Prefeitura desativa ônibus que liga aeroporto a hotéis em Porto Alegre

quarta-feira, 22 de abril de 2015

A Prefeitura de Porto Alegre decidiu nesta segunda-feira (20) desativar a linha especial de ônibus especial que saía do Aeroporto Salgado Filho e passava pelos principais hotéis da cidade. A linha seletiva S1 deixará de funcionar a partir do dia 30, quinta-feira da próxima semana.

Criada para atender os turistas durante a Copa do Mundo do ano passado, a linha operava em caráter experimental. Segundo a prefeitura, a decisão foi tomada devido à baixa média de passageiros, de 1,37 por viagem, o que inviabilizou a operação. Somente no ano passado, o município teve um prejuízo superior a R$ 880 mil com a S1.

A decisão foi tomada pelo prefeito José Fortunati, em reunião com o diretor-presidente da Carris, Sérgio Zimmermann; o diretor-presidente da EPTC, Vanderlei Cappellari, e o secretário municipal de Gestão, Urbano Schmitt, além de gestores e técnicos das duas empresas municipais. Os números da linha seletiva foram apresentados durante o encontro.

A prefeitura destaca que também pesaram na decisão a existência de outras alternativas de transporte entre o aeroporto e o Centro, como os 210 táxis disponíveis no ponto fixo do terminal, e as seis linhas de ônibus comum  que passam pelo local: T5, T11, B02 (Leopoldina-Aeroporto), B09 (Aeroporto-Iguatemi), B56 (Passo das Pedras-Aeroporto) e 705 (Indústrias).

0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960