Em Teresina, Mais de 200 mil usuários foram pegos de surpresa com greve de motoristas

quinta-feira, 21 de julho de 2016

Após reunião entre empresários e representantes do Sindicato dos Trabalhadores de Empresas de Transportes Rodoviários (Sintetro), motoristas e cobradores decidiram voltar ao trabalho no início da tarde desta quinta-feira (21) e pôr fim à greve. A paralisação da categoria pegou de surpresa mais de 200 mil passageiros durante a manhã.
Foto: Fernando Brito/G1

De acordo com o presidente do Sintetro Fernando Feijão, os empresários concordaram em pagar a segunda parcela do acordo firmado em janeiro deste ano.
"Os pagamentos serão feitos até as 18h de hoje. O que queremos agora é que o Tribunal Regional do Trabalho (TRT) faça a mediação entre o Sintetro, a Prefeitura de Teresina e o Setut para que esse problema não aconteça novamente. Sabemos do transtorno, mas pedimos também a compreensão dos passageiros", falou Fernando Feijão.

Durante toda a manhã, muitos trabalhadores do sistema de transporte público de Teresina estavam de braços cruzados. Enquanto nas paradas de ônibus, passageiros esperaram mais de uma hora pelo ônibus. A reclamação é de que os 30% exigido por lei não estava circulando.

A Prefeitura de Teresina informou por meio de nota, que tem honrado todos os compromissos com o sistema de transporte público e que a pendência financeira alegada pela categoria não ultrapassou 24 horas, conforme acordo firmado com os concessionários.

A nota também diz que a administração municipal pagou ainda na manhã desta quinta-feira, o valor de R$ 610.388, 21 e que a justificativa de não pagamento dos salários dos trabalhadores que operam no sistema por atraso no repasse não se sustenta, tendo em vista que o sistema arrecada R$ 10 milhões por mês.

Informações: G1 PI

0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960