Sistema BRT (Bus Rapid Transit) será implantado a partir de janeiro em Feira de Santana

quarta-feira, 12 de setembro de 2012

O projeto de transporte coletivo BRT (Bus Rapid Transit), também denominado Via Exclusiva para Ônibus, já foi acatado pelo Ministério das Cidades e será implantado a partir de janeiro de 2013 em Feira de Santana. A proposta do Governo Municipal é disponibilizar um sistema de transporte moderno, com ônibus rápido e articulado.

Segundo o secretário municipal de Planejamento, José Marcone de Souza, o projeto consiste na implantação de duas linhas exclusivas de transporte coletivo nas avenidas Getúlio Vargas e João Durval Carneiro, cortando a avenida Eduardo Fróes da Mota (Anel de Contorno).

“O BRT é um sistema de ônibus de alta capacidade que provê um serviço rápido, confortável, eficiente e de qualidade. O novo sistema controla eletronicamente o tempo de cada estação, com o uso de ônibus modernos e articulados”, explica o secretário de Planejamento.


Ele acrescenta que inicialmente foi encaminhado o projeto da proposta para o Ministério das Cidades e, depois disso, o projeto construtivo. Como o material foi encaminhado dentro do prazo, foi possível que o Governo Federal o acatasse. A iniciativa representa um investimento total de R$ 94 milhões.

Várias cidades do Brasil e do mundo como Curitiba, Goiânia, Bogotá, Porto Alegre, São Paulo e Rio de Janeiro adotaram o BRT como um meio de transporte público mais barato de construir do que um sistema de metropolitano (metrô), com capacidade de transporte de passageiros similar à de um sistema de veículo leve sobre trilhos (VLT). O primeiro BRT foi implantado em 1979, na cidade de Curitiba. As informações são da Secom.

Informações: Acorda Cidade

Siga o Blog Meu Transporte pelo Facebook

0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960