Primeiro dia de funcionamento do BRT em Uberaba é tranquilo

segunda-feira, 2 de fevereiro de 2015

No primeiro fim de semana de funcionamento do Sistema de Transporte Rápido em Uberaba,  pesar de algumas reclamações, não houve tumultos e tudo ocorreu de forma tranquila. As bilheterias nos terminais começaram a funcionar neste sábado (31), com a passagem sendo vendida por R$ 3,10, mesmo preço de antes.
Foto: Jairo Chagas | JM Online
Com o novo sistema, o usuário conseguiu fazer integração entre linhas e trocar de ônibus, pagando apenas uma viagem. Mesmo com frota reduzida, o que será regra nos fins de semana, a quantidade de ônibus atendeu bem aos usuários.

Adequações e reparos na parte estrutural do sistema continuam sendo feitos, principalmente em relação ao trânsito. Uma equipe ainda está concluindo a instalação dos tachões que delimitam a faixa exclusiva para os ônibus.

Funcionários da Prefeitura continuam orientando os usuários com dúvidas nos terminas e nas estações. Segundo o superintendente do Transporte, Claudinei Nunes, a recomendação para os usuários que ainda não conhecem o sistema é se adiantar na segunda-feira para a hora do trabalho ou da escola.

Obra
A obra teve valor total de pouco mais de R$ 31 milhões, sendo R$ 19 milhões da Prefeitura, aproximadamente R$ 1,9 milhão de estações, obtidas por meio de compensação da MRV e quase R$ 10 milhões das empresas de transporte coletivo (construção de um terminal e frota nova). Ao todo, 12 ônibus irão percorrer as extremidades da Avenida Leopoldino de Oliveira, passando a cada quatro minutos nas estação tubo. O Terminal Leste recebeu o nome de Isaura Fuzaro Pereira. O Terminal Oeste recebeu o nome de Adauto Pereira de Almeida.

O custo da passagem é de R$ 3,10, obedecendo reajuste de 2015. A utilização do sistema vetor nas estações tubo só é possível através de cartão que pode ser obtido nos terminais ou Associação das Empresas do Transporte Coletivo Urbano de Uberaba (Transube).

Em discurso, o prefeito Paulo Piau afirmou que o objetivo principal da implantação é oferecer condições para que o uso do transporte coletivo aumente entre a população. “Uberaba tem um baixo índice de uso do transporte coletivo se comparado a outras cidades. O transporte coletivo atinge em 3,9 vezes à população, queremos que seja 7 vezes a população andando de ônibus”, afirmou.

Informações: G1 Triângulo Mineiro

0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960