CET quer tirar de vez carro em corredor de ônibus

terça-feira, 3 de novembro de 2015

O motorista de veículos de passeio terão mais proibições de circulação em São Paulo. A CET (Companhia de Engenharia de Tráfego) pretende acabar com a permissão para carros particulares circularem nos corredores de ônibus à esquerda, durante a noite, nos fins de semana e nos feriados.

Atualmente, em dias úteis, o trânsito nas vias segregadas é permitido entre 23h e 4h. Aos sábados, a liberação começa às 15h e se estende até a segunda-feira, às 4h. Nos feriados, a permissão ocorre entre 0h e 4h do dia útil seguinte (veja abaixo a relação de corredores liberados nesses horários).

“O fluxo de ônibus na Rebouças, por exemplo, é muito grande, mesmo nos fins de semana”, afirmou o secretário municipal de Transportes, Jilmar Tatto, sobre a via da Zona Oeste, que, segundo ele, costuma ter congestionamentos de carro aos sábados à tarde. Tatto afirmou ainda que  o corredor serve de fuga para os motoristas e, por isso, deve ser utilizado só para os coletivos. 

RENOVAÇÃO/ Tatto evitou falar em prazos, mas a intenção, segundo ele, é mudar a regra rapidamente, apesar de a portaria que  autoriza o tráfego de veículos nos corredores de ônibus ter sido editada há menos de dois meses pelo prefeito Fernando Haddad (PT).  

A liberação,  renovada anualmente, vence em 30 de setembro de 2016, no entanto, o poder público tem a prerrogativa legal para determinar quem pode ou não pode circular nas vias municipais, explicou  o advogado Rosan Gesiel Coimbra, integrante da Associação Brasileira de Profissionais de trânsito.   

A multa para o motorista  que invade o corredor é de R$ 191,54. Além disso, o infrator recebe sete pontos na CNH (Carteira Nacional de Habilitação). Tatto também disse ontem que a  Prefeitura discute flexibilizar as faixas exclusivas de ônibus  para os fretados, em determinados locais e horários fora do pico.


0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960