Biometria Facial facilita embarque de passageiros não pagantes em SP

quarta-feira, 2 de dezembro de 2015

Na cidade de São Paulo, os passageiros que são isentos do pagamento de tarifa, a partir de domingo, 6 de dezembro, não vão precisar ter o bilhete validado pelo cobrador.

A funcionalidade é feita por meio de câmeras instaladas nos validadores, que registram a imagem do titular do cartão. A tecnologia da biometria fácil também evita fraudes.

Outra vantagem é a agilidade na passagem pela catraca, podendo tornar o embarque mais rápido, quando este tipo de passageiro deseja acessar a parte traseira do ônibus. A imagem colhida é comparada à imagem cadastrada no banco de dados da SPTrans. O Bilhete Único pode ser suspenso em caso de fraude.

Por Renato Lobo
Informações: Piortal ViaTrolebus

Leia também sobre:

0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960