Estado inaugura canteiro de obras para a construção do metrô na Barra

sábado, 20 de março de 2010

Primeira estação será no Jardim Oceânico; obra deve acabar em 2016.Nova linha deve atender cerca de 240 mil pessoas.
Depois de mais de 30 anos de espera, os moradores da Barra da Tijuca, na Zona Oeste, comemoraram neste sábado (20), a implantação do canteiro de obras do metrô no bairro. Segundo o governador Sérgio Cabral, a expectativa é que até 2012 sejam entregues algumas estações da linha 4, circuito que vai integrar a Barra à Linha 1 do metrô.

"Não tenha dúvida que essa obra é um presente, um sonho que existe há mais de 30 anos. Nesse primeiro momento serão feitas as sonadagens e acredito que daqui a três meses comecem as obras de escavações", relatou Cabral.
O canteiro de obras do metrô linha 4 foi instalado na Avenida Armando Lombardi, no Jardim Ocêanico, próximo ao shopping Barra Point. Neste ponto, a estação será subterrânea com duas saídas, uma para cada lado da avenida, para facilitar o acesso dos passageiros.

Outras estações serão criadas nos bairros da Gávea, São Conrado, Leblon e Ipanema, na Zona Sul, para interligar a Barra da Tijuca até a Linha 1, que tem como ponto final, a estação General Osório, em Ipanema.
O pleno funcionamento da linha 4 está previsto para 2016, ano que acontecerá as Olimpíadas no Rio. O governador acredita que até a Copa de 2014, 75% das obras estejam concluídas.

"Obra é um negócio complicado, é difícil de saber quando termina. Mas nesse caso, acho que conseguimos entregar 75% até 2014", disse o governador.

As obras da nova linha do metrô foram orçadas em R$ 4 bilhões e segundo cálculos do governo, cerca de 240 mil pessoas seriam beneficiadas com o novo itinerário.

Para o ano de 2010, está previsto um gasto de até R$ 300 milhões para as escavações e sondagens dos túneis do metrô. O governador afirmou que os custos teriam que ser reduzidos, caso a emenda Ibsen, que prevê a redistribuição dos royalties do petróleo, seja aprovada. Entretanto, Cabral ressaltou que acredita no veto do presidente Lula à emenda.
  • Os moradores da Barra da Tijuca estão empolgados com a construção do metrô no bairro. Vivendo na Barra há mais de 30 anos, José Wilson Cordeiro, diretor da Associação Comercial e Industrial da Barra, acredita que o novo transporte vai atrair investidores e empresas de grande porte à Zona Oeste.

    "Esta briga para a construção do metrô na Barra acontece há mais de 20 anos. Acredito que o metrô seja a grande solução para atrair investidores comerciais e empresariais, além da própria valorização dos imóveis na região", observou Cordeiro.

Fonte: G1

1 comentários:

Unknown disse...

Só não podem constuir uma rodoviária junto com a estação, o que prejudicaria o local. Existe o guia do JO para quem gosta da região: www.jardimoceanico.com.br

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960