Presente de ano novo, Prefeitura de SP anuncia que tarifa de ônibus sobe para R$ 2,70

segunda-feira, 21 de dezembro de 2009


A Prefeitura de São Paulo informou na noite deste domingo (20) que a tarifa de ônibus vai subir dos atuais R$ 2,30 para R$ 2,70 a partir do próximo dia 4.
Ainda de acordo com a Prefeitura, o valor do Bilhete Único que faz integração com o Metrô passará de R$ 3,65 para R$ 4,00.
A Prefeitura havia admitido no início deste domingo que o prefeito enviou à Câmara informação sobre o reajuste, mas não tinha divulgado ainda detalhes sobre a mudança da tarifa e o dia em que entraria em vigor. A Câmara é apenas informada sobre o aumento e não tem poder de vetá-lo.
O reajuste representa um aumento de 17,4% em relação ao valor atual da passagem, de R$ 2,30. Segundo a assessoria de imprensa do vereador e líder do governo na Câmara José Police Neto (PSDB), a legislação determina que o prefeito comunique à Câmara com dois dias de antecedência o aumento na tarifa dos ônibus. Não é necessária aprovação dos vereadores. Durante a campanha eleitoral de 2008, o prefeito Gilberto Kassab (DEM), que foi reeleito, afirmou que não aumentaria o preço da passagem em 2009. O último reajuste foi em novembro de 2006.
READ MORE - Presente de ano novo, Prefeitura de SP anuncia que tarifa de ônibus sobe para R$ 2,70

Metrô libera nesta segunda-feira trecho interditado da Avenida Paulista


A Companhia do Metropolitano de São Paulo (Metrô) irá liberar às 7h desta segunda-feira (21) o trecho interditado no cruzamento da Avenida Paulista e Rua da Consolação. O bloqueio ocorria desde março por causa das obras da futura Estação Paulista, da Linha 4 (Amarela) do Metrô. De acordo com a companhia, o Consórcio Via Amarela, responsável pela obra, refez o pavimento e a calçada na área. A sinalização no local será readequada pela Companhia de Engenharia de Tráfego (CET). O trecho bloqueado é entre as ruas Bela Cintra e Consolação. Os motoristas precisavam fazer um desvio para acessar a Consolação. Três linhas de ônibus tiveram os itinerários modificados.
No local da interdição foi aberto um túnel de ligação entre a Estação Consolação, da Linha 2 (Verde), e a futura estação Paulista. Com 40 metros de profundidade e cerca de 5 mil metros quadrados, a nova estação deve ser inaugurada em março. Ela e a Estação Faria Lima – cuja previsão de abertura é no mesmo mês - fazem parte do primeiro trecho da Linha 4, que ligará a Vila Sônia à Luz.
Fonte: G1
READ MORE - Metrô libera nesta segunda-feira trecho interditado da Avenida Paulista

Rio dá a largada para Transcarioca


A prefeitura deu início ontem à viagem do Transcarioca — novo nome para o corredor T5 — ao lançar, por meio da Secretaria de Obras, o edital de construção do sistema para ônibus articulados entre a Barra e a Penha. O custo está orçado em R$ 730,5 milhões. Somados aos R$ 300 milhões para desapropriações de 3.630 imóveis, a prefeitura gastará R$ 1,03 bilhão.

O projeto todo, no entanto, custará ainda mais. Em janeiro, a Secretaria de Transportes lançará outro edital, para escolha do operador do sistema, que terá de construir todas as 38 estações e arcar com a compra da frota de ônibus — estimada em cerca de R$ 155 milhões.

Esse custo sairá do bolso do consórcio que vencer a concorrência. Segundo o secretário de Obras, Luiz Antônio Guaraná, o Transcarioca será financiado pelo Programa de Aceleração do Crescimento para Mobilidade Urbana, do Ministério das Cidades.

A viagem será feita em 47 minutos pelos ônibus expressos, com apenas seis paradas ao longo dos 28 quilômetros. O tempo estimado para os paradores ainda não foi divulgado.

— Hoje demos efetivamente a largada para a construção do Transcarioca. Apresentamos o projeto ao governo federal como prioridade para o transporte público do Rio, que será sede da Copa (de 2014) — disse Guaraná, acrescentando que os recursos ainda não foram liberados, mas lançar o edital de prequalificação e o decreto de desapropriação são ações importantes para viabilizar a obra.
READ MORE - Rio dá a largada para Transcarioca

Campanha do Blog ''Meu Transporte'', Seja um Seguidor.


Campanha do Blog Meu Transporte é chegar até o fim deste ano a pelo menos 50 seguidores, você caro leitor que estar vendo a serenidade, competência e disposição deste Blog em mostrar de fato o que acontece com um dos principais serviços públicos do país que é o Transporte Público, não pode ficar de fora desta campanha, por isso convidamos você a ser mais um seguidor deste Blog que vem mostrando dia a dia a situação do Transporte Público que você usa, clique em seguir este blog e convide seus amigos.

Abraços!!!
READ MORE - Campanha do Blog ''Meu Transporte'', Seja um Seguidor.

Aumento de passagem à vista em João Pessoa


Três dos quinze integrantes do Conselho de Transporte e Trânsito (CTT) da capital paraibana avaliaram na sexta(18), durante reunião na sede da Superintendência de Transporte e Trânsito de João Pessoa (STTrans), a planilha dos custos operacionais do sistema de transporte local elaborada pela STTrans que sugere, balizada em dados técnicos-opercionais, que o novo valor da tarifa de transporte de João Pessoa seja de R$ 1,95. Na ocasião, o representante do Sindicato das Empresas de Transportes Coletivos Urbanos de João Pessoa (Sintur-JP), Alberto Pereira, também apresentou uma planilha, baseada nos investimentos e despesas operacionais do segmento empresarial, sugerindo o valor de R$ 2,00.
Em votação, a proposta da STTrans foi acatada quase que por unanimidade, pois teve apenas a abstenção de voto do conselheiro do Diretório Central dos Estudantes da Universidade Estadual da Paraíba (DCE/UFPB), Lucas de Medeiros, e o voto contrário do representante do Sintur-JP que defendeu que o preço justo a ser praticado na tarifa seria R$ 2,00. Como o CTT não tem caráter deliberativo, apenas consultivo, a decisão será encaminhada ao prefeito Ricardo Coutinho, através da STTrans, para definição do valor a ser cobrado. Atualmente, a tarifa da capital é de R$ 1,80, e é uma das mais acessíveis do país.
READ MORE - Aumento de passagem à vista em João Pessoa

Recife: Requisição de carteiras de estudante 2010 já está disponível


Alunos e instituições de ensino podem acessar o formulário no site do Grande Recife; documento de 2009 vence em março.

As escolas públicas e privadas da Região Metropolitana do Recife - cadastradas junto ao Grande Recife Consórcio de Transporte - já podem acessar e imprimir os formulários de requisição das carteiras de estudante para o ano de 2010. A atual carteira vence no dia 31 de março.
O documento para a retirada das carteiras, que garantem o abatimento de 50% no pagamento das tarifas no Sistema de Transporte Público de Passageiros da Região Metropolitana do Recife, está disponível no site do consórcio, através do link "Formulário para requisição de carteira de estudante 2010".
Os formulários podem ser impressos pelas escolas ou pelos alunos interessados em adiantar o processo. Os estudantes devem entregar o formulário preenchido às instituições de ensino no início do ano letivo de 2010, juntamente com a cópia da certidão de nascimento ou RG, comprovante de residência e uma (01) foto 3X4 recente. A taxa para a aquisição da carteira é de R$9,00.
Após este procedimento, as escolas formalizam o processo, encaminhando as fichas ao consórcio para que seja feita a emissão das carteiras de estudante. Em nenhuma hipótese as carteiras podem ser solicitadas diretamente pelo aluno ao Grande Recife.
Os usuários, que no início do período letivo de 2010, solicitarem a carteira de estudante devem ficar atentos ao andamento do processo de confecção, através do site.
READ MORE - Recife: Requisição de carteiras de estudante 2010 já está disponível

Obras na Avenida Brasil terão início em 2010


As obras para transformação da Avenida Brasil em corredor prioritário do transporte coletivo urbano no sentido leste-oeste deverão ter início já no primeiro semestre do ano que vem.
A projeção foi feita ontem pelo secretário de Planejamento de Maringá, Guatassara Boeira, com base na autorização conquistada por Maringá para a contratação de operação de crédito externo para essa finalidade.
A autorização para o empréstimo de R$ 23 milhões junto ao Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) foi solicitada por meio de mensagem do governo federal ao Senado, que aprovou o pedido na sessão de quarta-feira. “Com esse dinheiro a tão esperada revitalização da Avenida Brasil criará uma nova era para o transporte coletivo e para o trânsito de Maringá”, afirma Boeira.
A obtenção dos R$ 23 milhões representará parte do financiamento do Programa de Mobilidade Urbana, vinculado ao Programa Procidades, que prevê a retirada do sistema de estacionamento em “espinha de peixe” na Avenida Brasil, implantação de uma canaleta preferencial para o tráfego de ônibus e a construção de terminais de passageiros no trajeto entre as regiões do Bosque das Grevíleas e da Praça Souza Naves.
READ MORE - Obras na Avenida Brasil terão início em 2010

Breda não paga funcionários e três empresas assumem linhas


Os 229 funcionários da empresa Breda Sorocaba Transportes e Turismo Ltda. iniciaram, desde as primeiras horas deste sábado, greve geral, e impediram que 26 ônibus rodoviários deixassem a garagem, na avenida Ipanema, o que gerou transtornos e revolta para quase 2 mil passageiros que ficaram sem transporte e tiveram que recorrer à rotas alternativas para poder chegar aos seus destinos durante toda a manhã. A situação só se normalizou início da tarde, quando a Agência Reguladora de Transportes do Estado de São Paulo (Artesp) interveio e autorizou a operação, em caráter emergencial e contra uma liminar, a Viação Cometa S/A, Viação Piracema de Transportes Ltda. e ainda a Auto ônibus São João, empresas já autorizadas a substituir as linhas sob concessão da Breda, que faz parte do Grupo Renê Gomes de Souza (RGS), o mesmo proprietário da Transportes Coletivos Sorocaba (TCS), atende a 34 cidades das regiões de Sorocaba, Grande São Paulo e Litoral Sul. Como se trata operação em caráter emergencial e contra uma liminar, mesmo que determinada pela Artesp, o sistema pode voltar a ser prejudicado, diante de uma nova manifestação da Justiça.
O movimento aconteceu em protesto contra o não pagamento do adiantamento salarial e a segunda parcela do 13.º salário, além da promessa da renovação da frota. A decisão havia sido aprovada pelos trabalhadores em assembleia realizada na última quinta-feira, quando teriam estabelecido um prazo para que a empresa disponibilizasse ônibus em condições de circular sem risco aos passageiros e aos motoristas.
Por volta das 11h da manhã, o Sindicato dos Transportes Rodoviários de Sorocaba e Região foi informado pelas empresas contratadas em caráter emergencial para operar as linhas da Breda Sorocaba que a Artesp, diante da situação, tinha autorizado as mesmas a entrar em operação após o meio-dia. Imediatamente, o Sindicato realizou uma assembleia com os trabalhadores para organizar o início das atividades nas empresas emergenciais. A partir daí os trabalhadores foram divididos em grupos e encaminhados até a garagem das empresas Viação Cometa e Auto-Ônibus São João para iniciar as atividades.
READ MORE - Breda não paga funcionários e três empresas assumem linhas

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960