Cidade de Natal deverá ter bicicletas compartilhadas

domingo, 16 de agosto de 2015

O serviço de compartilhamento de bicicletas foi tema de uma reunião nesta quinta-feira (13) entre a Prefeitura de Natal e a empresa Samba (Transportes Sustentáveis). O sistema permite ao usuário fazer reserva de bicicletas por meio de aplicativos para smartfones e possibilita a integração com a rede de transporte coletivo. O serviço já existe em cidades brasileiras.

A empresa, ligada ao grupo Sertell, de Recife, implanta e opera sistema de bicicletas públicas compartilhadas. De acordo com a STTU, uma parceria é estudada para melhorar a infraestrutura cicloviária na cidade. “A bicicleta não é apenas um meio de transporte, mas uma importante ferramenta para o desenvolvimento sustentável da cidade”, destaca o secretário adjunto da STTU, Clodoaldo Trindade.

A STTU afirma que a intenção é montar um plano cicloviário dotado não apenas de ciclovias e ciclofaixas, mas com toda uma infraestrutura para os ciclistas.

Falta de ciclofaixas
A falta de ciclofaixas em Natal é alvo de críticas das pessoas que usam bicicletas como meio de transporte ou para prática esportiva. Em setembro do ano passado, um fato curioso chamou a atenção da população em duas avenidas da Zona Norte de Natal. As vias apareceram pintadas, mas as marcações não foram feitas pela STTU. Mesmo assim, alguns ciclistas utilizaram os trechos pintados.

Informações: G1 RN

0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960