Porto Alegre, Curitiba e Belo Horizonte firmaram uma parceria para instalar metrô

sexta-feira, 4 de março de 2011

Porto Alegre, Curitiba e Belo Horizonte firmaram uma parceria, na manhã desta quinta-feira, para incluir os projetos de metrô das três cidades no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) de Mobilidade, lançado pelo governo federal em fevereiro. O encontro ocorreu na capital paranaense.

Os prefeitos José Fortunati, Luciano Ducci e Marcio Lacerda, acompanhados de equipes técnicas, discutiram detalhes dos projetos como os tipos de coletivos a serem empregados, a modelagem de gestão da operação e as equações financeiras necessárias para viabilizar as obras.

"Abrimos um canal muito importante, tanto no plano técnico, que vai ajudar nas adaptações dos projetos ao PAC, quanto no político, que auxiliará no convencimento da união sobre a necessidade da implementação desse tipo de transporte nas cidades", destacou Fortunati, informando que o próximo passo da parceria é buscar o agendamento de audiência conjunta das capitais com a ministra do Planejamento, Miriam Belchior.

"Esta troca de experiências é fundamental para que os projetos possam ser qualificados", destacou Lacerda, concordando com Ducci, que entende que o movimento ajudará a evitar concorrência entre as três metrópoles. As cidades envolvidas nesse movimento já vêm discutindo seus projetos de metrô com o governo federal desde o ano passado, quando tentavam sua inclusão na matriz que definiu as obras de mobilidade urbana para a Copa do Mundo de 2014.

Os prefeitos definiram também que será desenvolvido um esforço para viabilizar isenções federais e estaduais para as obras dos metros, como forma de reduzir os custos de implantação dos sistemas. Devido a essas tratativas, a ministra Miriam Belchior afirmou que os três municípios têm vantagem comparativa com as demais concorrentes, segundo a prefeitura da Capital.




0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960