Trânsito do Recife é o mais lento do País, aponta site especializado

sábado, 13 de dezembro de 2014

Apesar dos registros de congestionamentos quilométricos na capital de São Paulo, a cidade brasileira em que se gasta mais tempo para se chegar de um ponto a outro de carro é Recife. A informação é do site Numbeo, especializado na comparação de dados entre metrópoles de diferentes nacionalidades. Segundo o levantamento, os motoristas da capital pernambucana gastam, em média, 55,6 minutos em cada deslocamento. Com esses dados, o Recife também figura entre as dez cidades com o trânsito mais lento do mundo.
Foto: Guga Matos/JC Imagem
Com isso, os moradores gastam, por dia, quase duas horas - sendo uma para ir e outra para voltar de algum ponto - presos em congestionamentos na cidade pernambucana. Assim, alguém que durma oito horas por noite passará 12,5% do tempo acordado parado no trânsito do Recife.

As demais cidades brasileiras que entram no ranking do site Numbeo são, respectivamente: Rio de Janeiro (52,65 min), Belo Horizonte (51,50 min), São Paulo (49,19 min), Porto Alegre (40,57 min), Curitiba (38,55 min), Brasília (20,80 min). 

No entanto, a campeã mundial de trânsito lento é a cidade de Mumbai, na Índia, com 70,20 minutos. O país tem, inclusive, outras duas cidades na lista das localidades com o tráfego de veículos mais caótico, são elas: Pune (60,86 min) e Kolkata (58 min).

- As dez cidades mais lentas do mundo:

Mumbai, Índia
70,20 minutos
Nairobi, Quênia
65,20 minutos
Teerã, Irã
61 minutos
Pune, Índia
60,86 minutos
Cairo, Egito
60,31 minutos
Miami, Estados Unidos
59,11 minutos
Kolkata, Índia
58 minutos
Dhaka, Bangladesh
57,67 minutos
Istambul, Turquia
55,66 minutos
10º
Recife, Brasil
55,60 minutos

- As cidades mais lentas do Brasil:

Recife
55,60 minutos
Rio de Janeiro
52,65 minutos
Belo Horizonte
51,50 minutos
São Paulo
49,19 minutos
Porto Alegre
40,57 minutos
Curitiba
38,55 minutos
Brasília
20,80 minutos

Informações: NE 10

0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960