Grande Recife divulga balanço da entrega do VEM Estudante

sábado, 25 de abril de 2009


Após o encerramento do processo de entrega do Vale Eletrônico Metropolitano VEM Estudante para os usuários retardatários, que ocorreu 13 à 17 de abril, no Clube Internacional do Recife,o Grande Recife Consórcio de Transporte computou que dos 61 mil cartões que estavam disponíveis para o resgate dos alunos, apenas cerca de 30 mil usuários foral ao local buscar o VEM. Apesar de todos os esforços, disponibilizando uma estrutura com 30 guichês e 140 pessoas no Clube Internacional para atender aos retardatários, cerca de 31 mil estudantes não foram ao local buscar o cartão. Lembrando que a entrega dos bilhetes no Clube Internacional foi uma segunda fase do processo, já que os cartões começaram a ser entregues no início do mês de março, no período de 4 a 26 no Geraldão. Os cartões que não foram pegos estarão disponíveis, a partir desta quarta-feira (22/04), no posto do Passe Fácil da rua do Hospício, no bairro da Boa Vista. O horário de funcionamento do posto é de 7h30 às 19h. Já o grupo de usuários que foi prejudicado em função dos erros do cadastro repassado pelo Setrans ao Grande Recife – e que em função disto não tiveram seus cartões confeccionados, apesar de terem feito o recadastramento do Passe Fácil – receberão o VEM em suas residências. Vale salientar que este atendimento é exclusivo para os usuários que cumpriram todas as exigências no recadastramento. AMPLIAÇÃO - A venda de créditos do Passe Fácil continuará sendo feita até o dia 30 de abril. A utilização dos créditos também foi ampliada, passado de 30 de abril para 30 de maio. Para receber o VEM Estudante, no posto do Passe Fácil da rua do Hospício, o usuário precisa apresentar, se for o titular do cartão, carteira de estudante e o Passe Fácil. Caso o estudante não possa comparecer, o cartão poderá ser entregue aos pais ou responsáveis desde que sejam apresentados identidade do responsável e certidão de nascimento do titular.

0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960