Google Maps começa a mostrar se ônibus, trens e metrô estão lotados

domingo, 30 de junho de 2019

O Google Maps começa a mostrar, a partir desta quinta-feira (27), uma estimativa de ônibus, trens e metrôs que podem estar lotados. O aplicativo para Android e iPhone (iOS) também passa a mostrar horários em que ônibus vão passar nos pontos de parada, além de exibir trânsito em tempo real e eventuais cálculos de atraso e mudanças na duração da viagem.

As novidades chegam para quase 200 cidades em todo o mundo. No Brasil, o acompanhamento de ônibus em tempo real chega em breve em Brasília, Recife e Salvador. Já o alerta que mostra se o transporte está cheio aparece primeiro para usuários no Rio de Janeiro e em São Paulo — a capital paulista, segundo o Google, tem três das 10 linhas de transporte mais lotadas do mundo.

Previsão de lotação
A estimativa de horários em que o transporte está lotado é histórico fornecido por usuários. A informação aparece ao pesquisar um trajeto de transporte público no celular, no campo de detalhes entre uma estação e outra. É possível saber, por exemplo, se o trem que vem a seguir pode ter lugar vago para sentar.

Os dados que alimentam o sistema começaram a ser coletados pelo Google em outubro de 2018. Ao sair de uma viagem de ônibus, trem ou metrô, algumas pessoas podem ter visto um alerta no aplicativo perguntando como foi a viagem e pedindo para indicar se o veículo estava com lotação completa. Segundo o Google, as informações foram analisadas de forma anônima.

Com base nas respostas, a empresa criou um ranking de linhas de transportes mais lotadas. Entre as 10 primeiras, três estão em São Paulo: 11 Coral em segundo lugar, 8 Diamante em quarto e 9 Esmeralda em oitavo. Completam a lista três linhas em Buenos Aires, duas em Tóquio, uma Paris e uma Nova Iorque.

Trajeto de ônibus
O tráfego em tempo real para ônibus promete ser útil especialmente em cidades que não têm painéis informativos nas ruas com dados ao vivo de empresas de transporte locais. O usuário poderá ver se o ônibus chegará atrasado e qual o possível tempo de atraso, além de eventuais impactos no tempo de trajeto.

O mapa também mostra locais de congestionamento de forma similar ao trajeto de carro, permitindo que o usuário decida se vale a pena ir ao ponto de ônibus em determinado horário.

Informações: TechTudo


Colabore com o Blog Clicando nos anúncios da página
READ MORE - Google Maps começa a mostrar se ônibus, trens e metrô estão lotados

No DF, veja mudanças no trânsito e linhas de ônibus afetadas devido a interdição da rodoviária

Com a identificação de problemas na estrutura da Rodoviária do Plano Piloto, em Brasília, o tráfego de ônibus e caminhões está proibido na plataforma superior do terminal desde a noite da quarta-feira (26). A medida, considerada de segurança pelo governo, é por tempo indeterminado.

Por causa da interdição, nenhum veículo pode atravessar a via que liga o shopping Conjunto Nacional ao Conic, no sentido norte-sul. Por ali o trânsito está totalmente interrompido e só será permitida a passagem de pedestres e ciclistas.

Os estacionamentos da parte superior da rodoviária também estão temporariamente interditados.

Já o trânsito de carros e motocicletas está permitido apenas na pista que liga o Eixo L Sul ao Eixo L Norte. Motoristas que seguem da Asa Sul para a Asa Norte devem seguir na mesma via, mas, com atenção redobrada, porque apenas duas faixas estão liberadas.

A terceira faixa foi revertida para atender o fluxo dos motoristas que seguem em sentido contrário, da Asa Norte para a Asa Sul.

Linhas de ônibus
Linhas de ônibus que passam pela plataforma superior da rodoviária também foram afetadas. De acordo com o GDF, com a interdição, 42 linhas mudaram os locais de embarque e desembarque.

Confira as linhas:
TR21 Terminal de Integração do Gama / Rodoviária do Plano Piloto (Paradora - Eixo Leste/Oeste)
TR26 Terminal de Interação de Santa Maria / Rodoviária do Plano Piloto (Eixo)
0.011 Terminal Asa Norte (Entre Quadras Norte) / Esplanada (L2 Norte) / Aeroporto (Eixão Sul)
0.022 SQS 616 (SQS 216 - 416) / W3 Sul - L2 Norte (SDN) / W3 Norte - L2 Sul (SDN) VIAÇÃO PIRACICABANA
0.023 Terminal Asa Norte (SQN 212 - 213) / L2 Norte - W3 Sul (SDN) / Vila Telebrasília / L2 Sul - W3 Norte (SDN)
0.024 Cruzeiro / Octogonal - Sudoeste / Esplanada (CNB)
0.501 Sobradinho / Plano Piloto (Eixo Norte - Sul) VIAÇÃO PIRACICABANA
0.509 Sobradinho (Qd. 18) / Plano Piloto (EAS)
0.519 Sobradinho II (Mansões - Condomínio Sansão) / Eixo Norte - Sul
0.520 Setor Oeste de Sobradinho / Eixo Norte - Sul
0.525 Nova Colina de Sobradinho / Eixo Norte - Sul
0.600 Planaltina / Vila Buritis / Vila Vicentina / Setor Tradicional / Eixo Norte - Sul / Terminal da Asa Sul
0.601 Planaltina Tradicional / Eixo Norte - Sul (EAS)
0.602 Planaltina (Buritis) / Plano Piloto (Eixo Norte - Sul)
0.616 Arapoangas / Eixo Norte - Sul (Terminal Asa Sul)
0.617 Vale do Amanhecer / Eixo Norte - Sul
0.622 IFB Planaltina /
0.627 Mestre D'Armas / Eixo Norte - Sul (Terminal Asa Sul)
0.631 Planaltina / Arapoangas / Sobradinho (Rua 07) / Eixo Norte - Sul / Terminal Asa Sul
136.9 Varjão / Eixo Norte-Sul / Rodoviária do Plano Piloto / Terminal Asa Sul
501.1 Sobradinho / Galeria dos Estados / Esplanada (Eixo Norte)
501.2 Sobradinho (Condomínio RK - ANP) / Eixo Norte - Sul (Terminal Asa Sul)
501.3 Sobradinho II (Setor Oeste) / Eixo Norte-Sul
501.4 Sobradinho I e II (Setor Oeste) / Eixo Norte - Sul
501.5 Sobradinho II / Buritizinho / Condomínio Versalles / Terminal Asa Sul (Via Eixo)
501.7 Sobradinho I (Quadrad 18) / Eixo Norte - Sul (Terminal Asa Sul)
506.4 Ciplan (Fercal - Rua do Mato) / Eixo Norte - Sul
509.1 Condomínio Uberaba / Nova Colina / Sobradinho I (Quadra 18) / Eixo Norte - Sul / Terminal Asa Sul
519.2 Vila Rabelo I - II / Eixo Norte - Sul
519.3 Sobradinho II (Pólo de Cinema - Morro Sansão - Mansões) / Eixo N / S
600.2 Planaltina (DF-130) / Eixo Norte - Sul (Terminal Asa Sul)
600.3 Arapoangas (Estâncias I - V) / Eixo Norte - Sul (Terminal Asa Sul)
600.4 Estância / Eixo Norte - Sul (Terminal Asa Sul)
600.5 Planaltina (Estância) / Eixo Norte - Sul (Terminal Asa Sul)
600.7 Planaltina (Avenida Independência) / Eixo Norte - Sul / Terminal Asa Sul
602.1 Planaltina (Buritis III - Jardim Roriz) / Eixo Norte - Sul (Estação Asa Sul)
616.2 Arapoangas - Estância / Eixo Norte - Sul
616.3 Arapoangas - Condomínios Estâncias / Eixo Norte - Sul
616.4 Buritis IV - Arapoangas (Avenida Independência) / Eixo Norte - Sul
616.5 Arapoangas (Avenida Independência) / Eixo Norte - Sul

Informações: G1 DF


Colabore com o Blog Clicando nos anúncios da página
READ MORE - No DF, veja mudanças no trânsito e linhas de ônibus afetadas devido a interdição da rodoviária

Em Rio Preto, Entrega dos corredores de ônibus fica para o próximo mês

Os nove corredores exclusivos de ônibus seriam entregues neste mês, a Prefeitura de Rio Preto estendeu o prazo e as obras só serão finalizadas no mês que vem.

À época, a Secretaria Municipal de Obras informou, por meio de nota, que a prorrogação atendia “questões contratuais, para não perder o aditamento da Caixa Econômica Federal”, responsável pelo financiamento da obra. Ainda segundo a pasta, não haveria aumento no valor do serviço e sim “apenas acréscimo de tempo”.

Questionada agora, a Prefeitura informou que “a entrega da obra dos corredores de ônibus está mantida para julho e não serão necessários novos aditivos de prazo e valor”, diz a nota enviada à Gazeta.

Sobre quando os nove corredores estarão disponíveis para o tráfego exclusivo dos ônibus do transporte coletivo, o governo esclarece que “após a entrega das obras para o município, a Secretaria de Trânsito deve iniciar o processo para que os corredores possam ter pleno funcionamento”.

A obra dos corredores de ônibus nas principais avenidas e ruas da área central teve início em 2016, ainda no governo do ex-prefeito Valdomiro Lopes (PSB), e deveria ter sido concluída em fevereiro do ano seguinte. Dos R$ 53,7 milhões previstos originalmente no contrato, após vários aditivos o valor já está em R$ 64,9 milhões, o que representa aumento de R$ 11,2 milhões.

Calçadas acessíveis

Paralelamente a construção dos corredores de ônibus, a Prefeitura de Rio Preto vem realizando a implantação de calçadas acessíveis. As calçadas com acessibilidade, rampas de acesso para cadeirantes, e guia central para deficientes visuais estão sendo construídas às margens dos nove corredores de ônibus e também fazem parte do Plano de Mobilidade Urbana.

Ao todo serão 82 quilômetros, somados ambos os lados das vias. As sarjetas e guias tem custo de R$ 9,2 milhões, o que corresponde a 14,2% do valor total das obras de mobilidade urbana. Já as calçadas e rampas de acessibilidade tem custo de R$ 15,9 milhões, ou 25,6% do valor total da obra. Assim como os corredores, as calçadas também serão entregues no próximo mês.

Confira os locais dos corredores de ônibus em Rio Preto:

Corredor 1 - Rua Pedro Amaral
Corredor 1 - Rua João Mesquita

Corredor 2 - Rua General Glicério
Corredor 2 - Rua Bernardino De Campos

Corredor 3 - Rua 15 de Novembro
Corredor 3 - Rua Antônio De Godoy
Corredor 3 - Rua Tiradentes

Corredor 4 - Av. Alberto Andaló (sentido Rua Pedro Amaral)
Corredor 4 - Av. Alberto Andaló (sentido Rod. Washington Luiz)

Corredor 5 - Av. Bady Bassitt (sentido Rua Pedro Amaral)
Corredor 5 - Av. Bady Bassitt (sentido Rod. Washington Luiz)

Corredor 6 - Av. João B. S. Ribeiro (sentido Centro)
Corredor 6 - Av. João B. S. Ribeiro (sentido Viaduto)

Corredor 7 - Rua General Glicério
Corredor 7 - Rua Bernardino de Campos

Corredor 8 - Avenida Mirassolândia (sentido Centro)

Corredor 8 - Avenida Mirassolândia (sentido região norte)

Corredor 8 - Rua João Mesquita
Corredor 8 - Av. Dr. Ernani Pires Domingos

Corredor 9 - Av. Philadelpho G. Neto (sentido zona norte)
Corredor 9 - Av. Philadelpho G. Neto (sentido centro)

Por Raphael Ferrari 
Informações: Gazeta de Rio Preto


Colabore com o Blog Clicando nos anúncios da página

READ MORE - Em Rio Preto, Entrega dos corredores de ônibus fica para o próximo mês

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960