Passagem de ônibus em Teresina sobe para R$ 2,75

quarta-feira, 6 de janeiro de 2016

A Prefeitura de Teresina anunciou nesta quarta-feira (6) o aumento da passagem de ônibus de R$ 2,50 para R$ 2,75. O decreto que definiu o reajuste de 10% será publicado ainda nesta quarta no Diário Oficial do Município. Por decisão do prefeito Firmino Filho, o valor da meia tarifa permanece congelado em R$ 1,05.
Foto: Marco Freitas/G1

O aumento em R$ 0,25 centavos é menor que o reajuste proposto pelo Conselho Municipal de Transportes Públicos de Teresina, cujo valor ficaria em R$ 2,83. Para conceder o aumento, a Prefeitura levou em consideração a planilha de gastos do sistema.

Conforme os dados apresentados, no período, as despesas com insumos aumentaram. O valor do combustível aumentou 14,34% e o pagamento de pessoal, 10,97%, no período, por exemplo.

“A proposta do Conselho era de R$ 2,83 porque eles levaram em consideração a mesma quantidade de passageiros do ano passado. Acreditamos que, com a implantação dos terminais de integração, o número de passageiros irá aumentar, assim como a qualidade no sistema de transporte da capital”, falou o prefeito Firmino Filho.

O Conselho Municipal de Transporte chegou a se reunir na última semana de dezembro do ano passado para discutir o novo valor da passagem e chegou a sugerir que a tarifa fosse de R$ 2,83 e a meia R$ 1,18. No entanto, a decisão da prefeitura foi manter o valor de R$ 1,05 para os estudantes.

Para representantes do movimento estudantil, o congelamento é uma prova de que o reajuste não deveria ter sido dado neste ano diante das inúmeras falhas que o sistema possui e que não tem oferecido aos usuários um transporte de qualidade, compatível com o valor da tarifa.

A prefeitura, por sua vez, diz que várias melhorias estão sendo feitas para atender os usuários e citou a construção de faixas e corredores exclusivos para ônibus. Com essas medidas, o passageiro pagará apenas uma passagem e poderá se deslocar por toda a cidade, inclusive utilizando linhas interterminais.

Segundo o prefeito Firmino Filho, as modificações permitirão ainda que o usuário do sistema possa se deslocar com mais rapidez, já que os ônibus trafegarão de forma livre, sem concorrer com os carros.

Em todo Brasil, usuários de transporte público de ao menos 18 cidades do país - entre elas, seis capitais - sofreram aumento na passagem de ônibus municipal nos primeiros dias de 2016.

Por Patrícia Andrade
Informações: G1 PI

0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960