São Paulo: Estacionamento de bicicletas aumenta 11% em relação a 2010

quarta-feira, 27 de julho de 2011

As paradas nos bicicletários públicos em estações de metrô, terminais de ônibus e estacionamentos de carros cresceram 11% no primeiro semestre deste ano, em relação a 2010.

Além de ser possível deixar a própria bike, também é possível alugar nos 22 pontos administrados pela ONG Instituto Parada Vital, que hoje conta com 400 bicicletas - em breve, haverá outras 300.

Para o presidente do Instituto Parada Vital, Ismael Caetano, os números refletem uma mudança de comportamento. "Os paulistanos estão percebendo a bicicleta como um meio de transporte eficiente", diz. Tanto para alugar como para deixar a bike, é preciso se cadastrar. Mais informações estão disponíveis em
www.paradavital.org.br.


0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960