O DFTrans vem tentando resolver a suspensão do cadastro do Passe Livre Estudantil pela Fácil DF

sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

A assessoria da autarquia informou ao Coletivo que não sabe ao certo o motivo da suspensão, mas que o governo tem um convênio com a empresa Fácil para gerenciar o sistema de bilhetagem do DF e que existe todo interesse em que essa situação se resolva. “Nosso diretor-geral está em reunião com o governo, Procuradoria e Secretaria de Transportes para ver juridicamente essa questão e fazer com que a Fácil volte a receber essa documentação”, afirmou.

Segundo informações da empresa, o atendimento está suspenso por tempo indeterminado, pois a Lei  nº 4.494, de julho de 2010, institui algumas mudanças que devem ser aplicadas antes do início das aulas deste ano. O documento estabelece que a partir de janeiro o cadastro do Passe Livre Estudantil será feito em um órgão público definido pelo Poder Executivo. Trabalhadores da Fácil DF relatam que por conta dessa terminação, a empresa está aguardando um posicionamento do governo para saber como proceder diante dessa situação.

“Ainda não temos previsão, temos que ver o que a Secretaria de Transportes vai decidir, se vai ser o DFTrans quem vai assumir o sistema de bilhetagem ou não”, disse um funcionário. A Fácil DF ainda não possui uma assessoria. As informações são repassadas apenas por meio de atendentes do Serviço de Atendimento ao Consumidor (SAC).

0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960