Em Vitória-ES, Ceturb-GV inicia testes em aplicativo para consulta de ônibus em tempo real

sexta-feira, 30 de junho de 2017

A Companhia de Transportes Urbanos da Grande Vitória (Ceturb-GV) inicia, nesta semana, testes com o aplicativo Transcol Online, que permite ao usuário verificar em tempo real os horários dos ônibus e o tempo de espera.

O aplicativo também permite que o cidadão consulte todas as linhas que fazem o trajeto desejado e o percurso a ser feito. Para que o sistema funcione, a Ceturb-GV realizou o georreferenciamento dos 5.500 pontos de ônibus do Sistema Transcol na Grande Vitória e instalou GPS nos ônibus da frota.

O diretor-presidente da Companhia, Alex Mariano, explicou que o serviço busca facilitar o cotidiano do cidadão que utiliza o transporte público no seu deslocamento diário.

“Cerca de 600 mil pessoas utilizam o Sistema Transcol e com esse aplicativo disponibilizamos ao cidadão uma ferramenta para auxiliar na organização do dia a dia, com os horários e a localização das linhas de ônibus utilizadas. Além disso, esse serviço nos permite aprimorar nosso planejamento, consolidando uma matriz de deslocamentos dos usuários dos coletivos.”

Segundo o diretor-presidente do Prodest, Renzo Colnago, a ação ajuda o aplicativo ficar mais completo. "Esse é um serviço de grande relevância para os capixabas. A Prodest se sente honrada em ser o parceiro tecnológico desta iniciativa. Em breve, o ES na Palma da Mão terá mais serviços e facilidades por meio da tecnologia para a população.". 

A estudante Heloisa Senna avalia que o aplicativo é um facilitador para seu dia a dia. “Eu vou poder me organizar melhor para não perder o ônibus, porque vai dar para saber  em quanto tempo ele vai passar no ponto, e o tempo que devo demorar naquele trajeto. Com certeza é uma ajuda muito grande para todos que utilizam os ônibus.”

Testes

A Ceturb-GV vai testar as diversas funcionalidades do aplicativo Transcol Online com alunos da Rede Pública Estadual que utilizam o sistema Android. A previsão é que em dois meses, após o uso dos estudantes e eventuais reparos, se necessários, o serviço seja disponibilizado à população nos sistemas Android e IOS, integrando os serviços do aplicativo ES na Palma da Mão.

O lançamento do aplicativo será feito nesta quarta-feira (21), na Escola Viva de São Pedro, em Vitória, onde os estudantes poderão conhecer e acessar as funcionalidades do aplicativo.

Na quinta-feira (22), os estudantes da Escola Viva Joaquim Beato, na Serra, terão acesso ao aplicativo, e, na próxima terça (27), o serviço será apresentado aos estudantes da Escola Viva Profª. Maura Abaurre, em Vila Velha.

Informações: CETURB
READ MORE - Em Vitória-ES, Ceturb-GV inicia testes em aplicativo para consulta de ônibus em tempo real

Urbs faz reparos e manutenção diária em estações-tubo

Reforma de elevadores, troca de piso, reparos na cobertura são algumas das manutenções feitas em estações-tubo da cidade. De janeiro a junho, a Urbanização de Curitiba S/A (Urbs) investiu R$ 123 mil neste tipo de serviço em cerca de 20 estações de embarque e desembarque de passageiros do transporte coletivo de Curitiba.


Nas próximas semanas serão concluídos os reparos das duas estações-centrais perto da sede da Universidade Federal do Paraná. Na Praça Eufrásio Correia, a Urbs fez a manutenção da cobertura para acabar com um problema de infiltração.

Os pedidos para os consertos chegam pelo telefone 156 ou pelas vistorias dos fiscais da Urbs. “Os próprios passageiros avisam dos problemas ou a fiscalização informa o setor de manutenção”, disse o gestor da Área de Tecnologia do Transporte, Élcio Karas.

As estações Alferes Poli, Oswaldo Cruz, Coronel Dulcídio, Bento Viana, Central, Passeio Público, PUC, Parque Iguaçu e Prefeitura Sentido Boqueirão tiveram revisão geral nos elevadores de acessibilidade. Nestes casos foram substituídos sistemas elétricos e feita revisão mecânica com troca de válvulas, mangueiras e conexões desgastadas pelo uso.

Nas estações Centro Médico Bairro Novo, João Viana Seiller e Getúlio Vargas, Mercês e Antonio Cavalheiro a manutenção melhorou o piso.

O gestor da área explica que além das manutenções maiores, todos os dias 12 equipes da Urbs percorrem a cidade fazendo pequenos reparos e ajustes nas estações-tubo. Duas destas equipes são exclusivas para manutenção dos elevadores de acessibilidade. “São trabalhos rotineiros, de manutenção corretiva e preventiva que demandam assistência técnica”, disse.

Informações: Urbs
READ MORE - Urbs faz reparos e manutenção diária em estações-tubo

MPT se manifesta contrário à retirada de cobradores nos ônibus de Uberlândia

Durante a audiência pública realizada na noite desta quinta-feira (29), na Câmara Municipal de Uberlândia, representantes do Sindicato dos Trabalhadores no Transporte Coletivo Urbano de Passageiros de Uberlândia (Sinttrurb), vereadores, servidores, estudantes e representantes do Ministério Público do Trabalho (MPT) se manifestaram contrários à retirada da função de cobrador do sistema de transporte público da cidade.

O procurador Paulo Gonçalves Veloso reforçou, ainda, a preocupação com a qualidade do serviço.
“O Ministério Público do Trabalho (MPT), em outras cidades onde a proposta da retirada dos cobradores foi apresentada, foi contrário a essa retirada, inclusive com o ajuizamento de ações, para que sejam mantidos esses profissionais em razão da manutenção da qualidade do sistema de transporte coletivo. Também há a preocupação com o trabalho dos motoristas que estarão fatalmente expostos à dupla função”, comentou Veloso.

De acordo com procurador, o órgão está atento ao acúmulo de função dos motoristas e também preocupado com a dispensa coletiva do número relevante de trabalhadores. Caso a proposta das empresas seja colocada em prática para todas as linhas, o Ministério Público não descarta a possibilidade de intervir junto à esfera judicial.

O presidente do Sinttrurb, Márcio Dúlio de Oliveira, informou que, após a audiência, a tentativa de diálogo com o Executivo vai continuar no sentido de apresentar projeto de lei para alterar a legislação vigente e assegurar a permanência dos cobradores no sistema.

“A gente entende que foi um grande passo. Todos que fizeram uso da tribuna apoiaram nossa reinvindicação. Não houve nenhum representante da gestão municipal presente, mas estamos tentando conversar com o Executivo para acatar nosso indicativo do projeto. Se chegar ao ponto de não termos nenhum retorno, vamos ter que entrar com ações judiciais”.

Informações: G1 Triângulo Mineiro
READ MORE - MPT se manifesta contrário à retirada de cobradores nos ônibus de Uberlândia

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960