os problemas, principalmente, para os ônibus”, explica o diretor.


Informações da Prefitura do Recife

0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960