Prefeitura de Uberaba descarta aumento de tarifa nos ônibus

sexta-feira, 5 de novembro de 2010

Empresas de transporte coletivo tentam antecipar revisão da tarifa de ônibus para este ano. Pedido chegou ao gabinete do prefeito esta semana, justificando a demanda por causa do peso da mão-de-obra nos custos, embora denúncias deem conta de redução no quadro de funcionários.
No ofício, dirigentes da Líder e Viação Piracicabana atestam que agosto é a data-base para negociação com os funcionários e este ano a questão foi solucionada sem paralisar serviços e causar transtornos à população.
Entretanto, as empresas alegam que o acordo trouxe um desequilíbrio econômico-financeiro e as despesas com pessoal pesaram nos custos. Por isso, é solicitado o adiantamento do estudo sobre a tarifa para este ano. O documento não especificou índice para aumento da passagem de ônibus.
Por meio da assessoria de imprensa, o prefeito Anderson Adauto (PMDB) posicionou apenas que não há condições de tratar o assunto este ano e descartou a possibilidade de conceder reajuste agora, bem como a antecipação de estudos para o aumento da passagem. Hoje o usuário paga R$ 2,20 para andar de ônibus.

0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960