Obras das Linhas 1 e 2 do Metrô avançam em Salvador

sábado, 26 de setembro de 2015

Aproximadamente seis mil trabalhadores, entre diretos, indiretos e terceirizados, estão dando continuidade às obras da Linha 1 e a construção da Linha 2 do Metrô de Salvador. Atualmente, os operários erguem os pilares e travessas que vão formar a mesoestrutura da Estação Detran, uma das 13 estações da Linha 2, que fazem parte do Sistema Metroviário Salvador-Lauro de Freitas, que, no total, terá 41 quilômetros de extensão.

Na tarde de quinta-feira (24), o diretor presidente da CCR Metrô Bahia, Luis Valença, visitou o canteiro de obras da estação Detran e informou sobre o andamento das intervenções e os prazos previstos para conclusão dos trechos. A obra da estação Bonocô, por exemplo, está sendo executada sem interferir no funcionamento do metrô, que continua com operação assistida da Lapa ao Bom Juá. Uma grade de proteção foi instalada para proporcionar segurança aos operários.

Há seis meses desempenhando a função de soldador, Júlio Cézar Santos Santana, morador do bairro Engenho Velho de Brotas, se sente duplamente realizado. Primeiro, por não estar mais desempregado. Segundo, por ajudar a realizar um sonho antigo da população – ver o metrô funcionando. “Eu estava desempregado. [Há] um certo tempo parado.

Aí, surgiu essa oportunidade. Graças a Deus, estou trabalhando aqui, levando sustento para minha família. Esta obra está sendo muito importante. A pessoa vai chegar no aeroporto. De lá, rápido, já está na Rótula [do Abacaxi], Lapa, vai ser um tapa, né? Eu vou usufruir do metrô. Meus filhos, minha família também. Eu sei que vai ser uma realidade”, afirma Santana. Para o servente Fabrício Marques, morador do bairro da Ribeira, trabalhar na obra do Sistema Metroviário Salvador-Lauro de Freitas “é uma honra, um mérito, participar junto com todos dessa grande obra que trará uma grande mobilidade para nossa cidade”.

Informações: Tribuna da Bahia


0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960