No Rio, Ônibus intermunicipais extras para o carnaval entram em circulação

quarta-feira, 11 de fevereiro de 2015

As linhas extras de ônibus intermunicipais implantados pela Secretaria de Estado de Transportes, por meio do Detro, para o período do Carnaval com destino à Região dos Lagos, Região Serrana e Costa Verde começaram a operar na manhã desta quarta-feira (11).

De acordo com a Secretaria, desde a última terça (3), quando as passagens começaram a ser vendidas, foram disponibilizadas cerca de 5,5 mil bilhetes que faz serviços diretos com embarques em Campo Grande, Nilópolis, Nova Iguaçu e Alcântara. Deste total, 87,5% já foram comercializadas, ou seja, cerca de 4,8 mil passagens.

Ainda segundo a Secretaria de Transportes, os destinos mais procurados foram Paraty, Angra dos Reis e Cabo Frio. Além de beneficiar os moradores da Região Metropolitana do Rio, incluindo a capital, Baixada Fluminense e São Gonçalo, que buscam os principais destinos do estado na Região dos Lagos, Costa Verde e Região Serrana para passar o Carnaval, a operação vai reduzir em cerca de uma hora o tempo da viagem.

Este ganho deve-se à utilização, pela primeira vez, do Arco Metropolitano em conjunto com as rodovias metropolitanas, o que vai aliviar o tráfego em vias já saturadas, como  a Avenida Brasil, a rodovia Presidente Dutra, Ponte Rio-Niterói e o entorno da Rodoviária Novo Rio.

A medida também facilita a vida dos moradores da Baixada Fluminense, que vão ter saídas diretas pelos terminais de Nilópolis, Nova Iguaçu e da Zona Oeste do Rio, partindo pelo terminal de Campo Grande, não sendo necessário o deslocamento até a Rodoviária Novo Rio.

Além disso, iniciativa vai contemplar os moradores de São Gonçalo e Itaboraí, que vão poder embarcar sentido Região dos Lagos no Terminal de Alcântara, sem a necessidade de seguir até o Terminal Roberto Silveira, em Niterói. A mudança também beneficia os moradores do Médio Paraíba com destino à Costa Verde, que agora vão contar com novos itinerários via Arco Metropolitano. As linhas regulares não vão sofrer alterações.

"A operação é um sucesso e já estamos providenciando ônibus extras para atender trechos com a maior procura. Recomendamos que a compra de passagens seja feita de forma antecipada", afirmou o secretário de Estado de Transportes, Carlos Roberto Osório.

Informações: G1 Rio

0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960