Curitiba: Frota de ônibus fica 5% menor

terça-feira, 13 de janeiro de 2009


Desde ontem, a Urbanização de Curitiba (Urbs) reduziu o número de veículos utilizados no transporte coletivo da Grande Curitiba em 5%, o que corresponde a 91 dos 2.225 ônibus da frota operante na capital e região metropolitana. A medida, tomada anualmente, é justificada pela redução de 20% dos usuários nos meses de janeiro e fevereiro.De acordo com a prefeitura, a redução dos usuários é causada pelas férias coletivas, escolares e pela redução do fluxo de pessoas que vão para o centro da cidade, ao contrário do que acontece no Natal, por exemplo. “Com a redução, oferecemos uma oferta mínima e atrativa aos usuários de Curitiba e região metropolitana. Os passageiros não sentirão diferença na qualidade do serviço, inclusive nos horários de maior movimento”, garante o gestor de Operação do Transporte Coletivo da Urbs, Luiz Filla.


Mesmo com as garantias da qualidade do transporte, os usuários não estão contentes com a redução dos ônibus nesses dois meses. “Hoje (ontem) já peguei o biarticulado Santa Cândida-Capão Raso lotado. Acredito que essa mudança, mesmo que temporária, só vai atrapalhar ainda mais a vida de quem pega ônibus todos os dias”, diz o passageiro Rodner Brito. A aposentada Cleide Stelle afirma que já percebeu um tempo de espera maior. “Estou há 20 minutos esperando o ônibus. O pior é saber que vou enfrentar tudo isso até fevereiro”, reclama.Já para Mariuza Silva da Cunha a mudança não irá alterar a rotina. “Sempre pego ônibus em horários tranquilos, não me importo em esperar um pouco mais, estou feliz com a quantidade de ônibus na cidade”, garante.O gestor afirma que a Urbs está de prontidão para atender aos usuários caso o aumento da frota seja necessário. “Temos maior preocupação com o setor sul e Região Metropolitana de Curitiba. Ambos são locais onde os dados de estudo de demanda, realizado em 2008, podem ser maiores agora, em 2009, o que pode causar uma procura maior pelo serviço”, explica Filla.De acordo com o gestor, no primeiro dia útil de março o transporte coletivo de Curitiba estará com 100% da frota operante.

0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960