Em São Paulo, Motoristas de ônibus suspenderam a circulação de 21 linhas em protesto contra multas

segunda-feira, 7 de maio de 2012

Terminou por volta das 14h desta segunda-feira o protesto dos motoristas de cobradores de ônibus na avenida Francisco Matarazzo, na zona oeste de São Paulo. De acordo com o Sindicato dos Trabalhadores em Transporte Rodoviário Urbano de São Paulo (Sindmotoristas-SP), uma reunião foi agendada para a próxima segunda-feira (14).

A circulação de 21 linhas de ônibus municipais ficou completamente suspensa durante a manhã desta segunda-feira. Cerca de 140 motoristas e cobradores de ônibus realizaram um protesto, que ocupou toda a extensão da avenida Francisco Matarazzo desde as 6h50.

O grupo protestava contra um aparelho de radar da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), localizado na altura do número 455 da avenida, no sentido centro. Segundo o Sindmotoristas, o aparelho estaria multando indevidamente os condutores dos transportes públicos.

Segundo informações do delegado sindical Valdir Feitosa da Silva, a CET e a SPTrans já haviam sido notificadas sobre o problema da máquina e chegaram a trocar o aparelho. Mesmo com a troca, o radar voltou a multar os condutores de ônibus.

READ MORE - Em São Paulo, Motoristas de ônibus suspenderam a circulação de 21 linhas em protesto contra multas

Salvador: Rodoviários e patrões realizam mais uma rodada de negociações

Motoristas e cobradores de ônibus participam, nesta terça-feira (8), de uma rodada de negociações com representantes do Setps (Sindicato das Empresas de Transporte) e da Abemtro (Associação das Empresas de Transporte Coletivo Rodoviário do Estado da Bahia), com o objetivo de chegar a um acordo quanto às reivindicações da campanha salarial da categoria. De acordo com o diretor financeiro do Sindicato dos Rodoviários, Hélio Ferreira, se não houver consenso, a categoria poderá entrar em greve por tempo indeterminado.

Gildo Lima | Ag. A TARDE

A categoria reivindica 8% de ganho real, o fim da terceirização, redução da jornada de trabalho para 6h, além do retorno do quinquênio recusado pela Justiça no ano de 2006. Pedem também aumento da participação nos lucros de 15% para 30% na volta das férias, aumento do vale-alimentação de R$ 10,70 para R$ 15, incluído também no período das férias. Ainda faz parte da reivindicação a extensão do plano de saúde para todos os integrantes da família, o que representa 14% de benefício geral.

De acordo com o Asssessor de Relações Sindicais do Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros de Salvador (Setps), Jorge Castro, a entidade espera que os rodoviários recuem em algumas propostas, já que muitas são consideradas inviáveis pelo patronato. "Caso venham com o mesmo discurso, o caso será decidido em dissídio [processo judicial]", alertou.

Divergências - Dentre as exigências consideradas abusivas estão o aumento de 18% no salário, a redução do tempo de trabalho de sete para seis horas diárias, além do aumento do ticket em até 35% e o ganho do benefício durante as férias.
Em Salvador, rodam cerca de 2,3 mil ônibus urbanos com 6 mil motoristas e 6 mil cobradores. O motorista de ônibus urbano recebe R$ 1.360 e o cobrador, em média R$ 760. Com o aumento, motoristas passariam a receber cerca de R$1.550.

Nota - Em nota divulgada à imprensa, na manhã desta segunda-feira, o Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários da Bahia (Sinttroba), explicou que "a perspectiva de uma greve é concreta". Segundo a nota, já foram realizadas seis rodadas de negociações sem avanços. Os rodoviários dizem não querer prejudicar a população, mas alegam também que não podem aceitar as propostas "inadmissíveis" dos empresários.
Vale lembrar que, de acordo com a lei, o transporte coletivo é considerado serviço ou atividade essencial à população. Se decidirem iniciar uma greve, é indispensável que os rodoviários comuniquem 72 horas antes a usuários e empregadores para que o movimento não seja considerado ilegal.

Fonte: A Tarde

READ MORE - Salvador: Rodoviários e patrões realizam mais uma rodada de negociações

Greve de ônibus em Teresina continua por tempo indeterminado

Em assembleia geral, realizada na tarde desta segunda-feira (07/05), os motoristas e cobradores de ônibus decidiram manter a greve geral por tempo indeterminado. Eles alegam que os empresários não fizeram uma boa proposta e por isso preferem manter a paralisação, que teve início a 0h desta segunda.
Com relação ao prejuízo para a população, que é usuária de transporte público, eles garantem que vão cumprir o que determina a Justiça do Trabalho, com pelo menos 50% da frota circulando. E culpam sobretudo o Setut (Sindicato das Empresas de Transporte Urbano de Teresina) pelo impasse com a categoria.

Alguns dos motoristas e cobradores de ônibus de Teresina aproveitaram a presença da reportagem para fazer denúncias graves contra o Setut. "Deixa eu contar para vocês do portal 180graus, que eu sei que é um dos poucos que divulgam tudo mesmo. Os outros recebem dinheiro pra só falar bem. A verdade é que o Setut humilha os motoristas e cobradores. Qualquer problema nos ônibus eles descontam do nosso bolso. Mesmo não sendo culpa nossa", disse um.

O Setut ofereceu, na reunião que tiveram na tarde desta segunda-feira, um reajuste de 12,65% para os motoristas. Mas é um aumento não linear  para cobradores, fiscais e funcionários. O reajuste para estes seria de 9,5%. O Sindicato dos Motoristas e Cobradores, no entanto, exige 20% de reajuste e que o ticket-alimentação passe a ser fixo em 351. Após a assembleia que decidiu pela manutenção da greve dos motoristas e cobradores de ônibus, a categoria seguiu em carreata, alguns a pé, até a sede do Setut. Prometem fazer protesto até que os empresários atendam suas reivindicações. 

PARARAM VIAS E SE JUNTARAM AOS PROFESSORES
Após fazer manifestação em frente ao Setut, os motoristas e cobradores partiram a caminho da avenida Frei Serafim. Fecharam vias e interditaram o trânsito por algumas horas. Ninguém do Setut e nem mesmo da Strans apareceu. Um congestionamento se formou e os motoristas, em seus carros, em motos e alguns a pé, foram para a rua Arlindo Nogueira, ainda no Centro. Eles se juntaram aos professores da rede estadual de Educação que também estão de greve -há quase 100 dias- e saíram em protesto pelas ruas da capital.  

Fonte: 180graus.com

READ MORE - Greve de ônibus em Teresina continua por tempo indeterminado

No Rio, Obras do corredor expresso Transoeste só estão adiantadas no trecho entre Barra e Recreio

A os olhos dos motoristas que circulam pela Avenida das Américas entre a Barra e o Recreio, a inauguração do Bus Rapid Transit (BRT) Transoeste - que promete encurtar o tempo de viagem entre Barra e Santa Cruz - é uma questão de dias. No trecho, as estações estão em fase de conclusão, as faixas exclusivas dos ônibus, pintadas, e até mesmo o paisagismo foi finalizado. No entanto, atravessando o recém-construído Túnel da Grota Funda, a situação muda. Do outro lado, como em Santa Cruz e em Campo Grande, há trechos que ainda não foram duplicados e plataformas inacabadas. Apesar do prazo apertado, a prefeitura promete inaugurar a obra em 13 de junho, quando começa a Rio+20, conferência das Nações Unidas sobre desenvolvimento sustentável.

Antes mesmo da inauguração, problemas já começam a aparecer no trecho mais adiantado. As fortes chuvas inundaram o trecho recém-duplicado da Avenida das Américas, no Recreio. O ponto que virou um piscinão fica perto do Recreio Shopping. Não foi necessário interditar a via, mas o grande bolsão que se formou anteontem complicou a passagem dos carros e, apenas às 13h de ontem, foi removido por um caminhão de sucção.
A secretaria municipal de Obras informou que, após vistorias no trecho inundado, técnicos identificaram obras feitas em imóveis particulares fechando a rede de drenagem. Alguns proprietários já foram notificados pela Rio Águas. A secretaria argumentou ainda que o corredor Transoeste ainda não foi finalizado e que, antes da conclusão da obra, será necessário abrir uma nova vala, paralela à pista, para desaguar no Canal do Rio Morto.

Obra custará R$ 900 milhões
Ao custo de R$ 900 milhões, o BRT Transoeste terá 56km de extensão e promete reduzir pela metade o tempo de viagem entre Barra e Santa Cruz. Na segunda-feira, O GLOBO percorreu toda a extensão do corredor e observou que trabalhos de duplicação de vias e construção de plataformas estão longe da conclusão, apesar de a Secretaria de Obras garantir que até 13 de junho o corredor expresso e as 35 estações estarão prontos.
Diferentemente do cenário encontrado no trecho da Barra ao Recreio, a duplicação da Avenida das Américas entre a Avenida Alceu de Carvalho e Estrada do Pontal (de onde parte o Túnel da Grota Funda) nem recebeu asfalto ainda. As manilhas aguardam no acostamento para serem instaladas.
Postes de iluminação tampouco chegaram.
Cenário igual foi encontrado no trecho da Avenida das Américas até a Estrada da Matriz. Os operários também vão ter que correr contra o relógio para concluir o trecho que vai ligar Santa Cruz a Campo Grande. O Transoeste deverá ser prolongado, a partir da Estrada da Pedra, por mais 7km na Rua Felipe Cardoso. O fato é que, até agora, o trecho ainda não recebeu asfalto e as plataformas nem base de sustentação ganharam. A secretaria também limitou-se a responder que essas etapas estarão concluídas até 13 de junho.
Para o fim de julho, o órgão prometeu concluir uma via de 11km que será construída na Avenida Cesário de Melo até a estação de Campo Grande. O projeto prevê ainda o compartilhamento entre os ônibus articulados do BRT e os demais veículos em 4km da Estrada da Pedra. O Transoeste terá, inicialmente, seis linhas (serviços). A maior parte delas (60%) vai trafegar exclusivamente na canaleta (via segregada do tráfego normal). O restante circulará por cerca de 33km em canaletas e 4km em pistas compartilhadas naquela estrada. A Secretaria municipal de Transportes garantiu que o volume de tráfego na Estrada da Pedra, de aproximadamente mil veículos/hora por sentido, não será empecilho à circulação dos ônibus do BRT Transoeste. Caso o sistema se torne sobrecarregado no futuro, a secretaria diz que poderá fazer a pista segregada também nesse trecho.
Preocupação com ônibus enguiçados
Na opinião do professor de engenharia de transportes da Coppe/UFRJ Paulo Cezar Ribeiro, se de fato o volume de carros limitar-se a mil veículos/hora não haverá problema no compartilhamento da via.


Fonte: O Globo, Isabel de Araújo e Natália Boere

READ MORE - No Rio, Obras do corredor expresso Transoeste só estão adiantadas no trecho entre Barra e Recreio

Fortaleza: Metrô vai rodar com passageiros para testes em junho

Em construção há 12 anos, o metrô de Fortaleza entra finalmente nos trilhos da linha Sul, no dia 15 de junho próximo, data anunciada ontem, pelo governador Cid Gomes, para o início da operação assistida.

Nessa fase inicial, dois trens começarão a rodar de forma experimental, com passageiros a bordo, no trajeto Macaranaú - Parangaba, para testes e sincronia de todos os equipamentos eletroeletrônicos.

"A gente previa investimentos na área de engenharia até o mês de junho, quando começa efetivamente a rodar, e nós conseguimos antecipar toda a parte de engenharia do Metrô, não só do trecho Pacatuba-Parangaba. Mas da Parangaba até a Estação José de Alencar, todo ele já está concluído a parte de engenharia, e estamos avançando na área de eletrificação", informou o governador, durante a reunião de Monitoramento de Ações e Programas Prioritários (Mapp) 2012, concluída ontem.

Segundo ele, já existe um outro contrato para a construção das duas últimas estações - de um total de 18, - a serem situadas no trecho entre a praça José de Alencar e a estação Chico da Silva, cujas licitações ocorreram durante sua gestão. Cid Gomes disse que, até outubro quer ver os primeiros trens do metrô correndo nos 24,1 quilômetros da linha Sul.

Balanço
Nos últimos dois, Cid Gomes reuniu todo o secretariado, diretores de órgãos estaduais e vinculadas para um balanço do orçamento, dos recursos que sobraram ou que não foram aplicados do ano passado, para que sejam investidos este ano. Na primeira reunião do Mapp deste ano, Cid Gomes reviu o cronograma das ações que não fazem parte do cotidiano do Estado, alterou datas de inaugurações e remanejou recursos. A área de saúde, por exemplo, onde se previa aplicar R$ 600 milhões, o governo sinaliza investir agora, R$ 1 bilhão, 66% mais do que projetou no fim do ano passado. Já o ramal Parangaba- Mucuripe, perdeu R$ 30 milhões este ano.

"Durante a avaliação do MAPP 2012 constatamos que estava previsto para este ano investimentos da ordem de R$120 milhões, e isso foi reduzido para R$ 90 milhões", destacou Cid, numa referência à linha férrea, por onde correrá os VLTs. Refeitas as contas, anunciou o governador, serão investidos em projetos e ações do Mapp, em 2012, cerca de R$ 5 bilhões.

Linha leste
Numa demonstração de que a mobilidade urbana é um dos focos prioritários da administração este ano, o secretário Estadual de Infraestrutura, Adail Fontenele, confirmou para o próximo dia 11, na Procuradoria Geral do Estado, a abertura da licitação para aquisição de quatro máquinas tuneladoras (tatuzão), para construção dos túneis da linha Leste do metrô de Fortaleza. O processo licitatório será na modalidade de pregão presencial, onde as empresas interessadas devem apresentar o menor preço, até o montante máximo de R$ 140 milhões.

Segundo ele, a perspectiva é de que, pelo menos, quatro empresas estrangeiras, fabricantes das tuneladoras, participem do pregão presencial.

Definido o fornecedor das máquinas, a ordem de serviço ou melhor, a assinatura do contrato de compra será celebrado até o fim deste mês.

Na primeira quinzena de junho será lançado o edital para realização das obras, cuja licitação será aberta em julho. A expectativa de Fontenele é de que as obras sejam iniciadas em outubro próximo. "Já temos o Eia-Rima aprovado no Coema" , exclamou o secretário.

Ele explicou que as obras só serão licitadas após a definição da empresa fabricante, a mesma que deverá operar as tuneladoras. "Não queremos empresa reclamando que as obras atrasaram porque lhe foi dada uma máquina que não conhece", justificou Fontenele.

Investimentos5 bilhões de reais são quanto o governo do Estado pretende aplicar este ano, em projetos estruturantes e ações do Mapp, conforme redefiniu Cid Gomes
Por Carlos Eugenio / Diário do Nordeste

READ MORE - Fortaleza: Metrô vai rodar com passageiros para testes em junho

Prefeitura de Jaboatão dos Guararapes entrega Binário de Jaboatão Centro a população

Nesta quinta-feira (03/05), a Prefeitura de Jaboatão dos Guararapes entregará mais uma grande obra à população. O binário de Jaboatão Centro irá dar mobilidade em uma área conhecida pelos constantes congestionamentos. Considerada de extrema importância para os jaboatanenses, o projeto de requalificação do bairro irá modificar a vida de milhares de pessoas que residem e transitam na localidade.

Com investimentos de R$ 3,5 milhões, a ação compreende a requalificação da Rua Barão de Lucena, a implantação da nova via Visconde do Rio Branco, que tem mais de dois mil metros de extensão. Além disso, foram realizados serviços de drenagem, pavimentação, passeio de pedestres com acessibilidade e a construção de 220m de muros de arrimo. As praças de Nossa Senhora do Rosário, no Centro, Marechal Floriano, em Socorro, e Dantas Barreto, também foram reformadas.
Para o secretário de Serviços Urbanos e Infraestrutura de Jaboatão, Evandro Avelar, a nova obra facilitará o acesso ao Centro, tendo em vista a média de fluxo diário de carros na localidade, que chega a três mil veículos/hora. “O governo municipal devolve a população um espaço que durante muito tempo foi ocupado de maneira desordenada. Além disso, relocamos os comerciantes ambulantes, mototaxistas e instalamos novos semáforos e sinalizações”, destacou o secretário.

Ainda segundo Evandro, em breve, Jaboatão Centro ganhará outras duas opções de deslocamento.  A estrada da Usina, que está sendo pavimentada, possui 1.400 metros de extensão e liga Jaboatão Centro à BR-101, evitando passar pelo centro da Regional. Já a Estrada da Luz, que também passa por requalificação é o principal acesso do Centro à BR 232.

Mudanças no Trânsito
A partir de agora, a Rua Barão de Lucena, que vai da entrada da Vila Rica até a agência do trabalhador (antiga sede da Prefeitura) se torna mão única em todo seu trajeto, ligando o bairro ao Centro. Já a nova via, a Visconde de Rio Branco, liga o Centro ao bairro de Santo Aleixo.
Fonte: Prefeitura de Jaboatão dos Guararapes

READ MORE - Prefeitura de Jaboatão dos Guararapes entrega Binário de Jaboatão Centro a população

Começa reforma do Terminal Cidade Florianópolis

Começou nessa quinta-feira, dia 03 de maio, a reforma do Terminal Cidade de Florianópolis. O prazo para conclusão da obra é de quatro meses, com um custo total de R$ 523 mil. A empresa vencedora da licitação foi a Mundial Serviços LTDA.

O prefeito de Florianópolis, Dário Berger, havia assinado a ordem de serviço para reforma do Terminal Cidade de Florianópolis, na sexta-feira (27).

Para o vice-prefeito e secretário de Transporte, Mobilidade e Terminais, João Batista Nunes, a segurança e economia da região serão beneficiadas. “O terminal reformado trará mais humanização para a região do Terminal” disse Batista Nunes.

A reforma do Terminal contemplará novos banheiros públicos, além do cerceamento de toda a estrutura e rampas para acessibilidade. A estrutura vai receber nova pintura e uma base da Guarda Municipal. Após o término da reforma, de acordo com João Batista Nunes, todas as linhas intermunicipais passarão a desembarcar no Terminal Cidade de Florianópolis. 

De acordo com o secretário de Governo Gean Loureiro, os comerciantes e usuários do transporte coletivo merecem um espaço mais agradável, que resgate o orgulho da região. A comerciante de uma das lojas em torno do Terminal, Vera Bueno, estava na cerimônia da ordem de serviço, “o quadro de funcionários reduziu pela metade nesses últimos anos. Agora os bons tempos vão voltar”, falou emocionada.

Fonte: Pref. de Florianópols

READ MORE - Começa reforma do Terminal Cidade Florianópolis

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960