CBTU turbina investimentos nos sistemas de trilhos de Recife, João Pessoa e Natal

quarta-feira, 1 de julho de 2020

Nesta semana, entre os dias 22 e 24 de junho, a CBTU foi contemplada com investimentos de cerca de 116 milhões de reais, por parte do Ministério do Desenvolvimento Regional, para a retomada dos importantes projetos de modernização e ampliação da malha ferroviária. Há cerca de nove anos a Companhia não recebia vultosos recursos nesta ordem, e quem ganha é a população.

“O que o ministro está trazendo, pelo momento que estamos passando, tem um valor imensurável. O Ministério, com muita sensibilidade, atendeu meu pedido e colocou dentro da CBTU um investimento que não imaginávamos que iria ocorrer nos próximos anos”, comemora o diretor-presidente José Marques.

O primeiro anúncio aconteceu logo na segunda-feira , 22, no Recife, onde o Ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, iniciou sua agenda de visitas pelo nordeste, acompanhado do diretor-presidente José Marques. Na ocasião, o ministro revelou a destinação de R$ 22,8 milhões para a STU Recife.

Os investimentos serão para a duplicação linha do VLT, com a construção de pontes e melhorias e adequações na linha, garantindo mais segurança, pontualidade e reduzindo o tempo de espera entre viagens. A expectativa é quadruplicar o número de passageiros no trecho. Além disso, acontecerão obras de acessibilidade e reforma de seis estações e do Centro de Manutenção em Cavaleiro.260620ac5

No dia seguinte, terça-feira, 23, a superintendência de João Pessoa foi a segunda a receber a notícia de investimentos na ordem de R$ 18 milhões. Eles serão alocados na recuperação da via permanente assim como para a construção de desvios ferroviários, que permitem maior transito de trens nas vias, reduzindo o tempo de espera e aumentando a capacidade de passageiros transportados. Duas estações também serão totalmente recuperadas com os conceitos mais modernos de engenharia e acessibilidade.

E para o gran finale, na quarta-feira (24), a Superintendência de Natal. O anúncio foi feito pelo ministro durante a inauguração da nova e moderna Estação Parnamirim. Serão R$ 75 milhões destinados para a construção de duas novas linhas (Branca e Roxa- trecho 1).

260620ac2Ao todo, vão ser construídos aproximadamente 30km de linhas e 10 estações, ampliando o acesso á capital potiguar de cidades próximas e a capacidade de passageiros no sistema. Obras que são vitais para a mobilidade da região metropolitana. Uma nova locomotiva também será adquirida.

No dia 25, ainda foi oficializada a doação de três locomotivas e 30 carros de passageiros do Metrô de Fortaleza para a Companhia.

A gestão da CBTU também receberá incrementos na área de Tecnologia da Informação. Serão 8 milhões de reais para a compra de softwares e aprimoramento de processos internos, esse valor também será usado para a modernização do sistema de bilhetagem no Recife.

Com isso, a CBTU demonstra que continua cada vez mais sólida, e trabalhando incansavelmente pela melhoria e ampliação dos serviços prestados à população, se tornando cada vez mais essencial no dia a dia das cidades onde atua.

Informações: CBTU
READ MORE - CBTU turbina investimentos nos sistemas de trilhos de Recife, João Pessoa e Natal

Greve no Metrô de SP foi adiada para dia 08

Em assembleia realizada de maneira online pelo Sindicato dos Metroviários, a categoria decidiu adiar a greve que estava marcada para o dia 1º de julho, marcando nova data para uma paralisação sendo esta no dia 08 de julho de 2020.

Segundo informado pelo Diretor do Sindicato, Wagner Fajardo, no dia 07 de julho será realizado uma nova assembleia para decidir se param no dia oito.

Na quarta-feira dia 1º, haverá nova reunião para negociação entre o Metrô/Governo e Sindicato/Trabalhadores das reivindicações expressas no jornal que foi divulgado pela entidade.

O Sindicato dos Metroviários haviam proposto realizar um protesto com catracas livres e não uma greve, mas a opção não foi ouvida pelo Governo.

A categoria se queixa da ação de retirar parte dos benefícios a redução de valores pagos em hora extra e e adicionais noturnos, fim do adicional de periculosidade, entre outros.

Com o adiamento da greve a operação do Metrô será normal na quarta-feira dia 1.

Informações: Diário dos Trilhos
READ MORE - Greve no Metrô de SP foi adiada para dia 08

BRT Rio terá mudanças operacionais em suas linhas a partir desta quarta-feira

Nesta quarta-feira (01/07), o BRT Rio dará início a algumas mudanças operacionais em suas linhas de ônibus, visando a readequação à demanda de passageiros, que deve aumentar devido à 3ª fase da flexibilização das medidas restritivas, que começa na quinta (02/07).

Entre as alterações, começará a operar em caráter experimental a linha 51A, que fará o trajeto entre a Vila Militar e o Terminal Alvorada, no corredor Transolímpica. Ela vai funcionar nos dias úteis, com intervalos a cada 20 minutos durante todo o dia. Além disso, haverá a oficialização da linha 22 – Alvorada x Jardim Oceânico (Parador). Já a 25A funcionará nos finais de semana entre Mato Alto e Alvorada. Também será retomada a linha 20, que será um serviço expresso entre o Terminal Santa Cruz e a estação Salvador Allende, no corredor Transoeste.
 
Outro ponto importante das mudanças tem como objetivo fortalecer a transferência nas estações, como acontece nos meios de transporte em todo o mundo. Sendo assim, o terminal Alvorada assume o papel de principal conector do sistema BRT, por seu tamanho e capacidade de operação.

O BRT Rio chegou a ter uma redução de 75% dos passageiros no período de isolamento social, mas este índice vem caindo gradativamente e agora a redução é de 58% em relação ao último dia antes das medidas restritivas.

Confira as mudanças no BRT Rio que começam nesta quarta-feira (01/07):

Linha em caráter experimental: 51A – Vila Militar x Alvorada (Parador). Circulará nos dias úteis das 04h10 às 00h;

Linha oficializada: 22 – Alvorada x Jardim Oceânico (Parador). Além da circulação diária, das 04h às 00h, passará a funcionar nos finais de semana;

Linhas alteradas: 25A – Mato Alto x Alvorada (Parador). Circulará apenas aos sábados e domingos, das 04h10 às 23h;

Linha 38 – Terminal Alvorada x Fundão – via Galeão (Parador). Funcionará das 04h às 00h aos domingos;
Linha retomada: 20 – Santa Cruz x Salvador Allende (Expresso). Funcionará nos dias úteis, das 04h20 às 8h10 e das 16h45 às 18h45;

Linha substituída: 42A – Galeão x Madureira (Parador). Aos sábados, o trajeto será feito pela 42E – Santa Efigênia x Galeão (Parador).

Informações: Diário do Rio
READ MORE - BRT Rio terá mudanças operacionais em suas linhas a partir desta quarta-feira

Passageiros reclamam da demora dos ônibus em Porto Alegre

O transporte coletivo de Porto Alegre, que tem circulado com passageiros sentados, em razão do decreto da Prefeitura, acabou criando um problema para os rodoviários. Pela nova determinação, os ônibus somente poderão circular com limite máximo de passageiros sentados, sem ninguém em pé. No entanto, muitos usuários não estão gostando de esperar um longo tempo nas paradas. 

Tanto nos veículos da zona Sul quanto nas zonas Leste e Norte, os usuários dos ônibus têm reclamado dos veículos que acabam por não parar nas paradas e da demora para conseguir embarcar.

Dois locais, as paradas da Estrada João de Oliveira Remião, na Lomba do Pinheiro, e os terminais da avenida Salgado Filho, no Centro Histórico, têm chamado a atenção pela grande concentração de pessoas nas paradas, principalmente nos primeiros horários da manhã e no final de tarde. 

Motoristas alertam
Os motoristas alertam os usuários para as novas regras. No terminal da Salgado Filho, a auxiliar administrativa Larissa Macedo Antunes, que aguardava o ônibus da linha Menino Deus, afirmou que nos últimos dias percebeu mais passageiros nas paradas. "Os ônibus passam com passageiros sentados e tanto o motorista quanto o cobrador têm feito o sinal de que não vão parar", destacou. Além do limite de passageiros, o decreto da Prefeitura determina que usuários, motoristas e cobradores devem usar máscaras, conforme já vinha sendo orientado.

O presidente em exercício do Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Transporte (Stetpoa), Sandro Abbade, afirmou que além de não haver nenhum avanço ou qualquer negociação com o sindicato patronal sobre os parcelamentos de salários, as recentes alterações indicadas em decreto municipal "complicaram ainda mais". 

"Agora só podemos transportar passageiros sentados, essa decisão para nós, que estamos na ponta e precisamos dizer quem sobe ou não, está bem difícil", definiu Abbade.

Segundo ele, alguns trabalhadores já relataram, inclusive, a ocorrência de enfrentamentos por parte de passageiros dentro de bairros mais afastados da Capital, pois o condutor alerta sobre a lotação máxima e muitas pessoas não querem ficar na parada. 

"Tem gente que não quer entender, querem subir no ônibus de qualquer jeito, daqui a pouco começam os dias de chuva e está ficando mais complicado para nós", ressaltou, reforçando que deixar passageiros "na rua" e o trabalhador ter que enfrentar isso tem sido praticamente inviável.

Além dessa situação Abbade reiterou que a categoria aguarda a prorrogação da Medida Provisória 936, do governo Federal, que trata da redução de carga horária e de salário, bem como da complementação dos salários por parte do governo. "Para nós está sendo um ano muito difícil, cada semana entra um decreto novo, esperando uma medida provisória que não sai, os empresários sinalizando uma dificuldade financeira, então está sendo muito difícil pra nós", assinalou. 

O próximo movimento do sindicato, segundo Abbade, será a tentativa de agendar uma reunião com o prefeito Nelson Marchezan Júnior. "Precisamos de algum apoio, algum sinal", disse.  

Medidas são para seguranças das pessoas 
A prefeitura de Porto Alegre informou, em nota, que as medidas adotadas "são para segurança das pessoas". "Compete às empresas de ônibus e seus funcionários cumprirem e fazerem cumprir as determinações legais. O número máximo de passageiros no coletivo sempre foi tarefa da tripulação, tendo agora apenas a diminuição em função da pandemia. Todos os serviços estão com diminuição de atendimento e compete ao prestador tal controle, não sendo diferente nos ônibus. Pedimos a colaboração da população e também da tripulação do transporte público para conter o contágio pelo novo coronavírus".

 A Associação dos Transportadores de Passageiros de Porto Alegre (ATP) informou que "orienta a tripulação a controlar, na medida do possível, o acesso de passageiros nos coletivos, atendendo ao decreto municipal. Pedimos também, para que os colaboradores evitem qualquer tipo de confronto com o usuário". 

Informações: Correio do Povo
READ MORE - Passageiros reclamam da demora dos ônibus em Porto Alegre

Em Salvador, Prefeitura anuncia início das obras do segundo e terceiro trechos do BRT

O início das obras dos trechos dois e três do sistema BRT fora autorizado nesta segunda-feira (29) pelo prefeito ACM Neto.

O primeiro trecho, entre o Parque da Cidade e a região da rodoviária, já está em andamento, com 75% das obras concluídas e previsão de entrega em dezembro. Para chegar à Estação da Lapa, o sistema, que será integrado ao metrô, vai passar pelas avenidas ACM, Magalhães Neto e Vasco da Gama.

A prefeitura informou sobre a extensão dos trechos do transporte, custo da obra e prazo para entrega. Confira:

TRECHO 2 – Lapa/Cidade Jardim (do Hospital Aliança até a Estação da Lapa, passando pela Av.Vasco da Gama)

R$ 203,7 milhões
Extensão: 6,9 km
Prazo: 28 meses
Empresa: Consórcio Engetec/PCE
TRECHO 3 – Parque da Cidade Pituba-Itaigara (Posto dos Namorados)

R$ 37,6 milhões
Extensão: 1,8 km
Prazo: 11 meses
Empresa: Engetec Construções e Montagem S/A
OBRAS COMPLEMENTARES - BRT:

Trincheira bidirecional (nova Tancredo Neves) - ligação avenida Tancredo Neves – avenida Magalhães Neto

R$ 42.975.816,46
Empresa: Consórcio OAS/Future ATP
Prazo: 11 meses
Construção de via nova e subterrâneo (Trincheira)
Recapeamento de vias existentes
Ajustes na passarela existente
Drenagem
Iluminação em LED
Paisagismo e equipamentos urbanos
Funções do equipamento:

1. Proporcionar conexão direta da Av. Magalhães Neto com a região interna (miolo) e com a pista principal da Av. Tancredo Neves;

2. Reduzir o fluxo intenso no trecho da pista marginal da Av. Tancredo Neves entre a Av. Magalhães Neto e a Rua José Peroba;

3. Melhorar a fluidez na Av. Tancredo Neves, priorizando o transporte coletivo;

4. Facilitar o acesso dos pedestres ao “miolo” ampliando a passarela existente;

5. Possibilitar a implantação de ciclovia na região

Informações: G1 Bahia
READ MORE - Em Salvador, Prefeitura anuncia início das obras do segundo e terceiro trechos do BRT

EMTU distribui 2 mil máscaras para passageiros das linhas intermunicipais em Campinas

A Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos (EMTU) de São Paulo começou a distribuir, nesta segunda-feira (29), 2 mil máscaras para passageiros de ônibus das linhas intermunicipais no Terminal Metropolitano de Campinas (SP). A medida foi tomada para evitar o avanço do novo coronavírus.

Os motoristas receberam um lote, às 9h30, com os equipamentos de proteção e devem distribuir para as pessoas que entrarem no transporte público sem máscara. A utilização do item é obrigatória nos ônibus em todo o Estado de São Paulo.

As máscaras são de pano, portanto podem ser lavadas e reutilizadas. No Terminal, passam 63 linhas da EMTU que circulam por 20 cidades da região.

Informações: G1 Campinas e Região
READ MORE - EMTU distribui 2 mil máscaras para passageiros das linhas intermunicipais em Campinas

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960