Aplicativo ‘Vá de Buzú’ é testado em linha convencional de ônibus de Salvador

sexta-feira, 30 de agosto de 2019

Uma das novidades da Semana do Clima, evento da ONU e da Prefeitura de Salvador, que aconteceu até a última sexta-feira (23), o aplicativo Vá de Buzú começa a ser testado esta semana na primeira linha convencional do transporte público da cidade, juntamente com o ônibus elétrico. Trata-se da linha 1567-1, que liga Vista Alegre à Barra, passando por Fazenda Coutos.

Como ainda está em fase de testes, quem baixar o aplicativo no celular pode utilizar a linha com o ônibus elétrico sem pagar passagem até esta sexta-feira (30). O app gera um QR Code que é lido em um aparelho na catraca do coletivo, permitindo o acesso ao usuário. O objetivo da Secretaria de Mobilidade (Semob) é avaliar tecnicamente o novo mecanismo de cobrança de passagem.

Estudo do App
Se a avaliação for positiva, o app poderá ser utilizado como mais uma opção de cobrança de passagem ao usuário do sistema de transporte público, sem excluir as demais. “O objetivo agora é fazer um estudo dessa nova plataforma de cobrança. Por isso, quem utiliza o aplicativo está com essa vantagem de não precisar pagar a passagem nessa linha com o ônibus elétrico, que é outra novidade que estamos testando na cidade”, afirmou o titular da Semob, Fábio Mota.

Durante a Semana do Clima, 1.342 utilizaram a linha exclusiva implantada pela Semob com o aplicativo e o ônibus elétrico, com saída do Shopping Paralela até o local do evento, no Salvador Hall. Como a operação foi considerada um sucesso, bem como a utilização do app, a secretaria decidiu iniciar os testes na primeira linha convencional. Mais de 1,5 mil pessoas já baixaram o aplicativo Vá de Buzú.

Informações: Jornal da Midia 


Colabore com o Blog Clicando nos anúncios da página

0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960