São Paulo: Mais 100 mil pessoas vão superlotar a Linha Verde do metrô

quarta-feira, 23 de março de 2011

O funcionamento das estações Tamanduateí e Vila Prudente, que passaram a funcionar das 4h40 às 21h, inclui na Linha 2-Verde mais 100 mil passageiros por dia, um acréscimo acima de 20% sobre o movimento registrado no período de testes, que começou em 2010.

Com o aumento, as 14 estações que compõem o trecho irão passar a transportar cerca de 540 mil passageiros por dia. O acréscimo de gente deve aumentar a superlotação dentro dos trens, já que, desde o ano passado, a linha opera no limite: desde o ano passado, o número de passageiros por metro quadrado já chega a 5,9 por m2.

De acordo com padrões internacionais, o nível máximo de desconforto é de 6 usuários por m². Na CPTM, a média é de 6,5 passageiros por m2. Já na linha 3-Vermelha, a mais lotada do sistema, espremem-se 10,9 pessoas em cada m².

Apesar do aumento de 100 mil passageiros diários, o Metrô não irá ampliar o número de trens em circulação na linha 2-Verde.

Para o superintendente da ANTP (Associação Nacional dos Transportes Públicos), Marcos Bicalho, o governo não pode concentrar os investimentos exclusivamente na expansão do número de estações, mas tem que investir na compra de trens e em equipamentos para reduzir o intervalo entre as composições. “O aquecimento da economia leva mais usuários para o metrô. É preciso investir na expansão da rede e no número de trens em circulação”, diz Bicalho.

De acordo com o Metrô, hoje há 22 trens circulando nos horários de pico na linha 2-Verde, com um intervalo médio de 2 minutos e 20 segundos. Segundo a empresa, o número de composições é suficiente para atender a demanda. Somente em 2010, foram comprados 16 novos trens para a linha.


Fonte: eBand

0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960