Modelagem financeira do metrô de Porto Alegre será definida na próxima semana

quarta-feira, 27 de junho de 2012

O governo federal deve definir a modelagem financeira do metrô de Porto Alegre até o final da próxima semana. A garantia foi dada pelo secretário do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), Maurício Muniz, ao prefeito José Fortunati, na manhã desta quarta-feira, em Brasília.

Conforme Muniz, restaria apenas o aval final dos ministros das Cidades, do Planejamento e da Fazenda. "A licitação do metrô da Capital depende deste anúncio", enfatizou o prefeito, que não recebeu indicações sobre as diretrizes que serão selecionadas pela União para o repasse dos recursos federais.

O prefeito lembrou que as equipes da prefeitura, do governo Estadual e parceiros já trabalham no recém-inaugurado escritório do metrô para agilizar os estudos necessários. Orçado em R$ 2,4 bilhões, o projeto prevê investimento de R$ 600 milhões da prefeitura, R$ 300 milhões do governo do Estado e R$ 1 bilhão da União. O montante inclui ainda R$ 265 milhões em isenções de tributos municipais e estaduais e R$ 323 milhões originários de financiamento privado.

A primeira fase da linha do metrô, estimada em 15 quilômetros e 13 estações, compreende as avenidas Assis Brasil, Brasiliano de Moraes, Benjamin Constant, Cairú, Farrapos, rua Voluntários da Pátria, Largo Glênio Peres e avenida Borges de Medeiros. O projeto considera uma tecnologia de transporte segregada do sistema viário, chamada de “Metrô Leve”, apontada como a melhor escolha para atendimento da demanda de Porto Alegre.

A operação da linha do metrô atenderá diariamente a um público de mais de 300 mil passageiros. Serão 25 composições, formadas cada uma por quatro carros que transportam em média 270 pessoas cada um.

Fonte: Correio do Povo

Siga o Blog Meu Transporte pelo Facebook

1 comentários:

Este comentário foi removido pelo autor.

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960