Passagem de ônibus é reajustada para R$ 3,60 em Salvador

terça-feira, 3 de janeiro de 2017

A nova tarifa dos ônibus em Salvador já está valendo. Quem pegar algum coletivo na manhã desta segunda-feira (2) vai ter que pagar R$ 3,60 por trecho. A informação foi divulgada no final da noite deste domingo (1º) pela Secretaria Municipal de Mobilidade (Semob). O valor anterior da tarifa era de R$ 3,30.

De acordo com a Semob, o reajuste equivale ao índice do IPCA correspondente ao ano de 2016. A justificativa para o aumento é o "contrato de concessão com as empresas de transporte público que operam na cidade, que prevê correções anuais com base na inflação".

Durante a cerimônia de posse, neste domingo (1º), para o seu segundo mandato, o prefeito ACM Neto (DEM) anunciou o aumento, mas não confirmou valores. A previsão era de que a nova tarifa fosse cobrada apenas a partir desta terça-feira (3), após publicação no Diário Oficial do Município.

O secretário municipal de Mobilidade, Fábio Mota, vai falar ainda nesta segunda, em entrevista coletiva, sobre a correção da tarifa de ônibus.

"Não há hipótese de ter congelamento de tarifa. Ao contrário de São Paulo, que dá subsídio ao sistema, nós não damos. O valor ainda será fechado hoje, quando concluirmos os estudos. Mas só devemos anunciar amanhã. O teto é a recomposição inflacionária. Até R$ 3,60", disse Neto, neste domingo. 

Nas ruas
Passageiros comentaram a mudança, nos pontos de ônibus. O auxiliar de serviços gerais Márcio Nogueira, 48 anos, disse que entende o reajuste, mas acha o valor complicado para pagar. "Por um lado é justo, pela correção da inflação. Por outro lado, para nós, trabalhadores, nós não temos mais o que pagar de aumento. Algumas linhas são boas e conservadas, outras são absurdamente ruins e deficientes", avaliou.

Já a vendedora Elza Rosa, 47, disse que compreende o reajuste, e que o valor deve refletir a qualidade dos ônibus. "Eu acho normal. Se aumenta uma coisa, aumenta tudo. Eu não acho nem que é caro. Só acho que deveria ter mais limpeza e melhorias dentro dos coletivos", afirmou.

Segundo o cobrador Marco Aurélio Matos, a maioria das pessoas já estava ciente que o reajuste começaria hoje. "A maioria das pessoas entrou sabendo e não tive problema, então, é tranquilo, porque ainda está sendo cobrado o valor antigo para quem usa o SalvadorCard. É muito comum que as pessoas reclamem, mas até agora não tive nenhum problema", contou.

Informações: Correio 24 Horas

0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960