Em Pernambuco, Linhas intermunicipais estão mais caras

sexta-feira, 20 de janeiro de 2012

Foto: Blog Meu Transporte
Após o anúncio de que as passagens do transporte público do Grande Recife sofrerão um aumento de 6,5%, os pernambucanos devem preparar os bolsos caso queiram viajar para outros municípios do estado. É porque as tarifas praticadas no Sistema Intermunicipal de Transporte de Passageiros de Pernambuco serão reajustadas, a partir do próximo sábado (21), em 14,9%. O percentual já foi aprovado pela Agência Reguladora de Pernambuco (Arpe).

O último reajuste desses valores foi em junho de 2009. Com a medida, as tarifas máximas permitidas variam de R$ 1,10 (equivalente ao trecho entre os municípios de Carpina e Lagoa do Carro, na Mata Norte) a R$ 233,61 (equivalente à linha Recife/Petrolina, no serviço leito-cama). No transporte intermunicipal, esses valores são considerados uma tarifa máxima, que poderá ou não ser praticada. Segundo a Empresa Pernambucana de Transporte Intermunicipal (EPTI), em todo o País, especialmente nas linhas de maior quilometragem, é comum a prática de tarifas promocionais.

No último dia 12 de janeiro, o Sindicato das Empresas de Transportes Rodoviários de Passageiros do Estado de Pernambuco (Serpe), encaminhou à EPTI uma solicitação para a concessão de reajuste, após 31 meses de congelamento. De acordo com o levantamento do sindicato, baseado na planilha de custos do setor, o pedido de reajuste apresentado foi de 18,22%. No entanto, ficou decidido o aumento correspondente ao Índice de Preço ao Consumidor Amplo (IPCA) acumulado entre junho de 2009 e dezembro de 2011.

Nova Linha
A Empresa Pernambucana de Transporte Intermunicipal também divulgou nesta sexta-feira (20) a criação de uma nova linha, ligando o município de Escada, na Mata Sul, até o Porto de Suape. O percurso só podia ser feito através da linha Escada/Cabo, que passa a atender somente a demanda entra as cidades, sem passar pelo polo industrial. A nova linha segue em fase de testes, com uma tarifa de R$ 3.

Informações do G1 PE



0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960