Tarifa do transporte é reduzida em Campo Grande

quinta-feira, 20 de junho de 2013

A tarifa do transporte coletivo em Campo Grande vai passar de R$ 2,85 para R$ 2,75 a partir do dia 1º de julho. O anúncio foi feito nesta quinta-feira (20) pelo prefeito Alcides Bernal (PP). Segundo Bernal, a redução de 0,10 centavos foi possível após a decisão do governo federal de isentar o PIS e Cofins dos serviços de transporte coletivo rodoviário, metroviário e ferroviário.

A isenção das alíquotas da contribuição para o PIS/PASEP e do Cofins foi publicada em edição extra do Diário Oficial da União no dia 1º de junho, assinada pela presidente Dilma Rousseff e  o ministro da Fazenda, Guido Mantega.

Segundo Bernal, após essa redução, uma equipe técnica da prefeitura fez um estudo do impacto da desoneração e, com isso, foi possível abaixar o valor. “A equipe avaliou e falou que era possível”.

A redução está sendo feita quatro meses antes do previsto, já que outubro era o mês previsto para as negociações com a empresa do transporte coletivo. Segundo informações da prefeitura, essa discussão foi mantida, mas a intenção é congelar a tarifa em 2,75 ou até reduzir, sendo o valor que irá vigorar até outubro de 2014.

Bernal diz que a redução não tem relação com as manifestações pelo país, iniciada em São Paulo, contra o valor da tarifa do transporte coletivo naquele município. Em Campo Grande, estão agendados três dias de protestos, a partir desta quinta-feira até sábado (22).

Informações: G1 MS

0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960