SPTrans faz parceria com a Autopass para recarga compartilhada do Bilhete Único e BOM em máquinas no Metrô

quarta-feira, 16 de março de 2016

Iniciativa da SPTrans permite que o Bilhete Único e o BOM  possam ser carregados em uma mesma máquina. Serão beneficiados usuários de transporte coletivo em toda Região Metropolitana de São Paulo, incluindo os dos ônibus municipais de São Paulo,  dos ônibus intermunicipais, do Metrô e da CPTM.

A SPTrans finalizou o processo de credenciamento da Autopass, empresa de soluções e serviços em bilhetagem eletrônica, voltada para a mobilidade urbana como revendedora de créditos do Bilhete Único. A assinatura do contrato ocorreu nesta quarta-feira, dia 16 de março.

Com essa iniciativa, as máquinas de recarga atualmente dedicadas exclusivamente à venda de créditos do BOM passarão a carregar também os cartões do Bilhete Único. Esse compartilhamento agilizará o processo de venda de créditos.

A implantação dos novos equipamentos deverá ocorrer de forma gradativa e será concentrada inicialmente nas estações de Metrô, sendo uma contribuição efetiva para a solução dos problemas de fila no atendimento dos usuários do Bilhete Único.

O cronograma de implantação dos novos equipamentos será divulgado na próxima semana.

O acordo firmado entre SPTrans e Autopass integra esforços de todos os envolvidos na operação dos serviços de transporte na Região Metropolitana de São Paulo, no sentido de facilitar o acesso ao crédito eletrônico de transporte, colaborando com a redução do volume de dinheiro em circulação nos veículos e estações, em favor do menor tempo de viagem e maior segurança dos usuários.

Os usuários do Bilhete Único têm à sua disposição, além das máquinas de autoatendimento, outros 9 mil postos de recarga como terminais de ônibus, postos da SPTrans e pontos comerciais. As compras ainda podem ser feitas na Loja Virtual da SPTrans (em sptrans.com.br) e o aplicativo Zuum para telefones celulares.

Assessoria de Imprensa - SPTrans
Informações: Blog Meu Transporte

0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960