Em Manaus, IMTT vistoria mais de cem ônibus

quarta-feira, 10 de março de 2010

Mais de cem ônibus alternativos, que realizam o transporte entre as zonas Norte e Leste, já foram vistoriados desde a última sexta-feira, 5, até ontem, pelo Instituto Municipal de Trânsito e Transportes (IMTT). A inspeção é para identificar possíveis irregularidades, como ausência de equipamentos de segurança, mau estado de conservação e licenciamento atrasado. Até ontem, nenhum ônibus apresentou irregularidade, segundo a assessoria de imprensa do Instituto.
O órgão informou, ainda, que os 127 ônibus executivos que estão circulando pela cidade passaram pelo mesmo procedimento, na semana passada. A vistoria garante um selo ao ônibus que estiver apto, o que possibilita a atuação de forma legal e segura ao passageiro.
Até o fim desta semana, 200 alternativos deverão ser vistoriados. Os ônibus que não tiverem o selo afixado no pára-brisa não têm autorização para circular. A multa para quem descumpre a determinação, segundo a assessoria, é de 31 Unidades Fiscais do Município (UFMs), o equivalente a R$ 1,9 mil. A população pode denunciar irregularidades do sistema ao IMTT pelos telefones 3632-2115 / 2116.
Desde o início deste ano, a Prefeitura já retirou vendedores ambulantes das avenidas Darcy Vargas, Mário Ypiranga (antiga Recife), Umberto Calderaro Filho (antiga Paraíba), Constantino Nery e Djalma Batista e ainda os ambulantes do entorno da loja Esplanada, localizada na Bola da Suframa, Zona Sul da cidade.

Fonte: Em Tempo

0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960