Em SP, Tarifa congelada faz número de usuários subir pela 1ª vez em 4 anos

sexta-feira, 3 de março de 2017

Pela primeira vez desde 2013, o mês de janeiro deixou de registrar queda no número de passageiros transportados pelos ônibus municipais da capital. A interrupção nas quedas ocorre em meio ao congelamento do preço da tarifa de ônibus, mantida a R$ 3,80 neste ano.

A elevação é pequena, de 1,5%. Em janeiro deste ano, segundo dados da SPTrans, foram feitas 210 milhões de viagens nos coletivos da cidade. Em janeiro de 2016, foram 207 milhões.

O congelamento da tarifa — que, descontada a inflação, na prática torna a tarifa mais barata — vem resultando em gastos inéditos com subsídios ao transporte público. Até o dia 1º de março, a Prefeitura já havia desembolsado R$ 407,7 milhões em subsídio para as empresas. Fora isso, até a mesma data, a empresa já tinha uma dívida acumulada de R$ 246 milhões com as empresas que operam o transporte público.

Questionada sobre as razões do aumento, a Prefeitura considerou que janeiro deste ano teve mais dias úteis do que em 2016 — foram 22 contra 20. Mas não fez mais comentários.

Informações: ANTP
READ MORE - Em SP, Tarifa congelada faz número de usuários subir pela 1ª vez em 4 anos

Metrô de Fortaleza tem horário de funcionamento ampliado

A Cia. Cearense de Transportes Metropolitanos está aumentando o horário de funcionamento da Linha Sul do Metrô de Fortaleza. A partir desta quinta-feira (2), estações e trens começam a funcionar uma hora mais cedo. As estações passam a abrir às 5h20 e os trens começam a circular a partir das 5h30, com partida simultânea nas duas extremidades da linha (estações Chico da Silva, no Centro, e Carlito Benevides, em Pacatuba).

Com essa medida, a Linha Sul tem aumentada a quantidade de horas em operação, de 12 horas e 30 minutos, para 13 horas e 30 minutos, diariamente. O intervalo de espera pelo próximo metrô, em todas as estações, continua em aproximadamente 20 minutos. Segundo o diretor-presidente da Cia. Cearense de Transportes Metropolitanos, Eduardo Hotz, a ampliação do horário de funcionamento faz parte de um conjunto de investimentos para melhorar o funcionamento do sistema.“Como resultado de um processo de melhoria das condições operacionais, temos a expectativa para os próximos meses de novas ampliações de horário, além de todos os outros investimentos que estão acontecendo”, explica Eduardo.

A Linha Sul tem recebido investimentos em tecnologia, com a implantação de sistemas de telecomunicações, bilhetagem eletrônica e sinalização e controle de trens. Este último será o sistema o responsável por viabilizar o funcionamento automatizado da Linha Sul, o que abrirá possibilidades de redução do tempo de espera para cerca de oito minutos, sem reduzir os níveis de segurança operacional.

Já o sistema de telecomunicações - que implantou câmeras, monitores, sistemas de som, rádio digital e fibra ótica interligando toda a Linha Sul - já está em pleno funcionamento. E o sistema de bilhetagem eletrônica está em fase de final de testes, com expectativa de começar a funcionar nas próximas semanas. Paralelamente à implantação dos sistemas, a utilização da Linha Sul pela população tem crescido. No ano passado, o número de passageiros aumentou 17%.

Informações: Governo do Ceará
READ MORE - Metrô de Fortaleza tem horário de funcionamento ampliado

Tarifa de ônibus em Sorocaba aumenta para R$ 4,10

Os usuários do transporte coletivo de Sorocaba sofreram um aumento de 7,89% nas passagens, reajuste que elevou a tarifa para R$ 4,10 e que foi anunciado semana passada pelo governo do prefeito José Crespo.

Em nota encaminhada pela Prefeitura de Sorocaba, o aumento tem objetivo de "recuperar as perdas de 14 meses sem elevação". O maior reajuste ocorreu na passagem de domingo e foi de 66,6%, com a passagem passando de R$ 1,50 para R$ 2,50. O vale-transporte subiu 15%, de R$ 4 para R$ 4,60. Já o passe estudante vai subir 6,6%, de R$ 1,50 para R$ 1,60.

Em nota, o prefeito reconheceu que o aumento da tarifa deverá repercutir negativamente junto à população e acrescentou que o sistema de transporte de Sorocaba tem "diferenciais importantes" que outras cidades não possuem. O principal deles é a integração temporal ou bilhete único, que permite ao usuário fazer até quatro viagens com uma mesma tarifa.

Informações: Jornal Cruzeiro do Sul
READ MORE - Tarifa de ônibus em Sorocaba aumenta para R$ 4,10

Anápolis terá app para usuário acompanhar horário de ônibus

Os usuários do transporte coletivo de Anápolis, município da Região Metropolitana de Goiânia, devem perceber melhorias no serviço em breve. A Companhia Municipal de Trânsito e Transporte (CMTT) estuda a implantação de um sistema que acompanhará em tempo real o deslocamento de toda a frota de ônibus da cidade. A expectativa é que a plataforma esteja funcionando em até 90 dias.

O presidente da CMTT, Carlos César Toledo, explica que o sistema permitirá que a fiscalização em relação a atrasos e cumprimento de todos os itinerários seja realizada de forma mais eficiente. Além da parte operacional, Toledo afirma que um aplicativo para smartphone será criado para que a população possa acompanhar os horários dos ônibus, semelhante ao serviço que já está disponível em Goiânia. “Se houver atraso, o usuário do transporte ficará sabendo e poderá se deslocar para o ponto de ônibus apenas quando for necessário”, diz o presidente.

De acordo com Toledo, a Urban – a concessionária responsável pelo transporte coletivo na cidade – mostrou-se interessada no sistema. “O investimento e aplicação será de total responsabilidade da empresa, que vai optar por locar ou adquirir os aparelhos”, afirma o presidente. O valor que será investido no sistema ainda não foi divulgado.

Ao todo, Anápolis possui 200 ônibus e 121 linhas. Apesar de existir solicitação de novos itinerários por parte da população, a CMTT ainda não realizou os estudos necessários para expansão do serviço. “Acabamos de assumir a gestão da companhia. Vamos analisar a conveniência das novas linhas”, disse o presidente.

Informações: emaisgoias.com.br
READ MORE - Anápolis terá app para usuário acompanhar horário de ônibus

Passagem de ônibus em Porto Alegre subirá R$ 0,30

Após protestos, discussões e desavenças envolvendo os rodoviários de Porto Alegre, o acordo salarial da categoria foi assinado ontem junto à patronal. Com a previsão de dissídio de 5,5%, o aumento em alguns benefícios e o encarecimento de materiais necessários para o serviço, como o combustível, a Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC) estima que o valor da passagem de ônibus na Capital será acrescido em R$ 0,30, passando de R$ 3,75 para R$ 4,05.

Segundo o diretor-presidente da EPTC, Marcelo Soletti, a prefeitura está aguardando o recebimento oficial do teor do acordo, pois, além do reajuste de 5,5%, há outras cláusulas sociais e econômicas envolvidas e é preciso avaliar a sua repercussão no custo do transporte público. "Ao receber a proposta, vamos calcular uma tarifa técnica e propor um valor. Deve ficar em cerca de R$ 4,05, pois a simulação que fizemos foi com a perspectiva de índice inflacionário de 5,15%, então o percentual ficou próximo", explica. 

Após calcular a tarifa técnica, a EPTC enviará a proposta de novo preço da passagem para o Conselho Municipal de Transportes Urbanos (Comtu), que, por sua vez, terá um prazo mínimo de sete dias para analisar e votar. Soletti espera encaminhar o novo valor ao conselho até o final desta semana e já ter a tarifa reajustada em vigor em até duas semanas, aproximadamente no dia 18 de março. O reajuste, assinado com o sindicato, prevê aumento de 5,5% no salário, pagamento de R$ 25,00 de vale-alimentação (hoje, o valor é R$ 23,48) diariamente, inclusive nas férias, e manutenção do passe livre para rodoviários afastados. 

Além disso, está previsto subsídio de 87% do custo do plano de saúde familiar da categoria por parte do contratante, contra 13% pagos pelos próprios funcionários (antes, 82% eram pagos pela empresa, e 18%, pelos trabalhadores). Mesmo assim, devido ao aumento da mensalidade do plano do Centro Clínico Gaúcho, serão descontados mensalmente R$ 45,00 do rodoviário. 

O valor anterior era de R$ 30,00. Também ficou acertada a garantia de permanência por pelo menos mais três anos da função de cobrador. A assembleia na qual foi discutida a contraproposta da patronal foi realizada no dia 22 de fevereiro, quando a nova oferta foi lida. A votação ocorreu na sexta-feira, dia 24. Conforme o presidente do Sindicato dos Rodoviários de Porto Alegre, Adair da Silva, foram 2.975 votos a favor e 1.325 contra.

"Basicamente, quem votou contra foram os servidores da Carris, que não tiveram seu plano de saúde cortado. Com o atraso no pagamento dos planos de saúde, os funcionários do restante das empresas estavam sem o serviço, mas isso já está normalizado desde sexta-feira", garante.

Informações: Jornal do Comércio 
READ MORE - Passagem de ônibus em Porto Alegre subirá R$ 0,30

Usuários aprovam a qualidade do transporte metropolitano na região do Vale do Paraíba e Litoral Norte

EMTU/SP tabulou o resultado da última pesquisa para medir o IQC - Índice de Qualidade de Satisfação do Cliente na Região Metropolitana do Vale do Paraíba e Litoral Norte. O IQC é o índice construído através de uma pesquisa, pelo método de entrevistas pessoais, onde os usuários das linhas metropolitanas opinam sobre a qualidade dos serviços de transporte em sua região.

A aprovação da Região Metropolitana do Vale do Paraíba e Litoral Norte em 2016 ficou com 87,2% de excelente e bom, com uma elevação de 8,9 pontos percentuais em relação a 2015, quando ficou em 78,3%. A reprovação ficou em 6,7% de ruim ou péssimo, com uma queda de 6,2 pontos percentuais em relação a 2015, quando registrou 12,9% de ruim ou péssimo.

Desde 2013, quando assumiu a RMVPLN,  a EMTU/SP realiza reuniões técnicas e treinamento nas empresas permissionárias com o objetivo de atender os desejos de viagens da população. A inspeção técnica veicular nos ônibus que operam as linhas metropolitanas têm sido realizadas regularmente e a fiscalização atuante, aliada à tecnologia, resultaram no cumprimento de viagens e dos horários das partidas das linhas em toda a região.

A avaliação apresenta 33 atributos que recebem notas médias de 0 a 10, avaliam as reclamações e elogios, com perguntas abertas e ouvindo usuários de vários perfis socioeconômicos, identificando o comportamento de uso do transporte público, se é para o trabalho, estudo ou lazer. 

O objetivo da pesquisa  é estabelecer diretrizes de atuação do sistema a partir do desempenho verificado e trabalhar para promover o atendimento à demanda, estruturar e administrar da melhor maneira possível o transporte público em todas as regiões metropolitanas do Estado de São Paulo.

EMTU/SP
Assessoria de Imprensa
READ MORE - Usuários aprovam a qualidade do transporte metropolitano na região do Vale do Paraíba e Litoral Norte

Em Curitiba, Passageiros de ônibus podem descer fora dos pontos após às 22 horas

Após as 22h, os passageiros do transporte coletivo de Curitiba podem descer em qualquer lugar do trajeto do ônibus, seguindo sempre as normas de segurança e de sinalização de trânsito. A Parada Livre é uma medida de segurança determinada pela Urbanização de Curitiba S/A (URBS) e serve para linhas que não têm desembarque em estações-tubos.

A Parada Livre existe desde o início da década de 1990 e atende a qualquer passageiro nas linhas convencionais, alimentadoras e interbairros. “O passageiro desembarca onde achar mais seguro, basta pedir para o motorista”, explica o gestor de Fiscalização de Transporte Coletivo da URBS, Amilton Daemme.

Patrulha do Transporte

Outra medida implantada para melhorar a segurança dos passageiros é a Patrulha do Transporte. Lançada nesse início de fevereiro, a Patrulha do Transporte Coletivo já desenvolveu várias ações. São dez viaturas e 20 guardas municipais que monitoram as principais e mais movimentadas linhas de ônibus do transporte coletivo, os terminais e as estações tubo.

Informações: URBS
READ MORE - Em Curitiba, Passageiros de ônibus podem descer fora dos pontos após às 22 horas

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960