Paralisação de ônibus afeta 50 mil pessoas em Manaus

segunda-feira, 23 de novembro de 2015

Cerca de 50 mil pessoas foram afetadas no início da manhã desta segunda-feira (23) devido a uma paralisação da frota de ônibus de duas empresas que prestam o serviço em Manaus. De acordo com o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Amazonas (Sinetram), mais de 200 veículos ficaram estacionados nas garagens até serem liberados por volta das 6h.
Foto: Sandro Pereira
De acordo com informações da assessoria de comunicação do Sinetram, o motivo da paralisação das empresas Vega e São Pedro ocorreu devido ao adiantamento do salário que costuma ser depositado na conta dos trabalhadores no dia 20 de cada mês.

"Devido ao feriado da 'Consciência Negra', o adiantamento não caiu e eles decidiram paralisar por volta das 4h30. Às 6h, eles voltaram ao normal. Informamos a eles que o dinheiro deve cair no decorrer desta segunda.", informou a assessoria.

Segundo o Sinetram, a empresa Vega opera com 13 linhas e 79 ônibus, enquanto a São Pedro administra 21 linhas com 139 carros. A frota das empresas atende as Zonas Leste, Centro-Oeste e parte da Norte. Em média, o Sinetram afirma que 50 mil pessoas foram afetadas nesta manhã, na capital.

Informações: G1 AM

0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960