Campinas-SP: Acordo põe fim à greve dos motoristas de ônibus

quinta-feira, 14 de maio de 2009


Depois de mais de quatro horas de audiência no Tribunal Regional do Trabalho (TRT) da 15ª Região, motoristas e cobradores do transporte público de Campinas decidiram em assembleia por volta das 23h desta quarta-feira (13) encerrar a greve da categoria iniciada no início da semana. Pelo acordo com a direção da Associação das Empresas do Transporte Coletivo Urbano de Campinas (Transurc), que ainda precisa da aprovação da Justiça para ser oficializado, o que poderá acontecer na semana que vem, os cobradores passarão a ganhar um salário de R$ 615,00, um reajuste de 17,2%. Outra melhoria diz respeito às horas extras trabalhadas. Pela negociação final, o trabalhador que cumprir até 35 horas semanais receberá 50% de adicional. Ultrapassando as 35 horas, o adicional será de 75%. Os demais salários seguirão o acordo definido ontem (12). Motoristas convencionais passarão a receber R$ 1.385,00 e os de microônibus R$ 1.050,00. Ainda foi oficializada a categoria dos motoristas de ônibus articulados, que receberão R$ 1.440,00.

0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960