Greve de ônibus no Recife chega ao fim

quarta-feira, 15 de julho de 2015

O Sindicato dos Trabalhadores em Transporte Rodoviário de Pernambuco encerrou a greve dos motoristas, cobradores e fiscais de ônibus, na noite desta quarta-feira, após o julgamento do dissídio pelo Tribunal Regional do Trabalho. Após a concessão do reajuste de 12% nos salários e de 59,57% no tíquete de alimentação, a categoria colocou fim na paralisação, que foi deflagrada à 0h dessa terça, e disse estar satisfeita.

"Com esse percentual, a greve está encerrada. Estamos bastante satisfeitos", comemorou o presidente do sindicato, Benilson Custódio. Atualmente, os trabalhadores recebem R$ 188 no tíquete de alimentação. Com o aumento de 59,57%, o benefício chega a R$ 300. Os motoristas de ônibus ganham R$ 1.765 e passarão a receber R$ 1.976,80, os cobradores, que ganham R$ 812, receberão R$ 909,44, e os fiscais, pagos por R$ 1.141, vão ganhar R$ 1,277,92. Na última mesa de negociação entre rodoviários e empresas de ônibus, na quinta passada, foi oferecido um reajuste de 27% no valor do tíquete de alimentação, que passaria de R$ 188 para R$ 220, e de 9,5% nos salários. A categoria rejeitou a proposta e, em assembleia na sexta, decretou estado de greve.

A decisão do reajuste de 12% foi aprovada através do voto de dez desembargadores, dos 11 que participaram do dissídio. Seis deles também votaram no aumento de 59,57% do benefício de alimentação. Ainda na noite desta quarta-feira, o Ministério Público do Trabalho emitiu um parecer informando não considerar a greve abusiva e sugerindo reajuste de 9,31% para a categoria.

0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960