Em Campinas, Motorista de ônibus podem trabalhar com bermuda

quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

A Câmara de Campinas (SP) aprovou nesta quarta-feira (26) o projeto de lei que libera o uso de bermudas para taxistas, motoristas e cobradores de ônibus no período mais quente do ano. A proposta agora depende da sanção do prefeito Jonas Donizette (PSB). Se o pessebista autorizar, os trabalhadores do transporte público poderão adotar a vestimenta de 1º de outubro a 31 de março.

Pelo texto do projeto, após ser promulgada, a Prefeitura tem um prazo de 30 dias para regulamentar a lei de forma que a roupa seja padronizada entre os funcionários das companhias de táxi e das empresas do transporte coletivo.

Na justificativa, o autor da lei, o vereador Carlinhos Camelô (PT), defende que ao garantir maior conforto para os trabalhadores, o serviço de transporte coletivo também deve melhorar. “Este [projeto] pode não atingir diretamente toda a população, mas, com certeza, alcançará categorias de trabalhadores que trabalharão mais tranquilos e menos incomodados, e certamente felizes, o que, com certeza, atingirá a todos os usuários diretamente”, escreveu.

0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960