Tarifa de ônibus em Curitiba passa a custar R$ 2,70

segunda-feira, 1 de julho de 2013

A redução de preço nas passagens de ônibus de Curitiba começa a valer a partir da meia-noite desta segunda-feira (1º). O anúncio, feito há uma semana pelo prefeito Gustavo Fruet (PDT), vai mudar o valor atual de R$ 2,85 para R$ 2,70.

A decisão, conforme a prefeitura, foi tomada atender uma das demandas das pessoas que foram às ruas da cidade protestar contra o aumento da tarifa. A medida vai beneficiar passageiros da capital e de outras 13 cidades da Região Metropolitana, cujas linhas fazem parte da Rede Integrada de Transporte (RIT).


Apesar da redução nas tarifas durante a semana, a passagem dos domingos vai permanecer inalterada. A chamada tarifa domingueira continuará custando R$ 1,50.

Segundo a prefeitura, a redução vai representar um custo de R$ 30 milhões aos cofres municipais, até fevereiro de 2014. Conforme o prefeito, para subsidiar a quantia, a administração municipal deve intensificar a cobrança do Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISS) e suspender os gastos com publicidade sobre a Copa 2014.

Outra fonte de recursos foi passada pela Câmara de Vereadores, que destinou ao Executivo R$ 10 milhões. O dinheiro seria usado para a construção de uma nova sede para o Legislativo Municipal.

Mudança
Em entrevistas anteriores, Fruet afirmou que não seria possível baixar o preço da passagem do ônibus, pois o sistema já dava prejuízos mesmo com a tarifa fixa em R$ 2,85. Segundo o prefeito, há um "rombo" de R$ 70 milhões no caixa da Urbanização de Curitiba S/A (Urbs), empresa responsável pelo gerenciamento do transporte coletivo na capital.

Outro ponto apontado pelo prefeito como empecilho para a redução é a integração com outros municípios. "Se não tivesse a integração, Curitiba poderia cobrar R$ 2,75, mas muitos municípios teriam que cobrar, pelo menos, R$ 4", argumentou na ocasião.

Informações: G1 Paraná
READ MORE - Tarifa de ônibus em Curitiba passa a custar R$ 2,70

Nova tarifa do transporte público em João Pessoa entra em vigor

A tarifa do sistema de transporte público de João Pessoa (PB) passou a custar R$ 2,20 nesta segunda-feira. A redução de R$ 0,10 foi feita com base na desoneração das alíquotas da contribuição para o PIS/Pasep e da Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social (Cofins) que incidem sobre a tarifa de ônibus baixada pelo governo federal em maio deste ano.

A prefeitura Municipal também diminuiu a zero o Preço Público, tributo que incide diretamente no cálculo do valor das passagens de ônibus. O prefeito Luciano Cartaxo (PT) concedeu ainda o Passe Livre para os estudantes da rede municipal de ensino.Está em andamento o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) da Mobilidade Urbana que deve reestruturar todo o sistema de transporte da cidade com a adoção do modelo de Bus Rapid Transit em cinco corredores da cidade (Cruz das Armas, Epitácio Pessoa, Pedro II, 2 de Fevereiro e Tancredo Neves).

Informações: Portal Terra

READ MORE - Nova tarifa do transporte público em João Pessoa entra em vigor

Novas tarifas entram em vigor nas cidades de Guarujá e Cubatão

A partir desta segunda-feira, os usuários do transporte público nas cidades de Praia Grande e Guarujá passam a contar com uma tarifa de ônibus mais barata. Após a onda de protestos contra o aumento das passagens, realizada nas ruas do Brasil inteiro nas últimas semanas, as administrações desses municípios cederam à pressão popular e cancelaram o reajuste feito.

A redução das tarifas também ocorre nos bilhetes das linhas intermunicipais, gerenciadas pela Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos (EMTU). Em média, os valores nessas linhas terão queda de R$ 0,15. 

Com a vitória conquistada nas ruas, os cidadãos de Praia Grande que vinham pagando R$3,20 nas passagens municipais – a mais cara do Estado – voltam a desembolsar o valor antigo de R$ 2,90.


Na ocasião do reajuste, em março passado, a justificativa dada pela Administração Municipal para a correção no preço era que a Cidade havia adquirido novos veículos e acabara de fazer correções salariais de funcionários. Além disso, houve o aumento no valor do óleo diesel.

No entanto, em meio às manifestações e à pressão feita pela população, a Prefeitura recuou, refez os cálculos e informou que tais investimentos serão custeados pelo Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) Mobilidade Urbana 2, do Governo Federal. 

Guarujá

Os usuários do transporte público de Guarujá também podem comemorar uma redução. O preço das passagens cai de R$ 2,90 para R$ 2,80. 

Ao anunciar a decisão de voltar atrás no aumento, a prefeita Maria Antonieta de Brito (PMDB) afirmou que a medida foi possível graças à desoneração do pagamento do Programa de Integração Social (PIS) e da Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social (Cofins) das empresas de transportes coletivos, decorrente da Medida Provisória 617, publicada no último dia 30 de maio. 

Cubatão

Havia ainda a expectativa de que Cubatão fizesse o mesmo e anunciasse o cancelamento de seu aumento a partir de hoje – a passagem atual é de R$3,10. Mas problemas burocráticos impediram que a medida fosse oficializada. Na última sexta-feira, a Prefeitura informou que alterações desta natureza só podem ocorrer após a publicação de um decreto com os novos valores. 

Este decreto deve ser redigido nos próximos dias, informando o novo valor – ainda em discussão –, e passará a vigorar, o mais tardar, na semana que vem.

Por Bruno Lima
Informações: A Tribuna
READ MORE - Novas tarifas entram em vigor nas cidades de Guarujá e Cubatão

Tarifa de ônibus de Uberlândia é reduzida para R$ 2,80

A nova tarifa do transporte público coletivo de Uberlândia começou a vigorar com o valor reduzido nesta segunda-feira (1º). A medida foi publicada no Diário Oficial do Município na última sexta-feira (28) após decisão tomada pela Prefeitura.

A informação com o novo preço já está cadastrada no sistema digital para registros nas catracas dos ônibus. A partir de agora, quem optar por pagar em dinheiro o valor cobrado será de R$ 2,80. Os usuários que têm o cartão do Sistema Integrado de Transportes (Sit) começam a pagar R$ 2,70, e os estudantes R$ 1,62.

Apesar das mudanças, moradores da cidade discordaram do valor e pedem redução imediata de R$ 0,25. De acordo com representantes dos protestos só haverá negociação depois que a tarifa vigente chegar a R$ 2,60, valor praticado antes do reajuste feito no início do ano.

Ainda nesta segunda-feira uma nova manifestação pacífica será realizada na cidade, a partir das 18h. A concentração será na Praça Tubal Vilela, passando pelas Avenidas Afonso Pena e João Naves de Ávila, até terminar o trajeto na Prefeitura de Uberlândia.

Informações: G1 Minas

READ MORE - Tarifa de ônibus de Uberlândia é reduzida para R$ 2,80

No Recife, Terminais integrados do Barro e da Macaxeira estão desativados devido a greve de ônibus

Chuva, paradas lotadas e demora dos ônibus. Estes são alguns dos transtornos que muitos usuários do transporte público estão enfrentando na noite desta segunda- feira (1º) devido à paralisação dos rodoviários.
 Fotos: Mariana Dantas / NE10

Na Avenida Agamenon Magalhães, muita gente reclama da falta de ônibus circulando. A usuária Isabel Leite, 37 anos, diz que já está há cerca de 30 minutos na parada e até o momento só passou um ônibus da linha PE-15/Joana Bezerra. "Já que um passou, resolvi esperar pelo meu”, afirmou.

Na Av. Cruz Cabugá, passageiros também reclamam que estão aguardando há mais de uma hora e não passam ônibus na via

Além da falta de ônibus, há relatos de falta de táxi. A auxiliar de assistente jurídico Juliana Brandão, 25 anos, comentou que procura há mais de uma hora um táxi nas ruas próximas à Praça do Derby.

A greve de ônibus também provoca mudança no funcionamento dos terminais integrados. Na noite desta segunda-feira (1º), vários deles estavam com as portas trancadas e luzes apagadas.

Os TIs de Rio Doce, em Olinda, Macaxeira e Barro, nas Zonas Norte e Oeste do Recife, respectivamente, pararam de funcionar. 

Informações: JC Online

READ MORE - No Recife, Terminais integrados do Barro e da Macaxeira estão desativados devido a greve de ônibus

Rodoviários em greve param ônibus no Centro do Recife em protesto

O número de ônibus circulando durante a greve dos rodoviários na Região Metropolitana do Recife, iniciada nesta segunda-feira (1º), durante o horário de pico, entre 5h30 e 9h, foi inferior ao determinado pelo Tribunal Regional do Trabalho (TRT), que previa 80% da frota neste horário. De acordo com dados do Grande Recife Consórcio de Transporte, apenas 48,6% dos coletivos circularam no horário. Segundo levantamento feito pela Urbana-PE, o sindicato dos patrões, no horário pico cerca de 56% da frota foi colocada nas ruas, ferindo a determinação. De acordo com o Sindicato dos Rodoviários, apenas 30% da frota de ônibus iria circular, para respeitar a lei de greve.
Imagens: Reprodução NETV
A Urbana-PE entrou com recurso no Tribunal Regional do Trabalho (TRT) para que seja julgado se a greve é ou não abusiva. Uma audiência de conciliação entre patrões e rodoviários está marcada para as 17h desta segunda no TRT. O Grande Recife Consórcio de Transporte conta atualmente com três mil veículos integrando a frota, distribuídos em 385 linhas e 18 empresas operadoras de ônibus. São feitas, em média, 26 mil viagens por dia, transportando dois milhões de passageiros. O sistema conta também com 17 terminais integrados de passageiros.


A categoria em greve, formada por cerca de 22 mil trabalhadores - entre motoristas, cobradores e fiscais - está parada desde a meia-noite e não chegou a um acordo de reajuste salarial com os donos de empresas de ônibus. Os rodoviários querem um reajuste de 33,33%, enquanto o Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros de Pernambuco (Urbana-PE) oferece 3%.

Durante a manhã, a Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU) Recife acrescentou dois veículos em suas linhas nos horários de pico. Na Linha Centro do metrô, a quantidade de trens  aumenta de 14 para 16 entre as 6h e 8h30 da manhã e entre 17h e 19h30, horário que pode ser estendido de acordo com a demanda. Na Linha Sul, o número de trens passa de 6 para 8 no mesmo espaço de tempo.

Aulas suspensas
A Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE) informou durante a manhã que as aulas desta segunda estão suspensas "diante das diversas manifestações da comunidade universitária sobre os transtornos decorrentes da paralisação dos rodoviários na Região Metropolitana do Recife".

Informações: G1 PE




READ MORE - Rodoviários em greve param ônibus no Centro do Recife em protesto

Bilhete Único facilita deslocamentos com o transporte público de Campinas

O Bilhete Único é um cartão individual, intransferível (não pode ser utilizado por outra pessoa) e inteligente, que armazena créditos em dinheiro para o pagamento de passagens de ônibus. Com o cartão, o usuário pode fazer integrações, ou seja, utilizar os veículos do transporte público coletivo municipal (Sistema InterCamp) pagando somente uma tarifa, no período de 2h, todos os dias da semana.

O conceito adotado pelo Bilhete Único é o da integração temporal, sem restrição de uso no sistema, proporcionando economia. Além disso, o uso do cartão evita o pagamento da tarifa com dinheiro, aumentando a segurança dos usuários e operadores; e proporcionando maior agilidade operacional.


Para fazer o Bilhete Único Comum, a pessoa, munida de um documento com foto, pode ir aos postos administrados pela Associação das Empresas de Transporte Coletivo Urbano de Campinas (Transurc). A sede da empresa fica na Rua Onze de Agosto, 757, no Centro. Também há postos nos terminais urbanos de Barão Geraldo, Campo Grande, Central, Mercado, Metropolitano e Ouro Verde. O cartão fica pronto na hora, sem nenhum custo.

Postos de recarga
Os usuários do Bilhete Único encontram postos de recarga do cartão, credenciados pela Transurc, em casas lotéricas, padarias, lanchonetes, farmácias, açougues, bancas de jornais e revistas, e outros estabelecimentos comerciais, espalhados por toda a cidade.

Para saber sobre os postos de recarga, o usuário pode acessar o site da Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas (Emdec), no endereço eletrônico www.emdec.com.br, seção “Transporte”, “Bilhete Único”, “Postos de recarga”. Ou no site da Transurc (www.transurc.com.br).

Informações: Emdec
READ MORE - Bilhete Único facilita deslocamentos com o transporte público de Campinas

Bilhetagem eletrônica nos lotações já funciona em Porto Alegre

Entrou em funcionamento, na manhã desta segunda-feira, 1º, a utilização do TRI  Passe Antecipado no sistema de lotações da Capital, numa ação integrada entre a Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC), Associação dos Transportadores de Passageiros por Lotação (ATL) e Associação dos Transportadores de Passageiros de Porto Alegre (ATP). A bilhetagem eletrônica começou pelos 12 veículos da Linha Menino Deus, com trajeto entre a Correa Lima, Morro Santa Teresa, e a Borges de Medeiros. O processo é idêntico aos ônibus, usado na Capital há mais de cinco anos. Até o final deste mês, o sistema estará implantado nos 403 veículos das 29 linhas em operação na cidade.

Não serão aceitos os créditos do Vale-Transporte, TRI Escolar e isentos. O pagamento da passagem será na entrada do veículo e não mais na saída. O Diretor-Presidente da EPTC, Vanderlei Cappellari, afirma que a bilhetagem eletrônica ampliará a segurança dos passageiros, com mais praticidade ao sistema de transporte seletivo: “Os motoristas e passageiros não precisarão mais lidar com dinheiro. É um passo a mais no processo de qualificação do transporte coletivo da cidade”, afirmou.

Como fazer o Cartão TRI Passe Antecipado

 A Passagem Antecipada destina-se ao usuário comum. É uma passagem de valor integral da tarifa. Mas se você possui um cartão Escolar, ou Vale-Transporte, pode colocar créditos de Passagem Antecipada no seu TRI. Assim, não é necessário adquirir um novo cartão. 

 O cartão de Passagem Antecipada e o de Vale-Transporte é o mesmo: há o nome e o CPF do usuário e não possui foto. Este cartão não é intransferível, sendo possível que outra pessoa, além do titular, o utilize.

Como se Cadastrar

 Se você ainda não tem um cartão TRI, pode fazer o cadastro para solicitação do cartão de Passagem Antecipada. Basta levar o seu CPF, carteira de identidade e um comprovante de residência em algum dos seguintes locais:

- Centro Integrado de Passagem Escolar e Isenção da EPTC, na rua Uruguai, 45 – Centro de Porto Alegre, de segunda a sexta, das 8h30 às 17h30. 
- ATP, na av. Protásio Alves, 3885 – Petrópolis, de segunda a sexta, das 8h30min às 17h30min.
- Posto Integrado Terminal Triângulo, na Av. Assis Brasil – Terminal Triângulo, de segunda a sexta, das 8h30 às 17h30.
- no Posto Móvel da ATP.

Outras informações no Serviço de Atendimento ao Cliente do TRI, fone (51) 3027.9959, das 8h às 18h de segunda à sexta-feira, e aos sábados, domingos e feriados, das 8h às 12h e das 14h às 18h. Ou pelo FalaPoa fone 156.

Informações: EPTC

READ MORE - Bilhetagem eletrônica nos lotações já funciona em Porto Alegre

Monotrilho do ABC recebe licença ambiental

Na quinta-feira (27/06), o Metrô de São Paulo recebeu a Licença Ambiental Prévia (LAP) para a futura Linha 18-Bronze, que vai ligar a capital à cidade de São Bernardo do Campo, pelo sistema de monotrilho.

Com a LAP, expedida pela Cetesb (Companhia Ambiental do Estado), já é possível prosseguir com os trâmites licitatórios para a construção da linha, que será feita por meio de Parceria Público-Privada (PPP) e deverá custar cerca de R$ 3 bilhões. Ainda na primeira quinzena de julho será realizada uma Audiência Pública para a elaboração do edital. A previsão é a de que as obras comecem em 2014. 
A Linha 18 vai ligar as cidades de São Paulo, São Caetano do Sul, Santo André e São Bernardo do Campo, contemplando o bairro Alvarenga. A linha vai permitir a integração entre as linhas 2-Verde, 10-Turquesa, além do Corredor São Mateus-Jabaquara, da EMTU. 

Em uma primeira fase, a Linha 18 contará com 14,9 km de extensão e 13 estações: Tamanduateí; Goiás; Espaço Cerâmica; Estrada das Lágrimas; Praça Regina Matiello; Instituto Mauá; Afonsina; Fundação Santo André; Winston Churchill; Senador Vergueiro; Baeta Neves; Paço Municipal (São Bernardo); e Djalma Dutra, onde fará integração com um novo corredor de ônibus que será construído pela Prefeitura de São Bernardo.

Com a linha em funcionamento, 25 trens vão atender à demanda diária de 314 mil pessoas, permitindo uma ligação mais rápida entre os municípios do ABC e a rede metroferroviária de São Paulo. Também será construído um pátio de estacionamento, manutenção e manobras.

Informações: Metrô SP

READ MORE - Monotrilho do ABC recebe licença ambiental

Greve de ônibus no Recife atinge 2 milhões de passageiros nesta segunda-feira

A partir desta segunda-feira (1º), dois milhões de pessoas que utilizam o Sistema de Transporte Público de Passageiros (STPP) na Região Metropolitana do Recife (RMR) estarão com menos ônibus para circular nas ruas. Isto porque tem início, sem data para acabar, a greve dos rodoviários, deflagrada por não terem chegado a um acordo de reajuste salarial com os donos das empresas. Na última sexta-feira, uma liminar expedida pelo Tribunal Regional do Trabalho (TRT 6ª Região) determinou que 80% da frota dos coletivos deve ser mantida nos horários de pico, ou seja, das 5h30 às 9h e das 17h às 20h. Já nas horas com menos movimento o quantitativo deve circular com 50% do efetivo. Contudo, no dia anterior o sindicato da categoria afirmou que apenas 30% dos veículos circulariam.Cerca de três mil ônibus circulam pela RMR diariamente.

Um dos líderes da Oposição Rodoviária de Verdade, Aldo Lima não concorda com a decisão da Justiça. “Isso é um absurdo. Não existe fazer uma greve com 80% da frota rodando nas ruas. Estamos no nosso direito de greve e eles (Justiça) querem tirar. Vamos fazer a manifestação, sim, amanhã (hoje)”, revelou o sindicalista. AFolhaentrou em contato com o presidente do sindicato, Patrício Magalhães, mas até o fechamento desta edição, ele não atendeu as ligações. Caso a categoria não cumpra a medida estabelecida pelo TRT, o sindicato será punido com uma multa diária de R$ 100 mil.


Apesar dos motoristas, cobradores e fiscais reivindicarem um reajuste de 33,33%, o Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros de Pernambuco (Urbana-PE) ofereceu 3%. Por nota enviada à Imprensa ontem, o Urbana argumentou dizendo que os profissionais estão apresentando propostas elevadas e fora do contexto das negociações coletivas realizadas nos últimos meses, seja do setor ou fora dele. “As expectativas dos trabalhadores estão muito além do possível e seu atendimento impactaria excessivamente nos custos do transporte público”, afirma o patronato. A classe patronal ressaltou ainda que atendeu a dezenas de pleitos e de uma longa pauta de 108 reivindicações, conciliando mais de 90% deles, restando sete delas.

As empresas estão proibidas de contratar outras pessoas para substituir os grevistas e demitir qualquer um deles durante o movimento paredista. Para diminuir os transtornos, o Metrorec adicionará mais quatro trens, sendo dois em cada linha. No Centro, a quantidade aumentará de 14 para 16 veículos. Já na Sul, a ampliação passará de seis para oito trens. Tal incremento ocorrerá nos horários de pico, ou seja, das 6h às 8h 30 e das 17h às 19h 30, mas poderá ser estendido dependendo da demanda. Atualmente, os salários de motorista, cobrador e fiscal é de R$ 1,5 mil, R$ 690 e R$ 970, respectivamente. Em 2012, a greve da categoria foi feita em três dias diferentes e o valor conquistado de aumento ficou em 7,5%.

Por Wellington Silva
Informações: Folha de PE
READ MORE - Greve de ônibus no Recife atinge 2 milhões de passageiros nesta segunda-feira

Metrô do DF terá vagão exclusivo para mulheres e pessoas com deficiência

A partir desta segunda-feira (1), o metrô do Distrito Federal terá vagão exclusivo para mulheres e pessoas com deficiência nos horários de pico - de segunda a sexta-feira, das 6h às 8h45 e das 16h45 às 20h15 -, para atender uma lei distrital aprovada em 2012.

A presidente do Metrô-DF, Ivelise Longhi, disse que julho será o mês de testes para saber como as pessoas e o próprio sistema irá reagir à mudança.

— Vamos avaliar a situação e fazer os ajustes necessários, pois nosso foco será sempre a satisfação dos usuários.

O carro exclusivo será sempre o primeiro de cada composição e há marcações na plataforma de embarque de todas as estações para sinalizar a restrição de público nesses vagões.

Uma campanha educativa começou há duas semanas e seguirá ao longo de todo o mês de julho, pois a Companhia do Metropolitano conta apenas com a colaboração dos usuários, porque nenhuma forma de punição está prevista para os homens que desrespeitarem o vagão exclusivo.

O carro exclusivo será sempre o primeiro, o chamado carro líder, localizado logo após a cabine onde está o piloto e nos demais carros, o uso continuará misto, inclusive permitindo a presença de mulheres e deficientes.

Informações: R7.com

READ MORE - Metrô do DF terá vagão exclusivo para mulheres e pessoas com deficiência

BRT Transoeste ganha ônibus com capacidade de transportar até 180 passageiros

Um modelo maior de ônibus articulado começa a operar no BRT Transoeste a partir de segunda-feira (1°). Na manhã desta sábado (29), a Prefeitura do Rio apresentou o novo modelo, que tem 21 metros de comprimento e capacidade de transportar um número de passageiros 30% maior. O objetivo, segundo a prefeitura, é reduzir o intervalo médio dos serviços do BRT.

Três dos 12 novos coletivos começam a circular na segunda-feira. Até o fim de julho, os outros nove veículos entram em operação. Atualmente, o sistema BRT Transoeste opera com 91 ônibus articulados de 18,6 metros e capacidade para 140 passageiros, 20 coletivos do tipo padrão com capacidade para 100 passageiros e 76 alimentadores. Os novos ônibus articulados têm capacidade para 180 pessoas.
"Eles (os ônibus) vêm pra somar. Estamos com uma media de 120 mil passageiros por dia. Pra você ter uma ideia a gente imaginava algo em torno de 90 mil, 95 mil quando batesse pico. Mostra que o sistema funciona. O lado ruim é que é a primeira iniciativa de BRT e nem nós esperávamos esse sucesso. Estamos entrando com mais 15 ônibus e, se for necessário, vou exigir do consórcio que coloque mais ônibus ainda", afirmou o prefeito Eduardo Paes.


O sistema foi inaugurado em junho do ano passado e, em pouco mais de um ano de operação, diversos acidentes foram registrados. No dia 3, um pedestre morreu após ser atropelado por um ônibus articulado. O acidente ocorreu na pista sentido Zona Sul, na altura da estação Pedra de Itaúna, na Barra da Tijuca, Zona Oeste.

Consórcio BRT
O prefeito Eduardo Paes aproveitou para comentar uma reportagem do jornal O Globo, publicada neste sábado, sobre uma quinta empresa que participaria do consórcio do BRT sem licitação. Em 2010, quatro empresas venceram a licitação para administrar todas as linhas de BRT do Rio.

"É uma exigência que a gente fez às empresas que participaram da licitação que para os BRTs elas tivessem um consórcio operacional único. Não faz sentido você ter várias empresas tocando o BRT. Não é um novo consórcio. Não é uma licitação feita às escondidas. Eles cumpriram uma exigência. Isso não é um escândalo. É uma obrigação do edital", explicou o prefeito.

Informações: G1 Rio
READ MORE - BRT Transoeste ganha ônibus com capacidade de transportar até 180 passageiros

Novas tarifas entram em vigor em Foz do Iguaçu

Entram em vigor nesta segunda-feira (01), em Foz do Iguaçu, as novas tarifas do transporte coletivo urbano na Terra das Cataratas. O decreto que determina a redução no valor cobrado ao usuário foi assinado na manhã desta sexta-feira (28) pelo prefeito Reni Pereira.

Com a publicação do decreto no Diário Oficial do Município, oficializa-se a cobrança, a partir de 01/07, de R$ 2,85 para pagamento em dinheiro no momento da passagem pela roleta, R$ 2,55 com o uso do cartão Único e R$ 1,25 para o Passe Estudante. A redução, em cada faixa de tarifa, é de R$ 0,05.


Tal redução foi possível, segundo a prefeitura, em razão da isenção do ICMS que incide sobre o diesel utilizado no transporte coletivo, determinada pelo governador Beto Richa em decreto que beneficia os moradores das principais cidades paranaenses.

“Essa medida vai de encontro ao que a população iguaçuense quer e servirá, também, de referência nas negociações com o grupo empresarial do setor que têm como data base os meses de setembro e outubro”, disse o prefeito Reni Pereira, em declarações reproduzidas pela Agência Municipal de Notícias.

Segundo Reni, a desoneração de impostos federais ainda não foi aplicada em Foz do Iguaçu, o que pode fazer com que, na seguinte negociação com o Consórcio Sorriso, o reajuste seja menor ou, até mesmo, ocorra nova redução no valor da tarifa.

Outra novidade anunciada pela Prefeitura é o início dos testes para implementação, ainda em 2013, de sistema de consulta via SMS, em tempo real, do horário de passagem dos ônibus pelos diferentes pontos de Foz do Iguaçu, tendo como base monitoramento através de equipamentos de GPS.

Por  Guilherme Wojciechowski
Informações: CBN Foz
READ MORE - Novas tarifas entram em vigor em Foz do Iguaçu

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960