Tarifa de ônibus em Barra Mansa-RJ custará R$ 3

segunda-feira, 8 de dezembro de 2014

O prefeito de Barra Mansa, Jonas Marins, assinou ontem decreto municipal fixando os valores das tarifas de transporte coletivo em R$ 3 e R$ 1,50, com desconto. Os novos valores foram aprovados pelo Conselho Municipal de Transportes Coletivos e são válidos a partir do dia 14 de dezembro. O reajuste no valor das passagens é concedido anualmente, conforme previsto em decreto municipal de 2004. 

Nas últimas semanas, o aumento na tarifa do transporte público em Barra Mansa chegou a gerar discussão entre o Governo Municipal e o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros (SindPass). O presidente da entidade que representa as empresas de ônibus da região, Paulo Afonso de Paiva Arantes, havia apresentado a proposta de aumento do valor de R$ 2,80 para R$ 3,30. Na ocasião, o prefeito Jonas Marins havia descartado o reajuste.

Em entrevista ao jornal A VOZ DA CIDADE, Paulo Afonso defendia a necessidade do aumento, explicando que os preços dos pneus, do óleo diesel e da energia haviam sofrido alta e que, por isso, era necessário registrar o peso na composição tarifária.  “São cerca de 80 ônibus com aproximadamente 400 pessoas trabalhando, que vivem direta e indiretamente deste serviço. Os salários dos profissionais também sofreram aumento. Precisamos pagar o 13º da categoria. Então, para manter o serviço em condições, tendo como volume mais de um milhão de passageiros transportados por mês, precisamos do reajuste”, defendeu ressaltando que, durante reunião que tratava do assunto, o prefeito chegou a demonstrar ‘irresponsabilidade’ ao negar a questão.

Para o prefeito, o aumento sugerido pelo SindPass era ‘injusto’ e ‘abusivo’. “Por mim, não seria dado aumento nenhum. Porém, por força de lei, tem que haver um reajuste anual, mas com critérios”, disse Jonas informando que existe o Conselho de Transporte que estuda a planilha e o próprio órgão reprovou o aumento. “As passagens em Barra Mansa nunca serão cobradas R$ 3,30,” destacou Jonas admitindo que seria estudado, no máximo, o reajuste da inflação.  Segundo o prefeito, Barra Mansa teve o menor índice de aumento de passagens no seu governo.

Informações: A Voz da Cidade

0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960