Em Santo André, Faixas exclusivas reduzem em até 68% tempo de viagem de ônibus

quarta-feira, 17 de agosto de 2016

Implantadas ao longo dos últimos três anos pela Prefeitura de Santo André, as faixas exclusivas de ônibus localizadas em áreas centrais da cidade têm reduzido em até 68% o tempo de viagem do transporte municipal. As vias reservadas para os coletivos já somam 12 quilômetros e são responsáveis por atender 102 mil passageiros por dia.

Segundo cálculos da Prefeitura, a faixa exclusiva localizada no trecho entre a Rua Cel. Seabra até a Rua dos Tamoios, sentido Centro, foi a que apresentou melhor ganho na duração da viagem após sua implantação, em 2014. O tempo de percurso, que era de 9,2 minutos, foi reduzido para uma média de três minutos, queda de 68% da prática.

O percentual foi similar ao notado no corredor das ruas Cel. Alfredo Flaquer, Siqueira Campos e General Glicério, onde a administração municipal notou ganho de 61%. No trecho, o tempo de viagem caiu de 19,6 minutos para 7,8 minutos.

Ao todo, a cidade possui outros três corredores com faixa exclusiva de ônibus. Embora em proporção menor, o tempo de deslocamento neles também apresentou redução, que varia de cinco a nove minutos.

Na avaliação do diretor da SATrans, concessionária do transporte coletivo de Santo André, Fábio de Jesus Leite, aliada a outros projetos, a implantação da faixa otimizou o transporte municipal da cidade. “A redução do tempo de viagem dos ônibus foi significativa. Acreditamos que junto à renovação da frota e principalmente ao Bilhete Único Andreense conseguimos aproximar os moradores do transporte público.”

Na edição de ontem, especialistas alertaram que a quantidade de faixas na cidade ainda é baixa. A previsão da Prefeitura é a de outros 13 corredores de ônibus sejam construídos para suprir esse deficit. Entretanto, o projeto que tinha previsão inicial para ser concluído nesta gestão ainda aguarda recursos do BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento).

A operação das faixas de ônibus na região central ocorre de segunda a sexta-feira, das 6h às 20h, e aos sábados, das 6h às 14h. Nos corredores da Rua Carijós e Av. Dom Pedro I o funcionamento acontece somente durante a semana, das 6h às 10h.

INFRAÇÃO

Levantamento da Prefeitura de Santo André mostra que no primeiro semestre deste ano 222 multas foram aplicadas em motoristas que invadiram as faixas exclusivas de ônibus da cidade. O número é 91,42% inferior ao registrado no mesmo período de 2015, quando 2.586 infrações foram lavradas.

Informações: Diário do Grande ABC

0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960