No Rio, Novas mudanças dividem usuários de coletivos

segunda-feira, 23 de novembro de 2015

Com o movimento reduzido nos terminais e pontos de ônibus em virtude do feriado do Dia da Consciência Negra, fiscais da Secretaria Municipal de Transportes acompanharam nesta sexta-feira o início da terceira etapa da racionalização das frotas que circulam pela Zona Sul. Em nota, a Secretaria Municipal de Transportes informou que os fiscais “verificaram que os itinerários das linhas estão sendo cumpridos e os agentes de divulgação estão orientando os usuários”. Pontos com maior concentração de passageiros, como Ipanema, Leblon, Copacabana, Leme, Botafogo, Lapa e Santo Cristo (Rodoviária), foram os alvos principais.

Alguns passageiros, entretanto, protestaram. “Estou no terminal há 20 minutos, e nada de ônibus”, queixou-se o apontador de obras Osmar Rodrigues, 61, no Terminal Rodoviário Padre Henrique Otte, no Santo Cristo, onde aguardava, no início da tarde, o coletivo da nova linha Troncal 2, que vai até a Praça General Osório, em Ipanema, passando pela Lapa e praias do Flamengo e de Botafogo. “Cadê o 119? Fiquei a pé. Vou ter que ver alternativas de trajetos e gastar mais dinheiro”, lamentou a garçonete Janaína Peres, 39 anos, referindo-se ao ônibus que fazia a linha Copacabana-Candelária, agora extinto.

O balconista Alberto Silva, 48, espera que a Troncal 2 facilite sua vida. “Venho todos os dias de Niterói para trabalhar em Copacabana. Vou poder saltar e embarcar na rodoviária (Padre Otte) de agora em diante”, detalhou, dizendo que estava andando mais de dois quilômetros a pé, até encontrar linhas mais próximas de seu itinerário.

Subsecretário de Planejamento, Alexandre Sansão disse que o início da operação seguiu o cronograma programado. “Os motoristas estão dentro dos novos itinerários previstos”, garantiu Sansão, que acompanhou os fiscais em diversos pontos. Ele, porém, admitiu que “ajustes ainda serão realizados”, com a intenção de melhorar ainda mais o transporte público. Os detalhes de como ficaram as novas linhas podem ser conferidos pelo site www.rio.rj.gov.br.

Informações: Agência O Dia

0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960