Atrasadas, obras do BRT em Campinas devem começar setembro

terça-feira, 28 de abril de 2015

A partir de setembro desse ano os motoristas que trafegam pelos corredores da Amoreiras e Jonh Boyd Dunlop  deverão encontrar mais problemas no trânsito. Isso porque a nova data passada pela prefeitura de Campinas para o início das obras do BRT é de 120 dias. A promessa inicial era 2014 quando a administração conseguiu financiamento de R$ 340 milhões através da Caixa Econômica Federal.

De acordo com o Secretario de Transportes de Campinas, Carlos José Barreiro, foi finalizado o projeto básico no inicio do mês de abril e entregue à Caixa. Segundo ele, as obras devem começar efetivamente no mês de setembro.

O projeto abrange a construção dos corredores do Ouro Verde e Campo Grande, além do corredor perimetral ligando a Vila Aurocan até o Campos Elíseos. São cerca de 35 quilômetros.

O secretário comenta que os motoristas que trafegam pelas regiões que passarão pelas reformas terão que administrar a situação

Com relação às ciclovias nos corredores do BRT, Barreiro disse que no plano cicloviário que foi projetado se prevê na etapa 3, ciclovias vinculada ao BRT, não ocupando faixas do transporte coletivo, mas se integrando ao sistema, servindo de ligação entre o bairro e as estações de transferência.

Por André Berenguel
Informações: Portal CBN Campinas

0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960