Em Fortaleza, Avenida Antônio Sales terá faixa exclusiva para ônibus e ciclofaixa

domingo, 2 de novembro de 2014

A Avenida Antônio Sales terá 4 km de faixa exclusiva para ônibus e 3,5 km de ciclofaixa até o dia 21 de novembro próximo. O anúncio foi feito pela Prefeitura de Fortaleza. O primeiro trecho a receber a faixa exclusiva para coletivos já começou a funcionar nesta sexta-feira (31), indo da Avenida Senador Virgílio Távora até a Engenheiro Santana Júnior.

Quando concluída a implantação, a faixa irá da Avenida Dom Manoel à Engenheiro Santana Júnior. A ação faz parte do Plano de Ações Imediatas de Trânsito e Transporte (PAITT).

A ciclofaixa será da Avenida Visconde do Rio Branco até a Monsenhor Catão. O primeiro trecho a ser entregue estará localizado no lado esquerdo da via entre a senador Virgílio Távora e a Monsenhor Catão, podendo ser usado pelos ciclistas também nesta sexta-feira (31).

A prefeitura anunciou ainda que vai implantar a faixa exclusiva para transporte coletivo na Avenida Bernardo Manuel, entre as avenidas Presidente Costa e Silva (Perimetral) a Carlos Jereissati. A Autarquia Municipal de Trânsito (AMC) vai implantar nova sinalização no lado direito de cada via e posteriormente, haverá fiscalização eletrônica.

Paradas de ônibus
A Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor) está modificando o sistema de paradas nas vias que recebem a faixa exclusiva para ônibus - as avenidas Dom Luís, Santos Dumont, da Universidade, Carapinima, José Bastos, Domingos Olímpio e, atualmente, a Antônio Sales e a Bernardo Manuel. As mudanças também foram apresentadas nesta quarta-feira (29) pela Prefeitura.

As paradas recebem nova iluminação, abrigos, placas com informações sobre as linhas que passam pelo local e vão ficar a 500 metros de distância umas das outras.

Na manhã desta quarta, usuários que pegam ônibus na Avenida Domingos Olímpío reclamaram da distância e diminuição das paradas na via com o novo sistema.  "Já chego super cansada no trabalho e atrasada”, diz a auxiliar de serviços gerais, Francisca das Dores. "Acabou a parada aí ficou dificultoso para gente apanhar o ônibus. Você trabalha, quando sai a noite quer chegar em casa, né?”, disse o servidor Adalberto Lopes.

Informações: G1 CE

0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960