Tarifa de ônibus custará R$ 3,75 em Porto Alegre, diz EPTC

sexta-feira, 19 de fevereiro de 2016

A Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC) anunciou na tarde desta sexta-feira (19) as novas tarifas do transporte público de Porto Alegre. A passagem de ônibus custará R$ 3,75, e a de lotação, R$ 5,60. O valor para estudantes será R$ 1,87. Os preços passam a vigorar nesta segunda-feira (22), dia em que a nova frota começa a circular na capital gaúcha.
Foto: Ricardo Giusti/PMPA
O valor foi reajustado em 15,38% em relação aos preços antigos, de R$ 3,25 para os ônibus e de R$ 4,85 para lotações. A porcentagem é superior ao aumento salarial para os transportadores rodoviários, definido em 11,81% no dissídio. Os motoristas passam a receber R$ 2.424,52, e os cobradores, 1.456,60. Segundo a prefeitura, os valores são os maiores entre capitais brasileiras.

A prefeitura afirma que os salários dos rodoviários têm peso de 46,49% na composição da tarifa, conforme foi definido na licitação do transporte coletivo. Outros 21,2% equivalem a custos variáveis, 5% a peças e assessórios e o restante a outros itens, como a implantação de ar-condicionado em toda a frota.

Ainda em outubro de 2015, quando o novo layout foi apresentado em evento, o prefeito José Fortunati afirmou que a tarifa só deve ser reajustada uma vez em 2016. O edital prevê que o valor proposto por cada lote seria reajustado de acordo com o Índice de Preço ao Consumidor Amplo (IPCA), entre a data da proposta (6 de julho) e a data do início dos serviços.

Os novos veículos foram apresentados na manhã desta sexta no Largo Glênio Peres, no Centro da cidade. No início da operação, serão 296 veículos novos na frota. Uma das novidades é a identidade visual, com cores específicas que informam as regiões de destino para os passageiros: o azul será destinado às linhas que atendem a Zona Norte da cidade; o verde, para a região Leste; o vermelho, para Sul, e o amarelo corresponderá aos trajetos da Companhia Carris, com linhas transversais.

Todos os coletivos serão adaptados para cadeirantes. Em até 10 anos, 100% dos ônibus deverão contar com equipamento de ar-condicionado. A adesivagem com o novo layout nos ônibus que já rodam na capital será feita gradualmente.

Informações: G1 RS


Colabore com o Blog Clicando nos anúncios da página

0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960