Grande Campinas: Vinte e oito linhas de ônibus tiveram suas tarifas reajustadas

domingo, 12 de julho de 2015

Vinte e oito linhas intermunicipais da Empresa Metropolitana de Transporte Urbano (EMTU) na Região Metropolitana de Campinas (RMC) sofreram reajuste nas tarifas na quinta-feira (9). 

O motivo do aumento das passagens, segundo a empresa, são os novos valores dos pedágios que passaram a vigorar no dia 1º de julho. O aumento nas praças de pedágios foi de até 8,47%. Já os aumentos para usuários de ônibus  são de R$ 0,05 e R$ 0,10, dependendo da linha e empresa.

A EMTU informou que os novos valores foram divulgados  em cartazes a partir de quarta-feira (8). As linhas das empresas Ouro Verde, Rápido Luxo e VB terão acréscimo de R$ 0,05 no valor. As linhas da Salamanca e Metrópolis serão reajustadas em R$ 0,10. As informações são da EMTU.

Linhas:
Metropolis
612 (Jaguariúna/Campinas: valor até 8/07 R$ 5,25. Novo valor R$ 5,35)
612EX1 (Jaguariúna/Campinas:valor até 8/07 R$ 5,25. Novo valor R$ 5,35)
616 (Pedreira/Campinas: valor até 8/07 R$ 6,55. Novo valor R$ 6,65 )
618 (Santo Antônio de Posse/Campinas: Valor até 8/07 R$ 6,55. Novo valor R$ 6,65)
714 (Jaguariúna/Campinas: valor até 8/07 R$ 5,25. Novo valor R$ 5.35)
715 (Jaguariúna/Campinas: valor até 8/07 R$ 5,25. Novo valor R$ 5.35)
  734 (Santo Antônio de Posse/Campinas: valor até 8/07 R$ 5,60. Novo valor R$ 5.70)
Ouro Verde
633 (Americana/Campinas: valor até 8/07: R$ 8,50. Novo valor R$ 8,55)
Rápido Luxo
686 (Vinhedo/Campinas: valor até 8/07: R$ 3,70.Novo valor R$ 3,75)
686EX1 (Vinhedo/Campinas: valor até 8/07: R$ 3,70. Novo valor R$ 3,75)
686EX2 (Vinhedo/Campinas: valor até 8/07: R$ 3,70. Novo valor R$ 3,75)
687 (Vinhedo/Campinas: valor até 8/07 : R$ 3,70. Novo valor R$ 3,75)
687EX1 (Vinhedo/Campinas: valor até 8/07 : R$ 3,70. Novo valor R$ 3,75)
687EX2 (Vinhedo/Campinas: valor até 8/07 : R$ 3,70. Novo valor R$ 3,75)
688 (Vinhedo/Campinas: valor até 8/07 : R$ 3,70. Novo valor R$ 3,75)
688BI1( Vinhedo/Campinas: valor até 8/07 : R$ 3,70. Novo valor R$ 3,75)
Salamanca
693 (Arthur Nogueira/Campinas: valor até 8/07: R$ 8,50. Novo Valor R$ 8.60)
VB
600 (Indaiatuba/Campinas: valor até 8/07: R$ 4,55. Novo valor R$ 4,60)
601 (Indaiatuba/Campinas: valor até 8/07: R$ 4,55. Novo valor R$ 4,60)
738 (Indaiatuba/Campinas: valor até 8/07:R$ 4,70. Novo valor R$ 4,75)
738VP1 (Indaiatuba/Campinas: valor até 8/07:R$ 3,95. Novo valor R$ 4)
606 (Cosmópolis/Campinas: valor até 8/07: R$ 5,00. Novo valor R$ 5,05)
606DV1(Cosmópolis/Campinas: valor até 8/07: R$ 5,00. Novo valor R$ 5,05)
606EX1 (Arthur Nogueira/Campinas: valor até 8/07: R$ 6,40. Novo valor R$ 6,45)
607 (Cosmópolis/Campinas: valor até 8/07: R$ 4,65. Novo valor R$ 470)
608 (Cosmópolis/Campinas: valor até 8/07: R$ 3,90. Novo valor R$ 3,95)
608EX1(Cosmópolis/Campinas: valor até 8/07: R$ 3,90. Novo valor R$ 3,95)
609 (Paulínia/Cosmópolis: valor até 8/07: R$ 4,15. Novo valor R$ 4,20)

0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960