Scania vende 38 chassis de ônibus para BRT de Belo Horizonte

sexta-feira, 25 de abril de 2014

Veículos serão utilizados por quatro operadoras no sistema Move; soluções da fabricante para mobilidade urbana oferecem economia de combustível e robustez.

A Scania anuncia a venda de 38 chassis de ônibus para utilização no novo sistema de BRT (Bus Rapid Transit ou Transporte Rápido por Ônibus) de Belo Horizonte, batizado de Move. Quando estiver com sua infraestrutura 100% concluída e a frota de veículos completa, o Move vai transportar perto de 700 mil passageiros por dia. Os modelos articulados Scania K 310 6x2/2 serão utilizados por quatro operadoras: Transportes Milênio, Transportes São Dimas, Turilessa e Bettania Ônibus. Cada articulado tem capacidade para transportar 127 passageiros. A totalidade dos modelos deve entrar em operação no segundo trimestre deste ano. O negócio foi realizado pela Casa Scania Itaipu.

O BRT é um sistema de transporte por ônibus, de alta capacidade e alta qualidade, operado de forma semelhante ao metrô, capaz de atender os usuários com rapidez e conforto.
“A Scania possui uma linha de chassis que oferece soluções completas de produtos e serviços para a mobilidade urbana. As exigências da licitação promovida pelo órgão gestor, a BHTrans, reforçam a importância da qualidade, economia de combustível, robustez e baixo índice de manutenção dos produtos da marca”, afirma Eronildo Santos, diretor de Vendas de Veículos da Scania no Brasil. “Saber que nossos chassis serão utilizados em uma das cidades-sede da Copa do Mundo é uma grande satisfação. Além disso, o Move é um dos principais sistemas de ônibus do Brasil.”

Os 38 articulados Scania K 310 6x2/2 de piso normal são equipados com freios ABS, sistema EBS, controle de tração, sistema de "ajoelhamento”, caixa de câmbio automática ZF Ecolife de 6 marchas e freio auxiliar incorporado.

Os ônibus articulados têm quatro portas à esquerda, que coincidem com as portas da plataforma do BRT. Além de três saídas do lado direito, que permitem um embarque e desembarque na altura da calçada. Dentro dos ônibus, por meio de sistemas de som e painéis digitais, os passageiros têm acesso às informações sobre a próxima estação. Os ônibus contam ainda com circuito fechado de TV e GPS com monitoramento por centrais de controle operacional. Os 38 articulados Scania vão atuar em dois dos três corredores do Move: Cristiano Machado e Antônio Carlos.

Sobre a Casa Scania Itaipu - A Itaipu, empresa do grupo Lemos de Moraes, figura entre as mais representativas concessionárias Scania no Brasil. Desde 1973, a Casa mantém o foco na satisfação dos clientes e na capacitação de seus colaboradores oferecendo, além de um atendimento profissional e especializado, um portfólio completo de produtos e serviços Scania. Também dispõe de pontos de presença nas cidades de Contagem, Matias Barbosa, Montes Claros, Patos de Minas e Barão de Cocais. Com um mercado cada vez mais competitivo, a empresa busca atender sempre melhor seu cliente que também é muito exigente devido à importância de seu negócio. A Casa Scania Itaipu é certificada na ISO 9001 e também no padrão de atendimento das concessionárias Scania (DOS) emitida pela fábrica, por meio de auditoria com profissional especializado. Preocupada em oferecer ao cliente uma solução completa mantém como prioridade a alta disponibilidade de veículos para focar na administração de seu negócio. Para tanto, investe em qualificação de suas equipes, treinamentos técnicos contínuos e em uma estrutura completa de atendimento na concessionária ou in loco.

Sobre a Scania - A Scania é um dos principais fabricantes mundiais de caminhões e ônibus para transporte pesado e de motores industriais e marítimos. Os produtos de serviços têm participação crescente nos negócios da empresa, assegurando aos clientes soluções de transporte econômicas e com alta disponibilidade operacional. Com 41.000 colaboradores, a Scania está presente em mais de 100 países, com linhas de produção na Europa e América do Sul com possibilidade de intercâmbio global de componentes e veículos completos. Em 2013, as receitas totais da Scania alcançaram 86,8 bilhões de coroas suecas e o resultado financeiro após a dedução de impostos foi de 6,2 bilhões de coroas suecas.

0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960